Plano Crítico | Equipe

Luiz Santiago

Editor-chefe. Escreve principalmente sobre Filmes, Quadrinhos e Séries.

 Luiz SantiagoDepois de recusar o ingresso em Hogwarts, fui abduzido pelo Universo Ultimate, passando por Twin Peaks, para um almoço com um certo Sr. Soprano. Lá, tive ajuda do quarteto Wayne-Poirot-Marple-Holmes para desenvolver técnicas avançadas de investigação e espionagem. Conheci Bond e Bourne no mesmo período. Trabalhei com o Dr. Manhattan e vi, no futuro, Ozymandias ser difamado com a publicação do diário de Rorschach. Hoje costumo andar disfarçado de Professor e Mestre Jedi ou tradutor de línguas alienígenas para Torchwood e também para a Liga Extraordinária. A grande verdade é que eu sou Sandman-27, natural do Incal, um agente da S.H.I.E.L.D. esperando a Enterprise abordar a minha TARDIS a qualquer momento para ser o Monitor-Avatar em Crise nas Infinitas Terras. Acesse todos os artigos de Luiz Santiago

.

Ritter Fan

Editor-chefe. Escreve principalmente sobre Filmes, Séries e Quadrinhos.

 Aprendi a fazer cara feia com Marion Cobretti, a dar cano nas pessoas com John Matrix e me apaixonei por Stephanie Zinone, ainda que Emmeline Lestrange e Lisa tenham sido fortes concorrentes. Comecei a lutar inspirado em Daniel-San e a pilotar aviões de cabeça para baixo com Maverick. Vim pelado do futuro para matar Sarah Connor, alimento Gizmo religiosamente antes da meia-noite e volta e meia tenho que ir ao Bairro Proibido para livrá-lo de demônios. Sou ex-tira, ex-blade-runner, ex-assassino, mas, às vezes, volto às minhas antigas atividades, mando um “yippe ki-yay m@th&rf%ck&r” e pego a Ferrari do pai do Cameron ou o V8 Interceptor do louco do Max para dar uma volta por Ridgemont High com Jessica Rabbit. Acesse todos os artigos de Ritter Fan.

.

Fernando Campos

Editor-assistente. Escreve principalmente sobre Filmes.

fernando campos Depois que fui apresentado para a família Corleone não consegui me desapegar da cinefilia. Caso goste de “O Poderoso Chefão” já é um belo início para nos darmos bem. Estudo jornalismo, mas amo mesmo escrever críticas cinematográficas. Vejo no cinema muito mais que uma arte, mas uma forma ensinar, inspirar, e o mais importante, emocionar. Por isso escrevo, para tentar incentivar às pessoas que busquem se aprofundar nesse universo tão rico. Não tenho preconceito com nenhum gênero, só com o Michael Bay mesmo.. Acesse todos os artigos de Fernando Campos.

.

Gabriel Carvalho

Editor-assistente. Escreve principalmente sobre Filmes e Séries.

gabrielSem saber se essa é a vida real ou é uma fantasia, desafiei as leis da gravidade, movido por uma pequena loucura chamada amor. Os anos de carinho e lealdade nada foram além de fingimento. Já paguei as minhas contas e entre guerras de mundos e invasões de Marte, decidi que quero tudo. Agora está um lindo dia e eu tive um sonho. Um sonho de uma doce ilusão. Nunca soube o que era bom ou o que era ruim, mas eu conhecia a vida já antes de sair da enfermaria. É estranho, mas é verdade. Eu me libertei das mentiras e tenho de aproveitar qualquer coisa que esse mundo possa me dar. Apesar de ter estado sobre pressão em momentos de grande desgraça, o resto da minha vida tem sido um show. E o show deve continuar. Acesse todos os artigos de Gabriel Carvalho.

.

Handerson Ornelas

Colunista. Escreve principalmente sobre Música.

handerson plano critico Estudante de engenharia química, cantor de chuveiro e tocador de guitarra de ar. Seja através dos versos ácidos de Kendrick Lamar, a atitude de Bruce Springsteen, ou a honestidade de Tim Maia, por seus fones de ouvido ecoam ondas indistinguíveis. Vai do sangue de Tarantino à sutileza de Miyazaki, viajando de uma galáxia muito, muito distante até Nárnia. Desbravador de podcasts e amante de indie games, segue a vida com um senso de humor peculiar e a certeza de que tudo passa – menos os memes. Acesse todos os artigos de Handerson Ornelas

.

Leonardo Campos

Colunista. Escreve principalmente sobre Filmes e Livros.

 LeonardoTudo começou numa tempestuosa Sexta-feira 13, no começo dos anos 1990. Fui seduzido pelas narrativas que apresentavam o medo como prato principal, para logo depois, conhecer outros gêneros e me apaixonar pelas reflexões críticas. No carnaval de 2001, deixei de curtir a folia para me aventurar na história de amor do musical Moulin Rouge, descobri Tudo sobre minha mãe e, concomitantemente, a relação com o cinema. Acesse todos os artigos de Leonardo Campos.

.

Rafael Oliveira

Colunista. Escreve principalmente sobre Filmes.

rafael-plano-criticoCinéfilo ainda em construção, mas que já enxerga na Sétima Arte algo além de apenas imagens e som. Amante de Kubrick e Hitchcock e viciado em música indie, cético e teimoso, mas sempre aberto para novas experiências e estranhas amizades. Acesse todos os artigos de Rafael Oliveira.

.

Anthonio Delbon

Colunista. Escreve principalmente sobre Quadrinhos e Livros.

 AnthonioRessentido como Vegeta, não suporto a beleza nos outros. Escondo minhas taras em falsas profundidades e não titubeio em dizer um taxativo não aos convites para experimentar os gostos do mundo. O mundo tem gostos demais, livros demais, críticas demais. Escrevo porque preciso – viver, não sobreviver – e viajo fluidamente sem sair do lugar. Na madrugada, nada melhor do que a guitarra de Page ou a voz de Yorke para lembrar da contingência do pó, ainda que nossa tragicômica vida mereça ser mantida, seja por distração ou por vício, como diria Cioran . Acesse todos os artigos de Anthonio Delbon.

.

Marcelo Sobrinho

Colunista. Escreve principalmente sobre Filmes.

marceloMédico e cinéfilo por paixão. Descobri com Hamlet a chave para o mundo das artes e dele nunca saí. De Chaplin e Buster Keaton a Iñarritu e Lars von Trier, adoro compartilhar minha interpretação de obras abertas e com múltiplos significados. Sempre em busca de perguntas e não de suas respostas.  Acesse todos os artigos de Marcelo Sobrinho.

.

Giba Hoffmann

Colunista. Escreve principalmente sobre Filmes, Séries e Quadrinhos.

 gilberto plano criticoGraduado em Ciências Mutantes pelo Instituto Xavier Para Estudos Avançados, realizou trabalho de pesquisa em Historiografia Mutagênica sob orientação do Prof. Charles Xavier. Mestrado interrompido em Transmutação Humana sob orientação do Prof. Doutor Van Hohenheim. Doutorado em Transcendência Dimensional de Cômodos sob orientação do Professor Doutor John Smith. Atualmente realiza curso por correspondência (escrita) sobre Combate a Vampiros com o uso de Stand, pelo Instituto Speedwagon. Acesse todos os artigos de Giba Hoffmann.

.

Daniel Tristão

Colunista. Escreve principalmente sobre Quadrinhos.

daniel tristao planoPaulistano, gosto de quadrinhos desde criança, aos 10 anos me interessei por literatura ao ler suspenses infantojuvenis e ainda adolescente já assistia filmes como um dos meus principais hobbies. Alan Moore, Neil Gaiman, Warren Ellis, Stanley Kubrick, Martin Scorsese, Christopher Nolan, Agatha Christie e H.P. Lovecraft são alguns dos autores que mais admiro. Sou formado em Administração e trabalho com TI; leio livros, gibis e assisto filmes mais do que muita gente considera normal, mas menos do que eu gostaria. Acesse todos os artigos de Daniel Tristão.

.

Rafael Lima

Colunista. Escreve principalmente sobre Livros.

rafael plano critico Sou Um Time Lord renegado, ex-morador de Castle Rock. Deixei a cidade após a chegada de Leland Gaunt. Passei algum tempo como biógrafo da Srta. Sidney Prescott, função que abandonei após me custar algumas regenerações. Enquanto procurava os manuscritos perdidos do Dr. John Watson, fiz o curso de boas maneiras do Dr. Hannibal Lecter, que me ensinou sobre a importância de ser gentil, e os perigos de ser rude. Com minha TARDIS, fui ao Velho Oeste jogar cartas com um Homem Sem Nome, e estive nos anos 40, onde fui convidado para o casamento da filha de Don Corleone. Ao tentar descobrir os segredos da CTU, fui internado no Asilo Arkham, onde conheci Norman Bates. Felizmente o Sr. Matt Murdock me tirou de lá. Em minhas viagens, me apaixonei pela literatura, cinema e séries de TV da Terra, o que acabou me rendendo um impulso incontrolável de expor e ouvir ideias sobre meus conteúdos favoritos. Acesse todos os artigos de Rafael Lima.

.

Luis Eduardo Bertotto

Colunista. Escreve sobre filmes.

LUIS SITE PLANO CRITICOQuando vi pela primeira vez Marty McFly viajar para 1955, passei a me interessar pelo fabuloso e caótico processo construtivo de um filme. Desde então, venho me fascinando e me surpreendendo cada vez mais pela composição das mise-en-scènes e a forma com que elas enriquecem o universo de uma produção cinematográfica. Não apresento restrições a gêneros e épocas – pelo contrário, apenas tenho uma leve queda pela explosão criativa dos anos 70 e possuo uma adoração descomunal pela obra de Scorsese. Em suma, um estudante de engenharia civil que, em meio à correria do dia a dia, encontra abrigo na arte das imagens em movimento e no som psicodélico e poético de Floyd. Acesse todos os artigos de Luis Eduardo Bertotto.

.

Guilherme Almeida

Colunista. Escreve sobre filmes.

foto guilherme almeida plano criticoEstudante de Letras e apaixonado por literatura e cinema, acho Crime e Castigo o auge da inteligência humana, não consigo assistir Tarkovski sem acender uma vela e me emocionar, e toda vez que vejo Taxi Driver me olho no espelho e lanço um “You talking to me?”. Se por uma desgraça cósmica preciso passar um dia sem contato com a Arte, sofro de profunda abstinência e preciso ser amarrado numa camisa de força. Nesses momentos, não se aproximem. Acesse todos os artigos de Guilherme Almeida.

.

Roberto Honorato

Colunista. Escreve principalmente sobre Filmes.

roberto honoratoCriado pela TV, minha família era o programa dos Muppets e minha segunda casa era a locadora (era fácil de chegar, só precisava atravessar a rua). Não me incomodava rebobinar todas as fitas, e nem podia, já que assistia o mesmo filme várias vezes. E quando não é cinema, o cheiro de quadrinhos me chama de longe e preciso gastar dinheiro que não tenho. E nunca esqueça: #sixseasonsandamovie. Acesse todos os artigos de Roberto Honorato.

.

Rodrigo Pereira

Colunista. Escreve sobre filmes.

rodrigo plano criticoCerta vez um grande amigo me disse que após entendermos o que estamos assistindo, o cinema se torna uma experiência ainda mais fascinante e fantástica. Não poderia estar mais correto. O tempo passou e a vontade de me aprofundar cada vez mais só aumentou. Hoje, vejo no cinema muito mais do que meramente entretenimento, é um maravilhoso artifício que encanta, emociona, provoca e possui um grande potencial de transformação social. Pode me encontrar em alguma aventura pela Terra Média, lutando ao lado da Aliança Rebelde, tentando me comunicar com Heptapods ou me escondendo de Jack Torrance no labirinto de um fauno em alguma linha temporal criada por Dr. Brown e Marty McFly. Acesse todos os artigos de Rodrigo Pereira.

.

Bruno Cavalcanti

Colunista. Escreve sobre Quadrinhos.

Bruno Cavalcanti

[Ao som de Top Gear….]
Localização: Terra – Via Láctea – Universo Observável.
Sou um terráqueo padrão, que se entretém sabe-se lá do quê com livros, filmes, quadrinhos e games. Falante excessivo a 30 anos, só dispenso um bom papo se o assunto for pagode ou Big Brother. Adepto da paz, não gosto de polêmicas. Mas a DC é claramente melhor que a Marvel. Se for me dar um livro, abra-o antes e escreva uma dedicatória. Não dou muito valor ao plástico do lacre, já que ele sempre vai pro lixo. Agora, se o presente for pro meu filho de 2 anos, ele me disse aqui que prefere um carrinho. De preferência um Jipe. E de preferência azul. Acesse todos os artigos de Bruno Cavalcanti.