Entenda Melhor | Capitão América: Guerra Civil – Tudo Que Você Precisa Saber (sem spoilers)

Obs: Leiam a crítica sem spoilers do filme, aqui.

O Universo Cinematográfico Marvel – UCM tem ficado cada vez mais vasto e interligado. Muitas linhas narrativas e todos os personagens são tirados de 75 anos de quadrinhos, se considerarmos como marco inicial o primeiro número de Captain America Comics, de 1941, quando a Marvel ainda estava longe de ser a Marvel. E, claro, isso pode confundir os “não-iniciados” e até mesmo quem conhece o material fonte.

Assim, o objetivo desse pequeno e ricamente ilustrado Entenda Melhor, assim como fizemos com Homem-Formiga, Vingadores: Era de UltronThor 2, Capitão América 2, Guardiões da Galáxia e Os Vingadores, é situar o leitor nesse universo, fazer a ligação com os quadrinhos e tornar a experiência mais palatável e, em alguns casos, mais aprofundada (ou mais confusa, depende…).

Mas não se preocupem, pois NÃO HÁ SPOILERS do filme. Boa leitura!

1. Personagens do filme que já foram objeto de artigos do site:

Vários personagens do filme já foram abordados em artigos específicos sobre eles ou sobre o filme em que debutaram. Assim, para saber mais sobre cada um deles, clique em seus  respectivos nomes, na lista logo abaixo.

Os Vingadores (grupo)
Homem de Ferro
Capitão América
Gavião Arqueiro
Visão
Feiticeira Escarlate
Falcão
Soldado Invernal
Viúva Negra
Homem-Formiga
Howard Stark

2. Guerra Civil – A Saga em Quadrinhos:

guerra_civil_quadrinhos

O terceiro filme do Capitão América dentro do UCM é baseado em uma das mais famosas e melhores (se não for a mehor) sagas publicada pela Marvel. Começando com Caminho para a Guerra Civil, a saga Guerra Civil teve sete números dedicados, publicados entre julho de 2006 e janeiro de 2007, além de ter tomado todas as publicações regulares da Marvel Comics de uma forma ou de outra, com tie-ins.

A grande novidade da saga é que ela não tem um inimigo bem marcado e sim um choque de ideias que leva o Capitão América a entrar em choque com o Homem de Ferro, com os mais diversos heróis Marvel escolhendo um lado ou outro. E que choque foi esse? Bem, depois quem os Novos Guerreiros, um grupo de heróis jovens que fazem de seus heroísmos um reality show, ocasionam as mortes de centenas de pessoas na cidade de Stamford, o Governo Americano decide colocar em vigor o Ato de Registro de Super-Humanos, que efetivamente colocaria todos os super-heróis sob controle governamental. Isso significaria, inclusive, a necessidade de os heróis revelarem suas respectivas identidades secretas e passarem por treinamentos.

Como Sentinela da Liberdade, o Capitão América vê no Ato uma acinte à liberdade e não aceita o controle e o registro. Já o Homem de Ferro, com sua visão pragmática, entende que o controle é um mal necessário. O conflito de ideias que nasce daí é fascinante e o roteiro da saga é cuidadoso ao não tornar fácil a escolha de um lado ou de outro, mostrando vantagens e desvantagens de maneira igualitária entre as facções.

A saga é de teor adulto e desafiador, tem mortes e acaba com uma grande tragédia que deixarei de contar aqui para quem por acaso se interessar em ler. Seus efeitos foram razoavelmente duradouros nas publicações Marvel, mas muitos deles – se não todos – já foram suavizados ou completamente desfeitos, como é comum em sagas dessa natureza.

No filme – calma, não assisti ainda, pelo que nem posso dar spoilers! -, esperem que a premissa básica de “controle governamental” seja mantida, mas não esperem uma adaptação muito próxima. Quadrinhos são quadrinhos, filme é filme!

3. Os Lados da Guerra Civil

guerra_civil_filme

Nos quadrinhos, os dois lados da luta foram definidos rapidamente, mas houve também mudanças de lado. As listas não-exaustivas abaixo abordam os lados iniciais nos quadrinhos e, com base apenas nos trailers, no filme também:

Lado Pró-Registro (ou #teamironman):

Quadrinhos – Homem de Ferro, Homem-Aranha Viúva Negra, Hank Pym, Deadpool, Blade, Senhor Fantástico, Maria Hill, Mulher-Hulk, Estatura, Tigresa, Vespa, Magnum, Dum Dum Dugan, Bishop.

Filme – Homem de Ferro, Pantera Negra, Viúva Negra, Máquina de Combate, Visão, Homem-Aranha.

Lado Anti-Registro (ou #teamcap):

Quadrinhos – Capitão América, Falcão, Soldado Invernal, Pantera Negra, Sharon Carter, Demolidor, Golias, Hércules, Tocha Humana, Mulher Invisível, Luke Cage, Jessica Jones, Justiceiro, Nick Fury, Justiça.

Filme – Capitão América, Falcão, Soldado Invernal, Sharon Carter, Gavião Arqueiro, Feiticeira Escarlate, Homem-Formiga.

4. Peter Parker / Homem-Aranha:

homem_aranha

Primeira aparição nos quadrinhos: Amazing Fantasy #15, de agosto de 1962.
Poderes: super-força, super-agilidade, pode escalar superfícies,sentido aranha de perigo iminente. Parker é um gênio científico. As teias são produzidas por atiradores mecânicos presos aos pulsos.
Primeira aparição no UCM: Capitão América: Guerra Civil.
Ator: Tom Holland

O Amigão da Vizinhança dispensa apresentações, já que ele é um dos heróis mais famosos dos quadrinhos, tendo sido objeto de telefilmes e séries de TV live-action e animadas, além de cinco filmes de grande orçamento, três de Sam Raimi e dois de Marc Webb. Sua aparição somente agora no UCM se dá pelo fato de a Marvel, antes de iniciar seu projeto cinematográfico, ter licenciado o personagem e todos os demais conectados a ele para a Sony, que fechou acordo de utilização mútua do Aranha recentemente. É importante lembrar que esse Homem-Aranha não tem relação alguma com os dois Aranhas que foram objetos dos cinco filmes da Sony. Trata-se de mais um recomeço, com um novo filme solo – Homem-Aranha: Homecoming – marcado para estrelar em 2017.

Para quem viveu até agora em uma caverna, o Homem-Aranha surgiu depois que o tímido estudante Peter Parker foi picado por uma aranha radioativa (hoje “geneticamente alterada”) em um laboratório, adquirindo os poderes proporcionais ao do aracnídeo. Ele é órfão e vive com sua tia May, depois que seu tio Ben morreu pelas mãos de um assaltante que ele não impediu, apesar de ter tido a chance. Jurando usar seus poderes para o bem (“com grandes poderes vêm grandes responsabilidades”), Parker, então, torna-se o Homem-Aranha.

5. T’Challa / Pantera Negra:

pantera_negra

Primeira aparição nos quadrinhos: Quarteto Fantástico #52, de julho de 1966.
Poderes: super-força, super-agilidade, sensos aguçados, exímio caçador e rastreador, além de ser um gênio científico. Seu uniforme é feito de vibranium, o que lhe confere resistência a impactos e proteção.
Primeira aparição no UCM: Capitão América: Guerra Civil.
Ator: Chadwick Boseman

T’Challa tornou-se o Pantera Negra e rei de Wakanda, nação fictícia no coração da África, depois que seu pai, o Rei T’Chaka (vivido por John Kani no filme) foi morto por Ulysses Klaw, que viria a se tornar o Garra Sônica, quando este tentava roubar o metal fictício vibranium. Mais tarde, o Pantera Negra viria a se unir aos Vingadores e também ao grupo secreto Illuminati, que manobra todo o Universo Marvel nas sombras.

Apesar de não ser de verdade o primeiro herói negro dos quadrinhos, ele é, na verdade, o primeiro herói com poderes dos quadrinhos mainstream e um dos mais importantes por abrir as portas da diversidade étnica. Seu papel ao longo das dezenas de anos desde sua criação tem sido muito importante no Universo Marvel, com publicações próprias e também participando ativamente de publicações de grupo de maneira quase ininterrupta.

6. James “Rhodey” Rhodes / Máquina de Combate:

maquina_de_combate

Primeira aparição nos quadrinhos: Homem de Ferro #118, de janeiro de 1979 (James Rhodes), Homem de Ferro #281/282, de setembro e outubro de 1992 (Máquina de Combate).
Poderes: sem a armadura criada por Tony Stark, Rhodes é um homem comum (um soldado em plena forma física). Com a armadura, ele tem praticamente as mesmas habilidades do Homem de Ferro.
Primeira aparição no UCM: Homem de Ferro (James Rhodes), Homem de Ferro 2 (Máquina de Combate).
Ator: Don Cheadle

Nos quadrinhos, o tenente James Rhodes é um dos maiores amigos de Tony Stark, tendo se conhecido quando o bilionário playboy construíra sua primeira armadura para fugir da prisão no Vietnã. Quando Stark sucumbiu ao alcoolismo, Rhodey tomou o manto de Homem de Ferro, assim permanecendo até a recuperação de seu amigo. Bem mais tarde, quando Stark foi dado como morto, Rhodey novamente vestiu a armadura, desta feita, porém, uma criada tendo ele em mente e chamada inicialmente de Variable Threat Response Battle Suit. Depois que Stark volta dos mortos, ele pede que Rhodey continue com a armadura e ele acaba assumindo o  nome de Máquina de Combate.

Nos filmes do UCM, Rhodey é apresentado substancialmente da mesma forma, como antigo amigo de Tony Stark que acaba obrigado a usar uma armadura de Homem de Ferro. Stark, a contra-gosto, deixa Rhodey ficar com a armadura, que é, então, alterada por Justin Hammer, tornando-se, então, o Máquina de Combate. Rhodey depois brevemente se torna o Patriota de Ferro (com as cores da bandeira dos EUA) em Homem de Ferro 3, mas volta ao status de Máquina de Combate (prata e tons de cinza) em Vingadores: Era de Ultron.

7. Sharon Carter / Agente 13:

sharon_carter

Primeira aparição nos quadrinhos: Tales of Suspense #75, de março de 1966.
Poderes: nenhum, mas ela é uma agente da S.H.I.E.L.D. treinada como tal.
Primeira aparição no UCM: Capitão América 2: O Soldado Invernal.
Atriz: Emily VanCamp

Nos quadrinhos, Sharon Carter foi inicialmente a irmã mais nova de Peggy Carter, o amor da Segunda Guerra Mundial de Steve Rogers, o Capitão América. Mais tarde, considerando que personagens em quadrinhos “não envelhecem”, o parentesco teve que ser alterado com um retcon para “sobrinha” de Peggy. Sharon cresceu ouvindo histórias de sua irmã/tia e acabou tornando-se uma agente da S.H.I.E.L.D. (codinome Agente 13) e, em uma de suas primeiras missões, já depois de o Capitão América ter sido revivido, ela é salva por ele e os dois começam uma relação amorosa.

No UCM, Sharon Carter é introduzida discretamente em Capitão América 2: O Soldado Invernal como uma vizinha de Steve Rogers que, na verdade, está lá para protegê-lo (como a enfermeira Kate) por ordens de Nick Fury. Quando a S.H.I.E.L.D. acaba, ela acaba se alistando na C.I.A. e o filme dá a entender que Rogers e ela teria também uma relação romântica (graças aos “empurrões” da Viúva Negra).

8. Thaddeus Ross:

thaddeus_ross

Primeira aparição nos quadrinhos: O Incrível Hulk #1, de maio de 1962.
Poderes: nenhum, mas ele é um militar de carreira na Força Aérea americana, treinado como tal.
Primeira aparição no UCM: O Incrível Hulk.
Ator: William Hurt

O General Thaddeus E. “Thunderbolt” Ross é, nos quadrinhos, o arqui-inimigo do Hulk, caçando-o a todo o instante. Ele foi o responsável pelo programa da bomba gama que transformaria Bruce Banner no Golias Esmeralda e é pai de Betty Ross, amor de Banner. Ele próprio chega a se transformar no Hulk Vermelho, com poderes idênticos aos do Hulk tradicional, mas retendo sua inteligência.

No UCM, Ross é inicialmente apresentado substancialmente da mesma forma que nos quadrinhos como um general em O Incrível Hulk que acaba sendo responsável pela caçada ao monstro. Em Capitão América: Guerra Civil, ele terá sido elevado ao cargo de Secretário de Estado dos Estados Unidos.

9. May Parker:

tia_may

Primeira aparição nos quadrinhos: Amazing Fantasy #15, de agosto de 1962.
Poderes: amabilidade e doçura em níveis extremos.
Primeira aparição no UCM: Capitão América: Guerra Civil
Atriz: Marisa Tomei

Mais conhecida como Tia May, May Parker é a tia de Peter Parker que o criou desde pequeno, depois que seu pais morreram. Nos quadrinhos, ela não sabe a identidade super-heroística de Homem-Aranha do sobrinho e, na verdade, tradicionalmente considera o herói um vilão, morrendo de medo dele.

10. Everett K. Ross:

everett_ross

Primeira aparição nos quadrinhos: Ka-Zar Vol. 4, #17, de setembro de 1998.
Poderes: nenhum.
Primeira aparição no UCM: Capitão América: Guerra Civil
Ator: Martin Freeman

Nos quadrinhos, Everett K. Ross era um empregado do Departamento de Estado dos EUA que tinha como função escoltar diplomatas estrangeiros em território americano. Ele acaba recebendo a missão de escoltar T’Chall, o Pantera Negra e os dois acabam enfrentando, juntos, ameaças a Wakanda.

É bem possível que seu papel no filme seja muito parecido ao dos quadrinhos.

11. Brock Rumlow / Ossos Cruzados:

ossos_cruzados

Primeira aparição nos quadrinhos: Capitão América #359/360 (outubro de novembro de 1989)
Poderes: nenhum, mas Ossos Cruzados é um estrategista militar, especialista em armamentos e em artes marciais.
Primeira aparição no UCM: Capitão América 2: O Soldado Invernal (como Brock Rumlow), Capitão América: Guerra Civil (como Ossos Cruzados)
Ator: Frank Grillo

Nos quadrinhos, Rumlow treinou com o vilão Treinador, tornando-se um exímio assassino que viria a trabalhar para diversos vilões, finalmente ganhando a alcunha de Ossos Cruzados diretamente do Caveira Vermelha. Depois de participar de um sem-número de missões e de liderar a Gangue do Esqueleto (mais tarde viria a fazer parte dos Thunderbolts e da Hydra), ele participou do intrincado plano do Caveira Vermelha para assassinar Steve Rogers, o Capitão América.

No UCM, Rumlow é o líder da S.T.R.I.K.E., a tropa de elite da S.H.I.E.L.D. (na verdade Hydra). Ele trai o Capitão e tenta matá-lo. Ao final de Capitão América 2: O Soldado Invernal, apesar de um porta-aviões aéreo ter despencado em sua cabeça, Rumlow aparece vivo, sendo levado para uma ambulância todo queimado. Ele adotará o uniforme de Ossos Cruzados em Capitão América: Guerra Civil.

12. Zemo:

zemo

Primeira aparição nos quadrinhos: Os Vingadores #4, de março de 1964 (Heinrich Zemo, em flashback), Os Vingadores #6 e Sargento Fury e seu Comando Selvagem #8, ambos de julho de 1964 (Heinrich Zemo, aparição completa), Capitão América #168, de dezembro de 1973 (Helmut Zemo).
Poderes: gênio estrategista, exímio espadachim e combatente corpo-a-corpo, envelhecimento retardado graças a uma fórmula química.
Primeira aparição no UCM: Capitão América: Guerra Civil
Ator: Daniel Brühl

A mera ficha técnica acima já deixa antever como é complicada a história de Zemo – Barão Zemo, como ele é mais comumente conhecido – nos quadrinhos. Heinrich foi o primeiro Zemo dos quadrinhos, mas ele é o 12º de uma longa linhagem de “Zemos” remontando ao século XV. Heirich foi um cientista do regime nazista que criou diversas armas para o exército de Hitler e do Caveira Vermelha e que usava um gorro de tom róseo para esconder sua identidade. Quando revelava sua mais nova invenção, o Adesivo X, o Capitão América o confronta, resultando no líquido sendo derramado por sobre seu rosto, colando para sempre seu gorro. Foi Heinrich Zemo quem acabou fazendo com que o Capitão fosse congelado no Ártico e Bucky Barnes morresse, até ambos serem revividos em histórias posteriores.

Helmut Zemo é o filho de Heinrich e o 13º Zemo. Ele primeiro surgiu como o vilão Fênix e, depois de ter seu rosto desfigurado pelo mesmo Adesivo X, toma a identidade de Barão Zemo. Esse Zemo é o que até hoje enfrenta o Capitão América nos quadrinhos.

No filme, pouco se sabe sobre seu papel no conflito entre os heróis.

######

Sentindo-se preparados para encarar Guerra Civil? Então nos vemos no cinema!

RITTER FAN. . . . Aprendi a fazer cara feia com Marion Cobretti, a dar cano nas pessoas com John Matrix e me apaixonei por Stephanie Zinone, ainda que Emmeline Lestrange e Lisa tenham sido fortes concorrentes. Comecei a lutar inspirado em Daniel-San e a pilotar aviões de cabeça para baixo com Maverick. Vim pelado do futuro para matar Sarah Connor, alimento Gizmo religiosamente antes da meia-noite e volta e meia tenho que ir ao Bairro Proibido para livrá-lo de demônios. Sou ex-tira, ex-blade-runner, ex-assassino, mas, às vezes, volto às minhas antigas atividades, mando um "yippe ki-yay m@th&rf%ck&r" e pego a Ferrari do pai do Cameron ou o V8 Interceptor do louco do Max para dar uma volta por Ridgemont High com Jessica Rabbit.