Entenda Melhor | Comic Book Men

Ah os nerds. Fato é que eles estão dominando o mundo (estamos não é?). E não falo apenas por causa de grandes sucessos como The Big Bang Theory que consolidaram essa afirmação. Mas sim todos os produtos lançados, inúmeros itens de vestuário e a criação de nichos de marketing exclusivamente focados para esse público que outrora eram tidos como esquisitões. Hoje em dia, está na moda curtir os filmes de super-heróis, saber quem é o criador do Batman e Superman, ter ouvido um whovian se gabar do seu doutor preferido e passar boas horas caçando quadrinhos ao invés de livros. Leram Planeta Hulk? Recomendo.

Ah os nerds. Não há nada mais divertido do que ser um nerd. Ter amigos nerds e o melhor, conversas completamente loucas como: Quem ganha uma luta entre Wolverine e Hulk? Que veículo de Star Wars você escolheria para ser seu? Qual é o pior uniforme de super-herói já criado? E assim por diante e em diferentes universos.

Agora, imagina um local aonde essas conversas são diárias e a zoação infinita? Pois é, bem vindos ao mundo de Comic Book Men.

Criado pelo cineasta e ultra nerd Kevin Smith, Comic Book Men é um programa de tv e podcast que reúne seus amigos, que coincidentemente trabalham em sua loja de quadrinhos a Jay e Silent Bob Secret Stash situada em New Jersey, para comentar nerdices e falar do que anda acontecendo na loja. Mas, antes de começar a falar do programa em si deixe-me explicar brevemente quem é Kevin Smith já que muita gente não o conhece.

QUEM DIABOS É KEVIN SMITH?

3025606-smithkindy

Esse gordinho divertido e muito nerd sempre foi um fã enorme de quadrinhos e graças ao seu amigo de infância Walt Flanagan adentrou de cabeça nesse mundo de heróis, vilões, heroínas e reboots. Um belo dia ele decidiu que faria um filme, mas, sem possuir qualquer verba ou patrocínio vendeu a sua extensa coleção de HQs para bancar seu primeiro longa, nascendo assim Clerks ou O Balconista. De lá para cá Kevin tem em seu currículo alguns filmes bem divertidos como Dogma, Procura-se AmyMenina dos Olhos, Barrados no Shopping, Pagando Bem, Que Mal Tem? e o clássico O Império do Besteirol Contra-Ataca onde ele interpreta Silent Bob. Ao todo Kevin Smith possui mais de 90 trabalhos conhecidos entre Direção, Ator, Roteirista e até mesmo Produtor. Além disso, Smith também escreveu o roteiro de algumas histórias em quadrinhos e como um fã maluco pelo personagem do Batman, deu o nome a sua filha de Harley Quinn. É sério. Ele até aparece no jogo do LEGO Batman 3: Beyond Gotham. E é amigo íntimo de Ben Affleck tendo sido co-produtor em O Gênio Indomável.

O NASCIMENTO DA SECRET STASH

Kevin sempre gostou de falar sobre esse universo e já teve outros programas do gênero, mas nenhum tão divertido quanto Comic Book Men. A série que foi lançada em 2012 e está atualmente em sua quarta temporada se assemelha um pouco com Trato Feito onde vez ou outra aparecem clientes procurando ou vendendo itens específicos. Só que aqui tudo gira em torno do fantástico mundo dos quadrinhos. O gerente da loja Walt Flanagan é amigo de infância de Kevin e o primeiro em quem ele pensou para cuidar de sua loja. Na equipe estão também Ming Cheng e Mike Zapcic que é considerado uma enciclopédia humana sobre quadrinhos. Ele sabe exatamente a página em que determinado evento ocorreu e o número da edição facilitando assim a vida de muitos clientes perdidos e que precisam de orientação. E temos também Bryan Johnson que é amigo de Walt e Kevin. Bryan não trabalha na loja, mas passa boa parte do seu tempo lá se divertindo as custas dos amigos, dos clientes, mas principalmente do Ming. A rotina da loja é bem tranquila, mas são outros eventos que agitam tudo o que acontece na Secret Stash.

comicmen2

Esq/Dir: Walt, Ming, Mike, Bryan e Stan Lee (dã)

Em três temporadas tivemos uma infinidade de acontecimentos interessantes que vão desde abrir o espaço para uma festa infantil, comemorar os 75 anos do Superman com um dos atores que viveu o super-herói, receber a ilustre visita de Stan Lee e poder fazer perguntas a ele, como ser treinado pelo Lou Ferrigno e conhecer uma autêntica bat-caverna.

No meio de tudo isso, estão os aficcionados por quadrinhos que apesar de todas as brincadeiras querem apenas que a loja continue lucrando e que os clientes não parem de entrar. Só que claro, tudo num clima bastante descontraído.

As mudanças da primeira para a segunda temporada são incríveis. Antes o jogo de câmeras era pequeno e a loja parecia bem atulhada e confusa. A quantidade de episódios também é menor, apenas seis no total. Já na segunda temporada a loja sofre uma incrível reforma e ampliação, como também melhora a qualidade da imagem e edição. Contudo, a premissa é a mesma e logo, as estórias giram em sua grande maioria em torno de gerar lucro. Felizmente no caminho aparecem figuras interessantes que acabam acrescentando um tempero especial ao programa, sem contar outros eventos que surgem como leilões e apostas entre eles que acabam tirando a série de uma possível monotonia.

comic-book-men-podcasting

O podcast na primeira temporada

De qualquer forma é o quarteto principal os responsáveis por garantir as risadas em Comic Book Men. Walt parece ser a princípio o mais sério deles, mas sua gargalhada é contagiante, Ming é meio pedante e ingênuo, Mike é tranquilo e tem seus momentos, no entanto, Bryan é a verdadeira estrela. O grandalhão barbudo rouba a cena constantemente e tem as melhores tiradas dos episódios. Talvez por não ser tão nerd quanto seus amigos, ou fingir que não é, ele consiga se destacar da situação proposta. Há ainda outros personagens recorrentes como Robert Bruce a quem Walt chama sempre que precisa de um especialista e Robert sabe um pouco de cada coisa de tudo. Tem também o ator Jason Mewes, o Jay da dupla Jay e Silent Bob que é outro amigo de longa data do grupo e aparece para dar uma sacudida na rotina da loja, já que bem, ele é um tanto irrequieto.

Entretanto, a graça de Comic Book Men se encontra na atmosfera que foi criada por eles. Ao assistir o programa é possível não apenas se divertir, como se instruir. Sério. Porém, e isso é meio óbvio, é preciso ter qualquer interesse por esse universo. Só assim você irá aprender que o Wolverine apareceu primeiro numa revista do Hulk, que a Jean Grey durou apenas 36 edições antes de morrer e ressuscitar pela primeira vez, descobrir quanto de fato vale cada edição antiga das revistas, entender mais das épocas de ouro e prata dos quadrinhos e sua importância, sem mencionar a eterna arte da negociação e a busca por bonecos Mego.

Ming passando pelo desafio de comer o cereal do Batman da época do filme do Tim Burton!

Ming passando pelo desafio de comer o cereal do Batman da época do filme do Tim Burton!

Portanto, se você é um nerd que se preze ou até mesmo um meio-nerd ou mesmo que não goste do título, curta esse universo, Comic Book Men é uma excelente pedida e garantia de risadas na certa. Afinal, quem não quer descobrir quantas Terras existem na DC? Ou qual foi o momento mais importante nos quadrinhos para Stan Lee? Ou simplesmente observar o Superman cortando bolo e distribuindo para o público?

Comic Book Men também é conhecido por Maníacos por Quadrinhos e passa no canal de tv a cabo National Geographic.

MELISSA ANDRADE . . . Uma pessoa curiosa que possui incontáveis pequenos conhecimentos desde literatura a filmes a reality shows a futebol alemão e está sempre disposta a aprender muito mais. Por isso sou Jornalista por experiência e vocação. Fotógrafa Profissional com muita paixão e um olhar apurado e Roteirista frustrada e uma Crítica de Cinema em ascensão.