Especial | Demolidor

daredevil

Estados Unidos, abril de 1964. A Marvel vivia um momento de grandiosa produção e inventividade artística, com criações que, já a curto prazo, se mostravam fundamentais para o crescimento financeiro e criativo da editora. Vindo da mesma safra na qual surgiram Hulk, Homem-Aranha, Homem de Ferro e Quarteto Fantástico, o Demolidor apareceu como uma alternativa diferenciada para o tom dos “heróis urbanos” da Casa das Ideias naquele momento.

Criado por Stan Lee e Bill Everett, o Demônio Destemido apareceu pela primeira vez na Daredevil #1, onde era contada a história de Matthew Michael “Matt” Murdock, um advogado de Nova York que, quando criança, foi atropelado por um caminhão carregado de material radioativo. Uma das ogivas atingiu os olhos do garoto e o deixou cego. Vencendo todos os obstáculos que a cegueira impõe a alguém, o jovem Murdock se inspirou no pai, um boxeador, e passou a enfrentar os desafios de sua vida com coragem e determinação, formando-se futuramente em Direito e treinando o bastante para se tornar o herói conhecido como Demolidor.

Contando com temas religiosos, um amálgama de alegrias e tragédias, conflitos familiares, amorosos e profissionais de primeira ordem, além de constantes ataques de culpa ou perturbações vindas de um passado agitado, o Demolidor é um dos heróis mais trágicos e ricos da Marvel. Suas histórias são humanizadas e se aproximam bastante do mundo do leitor, o que o torna um “herói possível” — e por isso mesmo, admirável — porque a realidade de seu mundo, seus vilões mafiosos e as intrigas internacionais e governamentais nas quais ele se mete também possuem reflexo em nossa realidade, de uma forma ou de outra. Isso sem nunca tirar dele e de seu universo aquela “artificialidade heroica” necessária.

O presente Especial tem por objetivo reunir todas as nossas publicações sobre o Diabinho da Marvel. Confira as críticas para as produções, edições de quadrinhos e artigos informativos clicando nas abas e links de sua escolha.
.


Ano 

Título da Aventura / Arco

VOLUME CINCO

(2016 — em andamento)

Volume iniciado em fevereiro de 2016 (edição #1).

2016 Vol.5: arco fechado a partir de maio/junho de 2016.

VOLUME QUATRO

(2014 – 2015)

21 edições

Volume publicado entre maio de 2014 (edição #1) e novembro de 2015 (edição #18). Para completar o volume, contamos as edições 1.50 / 0.1 / 15.1.

2015 Vol.4 #15.1, 16 a 18: The Autobiography of Matt Murdock
2015 Vol. 4 #11 a 15: O Demolidor Que Você Conhece
2014 Vol. 4 #8 a 10: Crianças-Púrpura
2014 Vol. 4 #5 a 7: Pecado Original
2014 Vol. 4 #0.1 a 4: São Francisco
2014 Vol. 4 #1.50: O Rei de Vermelho

VOLUME TRÊS

(2011 – 2014)

36 edições

Volume publicado entre setembro de 2011 (edição #1) e abril de 2014 (edição #36).

2013 – 2014 Vol. 3 #31 a 36: Fechando as Portas
2013 MINISSÉRIE: Noites Escuras #1 a 3
2013 Vol. 3 #26 a 30: O Demônio e o Vingador Blindado
2012 Vol. 3 #19 a 25: Teia de Mentiras
2012 Vol. 3 #12 a 18: Medo e Delírio na Latvéria
2012 Vol. 3 #7 a 10: Os Amigões da Vizinhança
2012 MINISSÉRIE: Fim dos Dias
2011 – 2012 Vol. 3 #1 a 6: Um Novo Começo

VOLUME DOIS

(1998 – 2011)

132 edições

Volume publicado entre novembro de 1998 (edição #1) e agosto de 2009 (edição #119). A edição “prelúdio” do volume foi publicada em junho de 1998 (edição #1/2).

A partir da edição #119, o volume passou a contar com o andamento cumulativo do volume anterior, assim: 380 edições do volume um + 120 edições do volume dois = 500. Em setembro de 2009 não houve revista do Demolidor, mas em outubro, a edição lançada, foi, de fato, Demolidor #500, indo até a edição #512 (fevereiro de 2011).  

2010 – 2011 Vol. 2 #508 a 512: Shadowland
2009 – 2010 Vol. 2 #501 a 507: The Devil’s Hand
2009 Vol. 2 #116 a 119 e #500: Return of the King
2008 – 2009 Vol. 2 #111 a 115: Lady Bullseye
2008 Vol. 2 #106 a 110: Cruel and Unusual
2007 – 2008 Vol. 2 #100 a 105: Hell to Pay, Vol 2
2007 Vol. 2 #94 a 99: Hell to Pay, Vol 1
2006 – 2007 Vol. 2 #88 a 93: The Devil, Inside and Out, Vol 2
2006 Vol. 2 #82 a 87: The Devil, Inside and Out, Vol 1
2005 – 2006 Vol. 2 #76 a 81: The Murdock Papers
2004 – 2005 Vol. 2 #66 a 75: Golden Age + Decalogue
2004 Vol. 2 #56 a 65: The King Of Hell’s Kitchen + The Widow
2003 Vol. 2 #41 a 50: Lowlife + Hardcore
2002 – 2003 Vol. 2 #33 a 40: Diversos + The Trial of the Century
2001 – 2002 Vol. 2 #26 a 32: Underboss + Out
2001 Vol. 2 #20 a 25: Playing to the Camera
2001 Vol. 2 #16 a 19: Wake Up
1999 – 2001 Vol. 2 #9 a 15: Parts of a Hole
1998 – 1999 Vol. 2 #1 a 8: Diabo da Guarda

VOLUME UM

(1964 – 1998)

380 edições

Volume publicado entre abril de 1964 (edição #1) e outubro de 1998 (edição #380).

1994 MINISSÉRIE: Demolidor: O Homem Sem Medo
1991 ONE-SHOT: se… o Justiceiro tivesse matado o Demolidor?
1989 – 1990 Vol. 1 #275 e 276: Demolidor contra Ultron
1986 Vol. 1 #227 a 233: A Queda de Murdock
1979 – 1983 Vol. 1 #158 a 191: por Frank Miller e Klaus Janson
1978 ONE-SHOT: se… o mundo soubesse que o Demolidor é cego?
Em setembro de 1964, o Demolidor aparece na Amazing Spider-Man #16: Encontro com o Demolidor.
1964 – 1965 Vol. 1: #1 a 7: A Origem do Demolidor


LUIZ SANTIAGO. . . .Depois de recusar o ingresso em Hogwarts, fui abduzido pelo Universo Ultimate. Lá, tive ajuda do pessoal do Greendale Community College para desenvolver técnicas avançadas de um monte de coisas. No mesmo período, conheci o Dr. Manhattan e vi, no futuro, Ozymandias ser difamado com a publicação do diário de Rorschach. Hoje costumo andar disfarçado de professor, mas na verdade sou um agente de Torchwood, esperando a TARDIS chegar na minha sala de operações a qualquer momento.