Entenda Melhor | Vingadores 2: Quem é Ulysses Klaw, o Garra Sônica?

klaw 3 im des

Leia mais material do Especial Vingadores 2 para se preparar para o novo filme da Marvel, aqui: Especial Vingadores 2.

######

Ulysses Klaw, o Garra Sônica, foi mais uma criação de Stan Lee e Jack Kirby em sua prolífica Era de Ouro na Marvel. Primeiro surgindo como um ser humano vilanesco comum e, logo em seguida, como um super-vilão típico, Klaw nunca alcançou o verdadeiro estrelato, sendo sempre relegado ao papel de inimigo facilmente derrotado que volta em meia reaparece somente para ser derrotado novamente.

No entanto, Garra Sônica é um daqueles “vilões menores” que, da sua própria maneira, não deixa de ser clássico e, ao longo de seus quase 50 anos de histórias, foi utilizado e reutilizado por um enorme número de roteiristas, tendo participado de diversos grupos de super-vilões.

Klaw aparecerá pela primeira em um filme live-action em Os Vingadores: Era de Ultron, vivido por Andy Serkis.

Primeira aparição:

Ulysses Klaw surgiu na revista Quarteto Fantástico #53, um número depois de o próprio Pantera Negra surgir e não foi coincidência. O passados do vilão e do herói são intimamente ligados com Ulysses Klaw primeiro aparecendo em um flashback de T’Challa em que descobrimos que o vilão matou T’Chaka, seu pai, para tentar roubar todo o vibranium do reino fictício de Wakanda.

mosaico klaw 1

(1) Capa de Quarteto Fantástico #53; (2) Primeira aparição de Ulysses Klaw (flashback); (3) Primeira aparição de Ulysses Klaw, já com uma garra sônica no lugar da mão direita, no presente da história.

Também aprendemos que T’Challa, ainda quando criança, vingou o pai, derrotando Klaw com uma de suas próprias armas e, no processo, inutilizando sua mão direita. No presente da história, o Pantera Negra juntamente com o Quarteto Fantástico e Wyatt Wingfoot, derrotam o vilão que, no final, se joga dentro sua máquina de “som vivo”.

Não muito tempo depois, em Quarteto Fantástico #56, descobrimos o que aconteceu com o vilão depois de entrar em sua máquina. Ele foi convertido em um ser de “som vivo” que, claro, tem o poder de controlar as vibrações sonoras por intermédio de uma garra sônica sofisticada em seu braço direito. Seu nome, em inglês, manteve-se Klaw, the Master of Sound (em tradução direta, Klaw, o Mestre do Som), mas, em português, foi batizado de Garra Sônica.

mosaico klaw 3

Primeira aparição do Garra Sônica já transformado.

 

Biografia nos quadrinhos:

Como todo personagem de quadrinhos com décadas de existência, traçar sua biografia é um trabalho ingrato. A linha do tempo abaixo, portanto, é parcial, pinçando os momentos mais importantes da carreira do vilão, levando-se em consideração sua vida cronológica e não a ordem dos fatos conforme publicados.

– Filho do Coronel Fritz Klaue, nazista criminoso de guerra do esquadrão Blitzkrieg liderado pelo Barão Strucker, que depois se mudou para a Bélgica e mudou seu sobrenome para Klaw, Ulysses cresceu ouvindo histórias do pai sobre Wakanda, terra que estudou para fins escusos a mando de Adolf Hitler.

– Ulysses Klaw se torna um físico especializado em som e dirige-se a Wakanda para obter o vibraninum, metal fictício que só existe lá (ou quase…) e que tem como características a resistência e absorção de som e choques (é o material que forma a liga de que é feito o escudo do Capitão América). Ele quer usá-lo para aperfeiçoar sua máquina que converte ondas sonoras em matéria. Ele enfrenta a resistência de T’Chaka, monarca do país, e acaba matando-o a sangue frio. O filho do monarca, T’Challa, o futuro Pantera Negra, impede os planos do vilão ao usar uma de suas armas contra ele e, no processo, inutiliza a mão direita dele.

ff 53 3 klaw

Klaw assassina T’Chaka na frente de T’Challa.

– Dez anos mais tarde, Klaw volta à Wakanda com o mesmo objetivo. Dessa vez, porém, ele aperfeiçoou sua máquina e consegue criar criaturas de “som vivo” e as usa para atacar o reino. Ele é impedido pelo Pantera Negra, Quarteto Fantástico e Wyatt Wingfoot e, no final da batalha, ele se joga dentro de sua própria máquina.

ff 53 1 klaw

Klaw entra em sua máquina ao final de Quarteto Fantástico #53.

– Não muito tempo depois, Klaw ressurge, transformado em um ser de “som vivo” capaz de controlar as ondas sonoras que é batizado, no Brasil, de Garra Sônica. Ele enfrenta o Quarteto Fantástico e é derrotado.

– Libertado da prisão por Manto Rubro (Ultron, na verdade), ele se junta a diversos outros vilões na segunda encarnação dos Mestres do Terror, somente para encontrar derrota pelas mãos dos Vingadores, cuja formação já incluía o Pantera Negra.

klaw masters of evil

Manto Rubro (Ultron disfarçado) e a segunda encarnação dos Mestres do Terror, com Garra Sônica à direita.

– Garra Sônica volta diversas vezes a criar problemas para vários heróis, como Ka-Zar, Coisa, Tocha Humana, Pantera Negra e o Quarteto Fantástico como um todo, chegando até mesmo a fazer parceria com o vilão Solarr e a ser usado por uma raça extraterrestre desejosa de invadira a Terra por intermédio de um portal criado com vibranium (os Sheenareans).

– Vendo seus poderes diminuírem, Garra Sônica, tentando juntar material para aumentá-los, acaba enfrentando novamente o Pantera Negra e sua essência acaba sendo inserida em sua própria garra sônica, que é, então armazenada no Projeto Pégaso. Ele somente ganha forma corpórea novamente com a ajuda de Solarr.

– Em batalha com a mutante Cristal, que tem poderes também baseados em ondas sonoras, Garra Sônica se transforma em energia sonora pura que é espalhada pelo universo, só vindo a ser reunida por Galactus e subsequentemente encontrada pelo Doutor Destino durante a saga Guerras Secretas. Destino restaura o vilão à sua forma humanoide, mas ele volta com idade mental de um criança, somente mais tarde voltando ao normal.

klaw dazzler

Garra Sônica levando a pior em luta contra Cristal.

– Após esses eventos e de maneira intermitente, Garra Sônica foi recrutado pelo Mago para formar duas incarnações do Quarteto Terrível, foi capturado pela I.M.A. para ser usado como peão depois de uma lavagem cerebral e por Justin Hammer para formar sua versão dos Mestres do Terror enfrentando diversos heróis.

– Mais recentemente, Mago o recrutou para a mais nova versão do Quarteto Terrível com o objetivo de capturar Carnificina. No processo, o Carnificina Superior (na linha do Homem-Aranha Superior) é criado ao fundir o simbionte com Karl Malus, controlado pelo Mago. No entanto, esse controle é perdido e o Carnificina Superior acaba esfaqueando Garra Sônica com uma lança de vibranium, o que o faz explodir. Em forma etérea, o Garra Sônica consegue, em um esforço, criar um raio que separa o simbionte de Malus e afirma que esse talvez seja seu último ato, já que sua essência está cada vez mais se dissipando.

klaw carnage

Carnificina espetando delicadamente o Garra Sônica…

Poderes:

Como Ulysses Klaw, ele não tem poderes, apenas intelecto privilegiado por ser PhD em física, especializado em som.

Como Garra Sônica, ele é feito de puro som e não pode reverter à sua forma anterior. No entanto, nessa forma de “som sólido”, ele tem superforça, não pode ser ferido facilmente, é imune à ataques telepáticos e não precisa de comida e sono como os humanos normais. No entanto, ele só pode existir onde o som possa se propagar, dissipando-se no vácuo. O vibranium é outro ponto fraco do vilão.

Seus poderes incluem a projeção de ondas sonoras até mesmo em forma de raios concussivos e a manipulação, com sua mente, do som ao seu redor para a criação de construtos complexos que ele controla (algo que lembra os poderes do Lanterna Verde, da DC Comics).

Aparições no cinema e na televisão:

Ao longo dos anos, Ulysses Klaw/Garra Sônica constou de diversas animações. São elas: Quarteto Fantástico (1967), Homem-Aranha e Seus Amigos (1981-1983), Quarteto Fantástico (1994), Fantastic Four: World’s Greatest Heroes (2006-2007), The Super Hero Squad Show (2009-2011), Pantera Negra (2010), Vingadores: Os Heróis Mais Poderosos da Terra (2010-2013) e Ultimate Spider-Man (2012-2014).

mosaico klaw 4

As aparições animadas de Ulysses Klaw/Garra Sônica, na ordem cronológica (o segundo quadro é mesmo assim, pois ele aparece apenas em uma ponta preso em uma cela).

Ulysses Klaw aparecerá no vindouro filme Os Vingadores: Era de Ultron, vivido por  Andy Serkis. Em princípio, sua participação não será muito grande e não foi confirmada a presença dele como o Garra Sônica.

klaw serkis

Serkis como Klaw.

RITTER FAN. . . . Aprendi a fazer cara feia com Marion Cobretti, a dar cano nas pessoas com John Matrix e me apaixonei por Stephanie Zinone, ainda que Emmeline Lestrange e Lisa tenham sido fortes concorrentes. Comecei a lutar inspirado em Daniel-San e a pilotar aviões de cabeça para baixo com Maverick. Vim pelado do futuro para matar Sarah Connor, alimento Gizmo religiosamente antes da meia-noite e volta e meia tenho que ir ao Bairro Proibido para livrá-lo de demônios. Sou ex-tira, ex-blade-runner, ex-assassino, mas, às vezes, volto às minhas antigas atividades, mando um "yippe ki-yay m@th&rf%ck&r" e pego a Ferrari do pai do Cameron ou o V8 Interceptor do louco do Max para dar uma volta por Ridgemont High com Jessica Rabbit.