Lista | As Melhores Personagens Femininas de Star Wars

As mulheres certamente estão dominando o Universo de Star Wars! Com a apresentação de Rey, em O Despertar da Força e agora de Jyn em Rogue One, elas estão ganhando cada vez mais seu merecido espaço na saga. Mas isso não quer dizer que devemos esquecer de tudo o que veio antes, já que não faltam fortes personagens femininas na franquia. Nessa lista decidimos elencar as vinte que mais chamaram nossas atenções, seja através de sua inteligência, poder ou papel dentro da narrativa das obras nas quais estão presentes. Passeiem conosco, portanto, por essa galáxia muito, muito distante e vamos conhecer ou relembrar de algumas dessas figuras que conquistaram seu espaço de destaque em nossas memórias! E não se esqueçam de deixar suas indicações nos comentários!

20. Visas Marr

visas-marr

Primeira aparição: Knights of the Old Republic II: The Sith Lords

A ex-aprendiz de Darth Nihilus é de uma raça praticamente extinta na galáxia. Ela é uma miraluka, seres cegos que enxergam exclusivamente através da Força, podendo distinguir se uma pessoa é rodeada pelo Lado da Luz ou o Lado Negro. Visas é uma das companheiras de viagem da Jedi exilada, Meetra Surik e se juntou à equipe da nave Ebon Hawk após ser derrotada pela Jedi em KOTOR II.

19. Shaak Ti

shaak-ti

Primeira aparição: Episódio IIAtaque dos Clones

Shaak Ti praticamente não apareceu nos filmes, mas definitivamente conquistou seu espaço através de obras do Universo Expandido, especialmente a animação Clone Wars (em 2D). No desenho, ela tem uma gigantesca luta contra o General Grievous e não estamos falando daquele negócio que vimos em A Vingança dos Sith e sim um ciborgue ameaçador capaz de lutar contra inúmeros Jedi de uma vez! Apesar de ter sido derrotada, ela com certeza deu um belo trabalho para o general separatista.

18. Bastila Shan

bastila-shan

Primeira aparição: Knights of the Old Republic

Uma das companheiras de viagem de Revan, em Knights of the Old Republic, Bastila não é uma Jedi comum, ela conta com a rara habilidade de utilizar a Meditação de Batalha, que a permite motivar uma das facções de um conflito enquanto enche a cabeça do outro lado com dúvida e medo, sendo capaz, portanto, de alterar o curso de uma guerra. Com uma personalidade difícil, ela certamente é uma das mais fascinantes personagens do game e uma prova de como o orgulho pode levar ao Lado Negro. Bastila acabou se casando com Revan e tendo filhos, gerando uma poderosa linhagem de sensitivos à Força.

17. Mon Mothma

mon_mothma

Primeira aparição: Episódio VI: O Retorno de Jedi

Não é qualquer um que consegue não só sobreviver a transição da República para o Império ao mesmo tempo que continua atuando como senadora e líder da Aliança Rebelde. Mon Mothma é uma das cabeças da Rebelião e sem ela a galáxia certamente teria sido dominada por completo por Palpatine. Estamos falando de uma das poucas pessoas que viveram três fases da história galática e que assistiu a ascensão e o fim do governo sombrio de Vader e seu mestre.

16. Mara Jade

mara-jade

Primeira aparição: Herdeiro do Império

Criada por Timothy Zahn na emblemática trilogia Thrawn, Mara Jade se tornou parte de Legends (por enquanto), mas isso, nem um pouco, diminui os motivos pelos quais todos precisam conhecê-la. Jade serviu o Império, um governo que sabidamente não dá muito espaço para as mulheres e se destacou lá através de suas habilidades, se tornando uma renomada assassina. Depois disso, ela acabara entrando nos planos do Almirante Thrawn para derrotar Luke Skywalker e sua (ou Nova República), mas os dois acabaram se apaixonando e logo Mara Jade começou a fazer parte da família mais famosa da galáxia.

15. Meetra Surik

meetra-surik

Primeira aparição: Knights of the Old Republic II: The Sith Lords

A Exilada, protagonista, que controlamos, de KOTOR II não contava com um sexo definido até The Old Republic, já que no jogo original podíamos criar nosso próprio personagem. Essa daqui certamente é merecedora de sua posição, visto que representou a última esperança dos Jedi em um dos tempos mais sombrios, no qual a Ordem fora praticamente extinta. Ela lutou e derrotou três poderosos Lordes dos Sith e chegou a lutar contra o próprio Imperador dos Sith, muito antes dos eventos de Uma Nova Esperança.

14. Rae Sloane

rae-sloan

Primeira aparição: Um Novo Amanhecer

Como disse antes, não é fácil ser mulher no Império, muito menos uma oficial e Rae consegue ascender para a posição de Almirante, chegando a comandar um dos destróieres imperiais que estavam presentes na Batalha de Endor! Sloane foi essencial para a sobrevivência do Império após a morte de Palpatine, garantindo a sobrevida do regime após a vitória da Aliança Rebelde. Sem ela certamente não teríamos a Primeira Ordem!

13. Ciena Ree

cienna-ree

Primeira aparição: Estrelas Perdidas

Assim como Rae, Ciena foi uma das mulheres que rapidamente ascendeu na hierarquia imperial, chegando ao ponto de entrar para uma das mais prestigiadas academias imperiais, situada em Coruscant. Ree foi uma das sobreviventes do Império após a Batalha de Endor e se manteve fiel ao regime apesar de sua crescente desilusão em relação a ele, desempenhando um papel de destaque na Batalha de Jakku. Isso sem falar que ela protagoniza uma das mais belas histórias de amor do Universo de Star Wars, em Estrelas Perdidas.

12. Luminara Unduli

luminara-unduli

Primeira aparição: Episódio II: Ataque dos Clones

A mirialan é outra Jedi subaproveitada nos filmes, mas que desempenhou papéis de destaque nas obras tanto canônicas quanto do selo Legends do Universo de Star Wars. Ela certamente pode ser considerada um exemplo de tudo o que a Ordem deve seguir, prezando sempre pela calma e paciência, a paz no lugar do conflito, algo que muitos cavaleiros abandonaram ao longo das guerras clônicas. Ouso dizer que sua aparição de maior destaque aconteceu em Clone Wars, que, inclusive, nos mostra o processo de criação do sabre de luz.

11. Padmé Amidala

padme-amidala

Primeira aparição: Episódio I: A Ameaça Fantasma

Padmé definitivamente faz um esforço para se colocar em situações de perigo, mas isso só ocorre porque ela é corajosa demais para esperar que os problemas sejam resolvidos por outras pessoas, sejam Jedi ou não. A mãe de Luke e Leia pode ter sido subexplorada nos filmes prelúdio da franquia, mas isso não afasta nossa percepção dela como uma das mulheres mais fortes do universo de Star Wars. Lutando sempre a favor da paz e democracia, seja como diplomata ou soldado, Amidala foi, como todo o restante da galáxia, manipulada por Palpatine, o que acabou levando à sua morte.

10. Satele Shan

satele-shan

Primeira aparição: The Old Republic

Sabe quando falei que Revan e Bastila se casaram e tiveram filhos, gerando uma poderosa linhagem? Satele é a prova disso. A Jedi ainda era uma padawan quando o Império Sith retornou dos confins do espaço e, durante a longa guerra entre a República e essa força invasora, ela conquistou sua cadeira de Grã Mestre do Conselho Jedi. Com um conhecimento da Força rivalizado apenas pela sua habilidade com o sabre de luz, ela definitivamente é uma das mais poderosas cavaleiras da Velha República.

9. Jyn Erso

jyn-erso

Primeira aparição: Catalyst

Filha de Galen e Lyra Erso, Jyn, protagonista de Rogue Oneé mais que só uma rebelde, ela é a peça chave que possibilitou a destruição da primeira Estrela da Morte. Corajosa e impetuosa, ela conseguiu inspirar o grupo de rebeldes roubarem os planos da estação bélica. Ainda que pudesse ter sido melhor explorada no primeiro filme spin-off da franquia, ela certamente será lembrada ao longo dos anos, conquistando sua posição nesta lista.

8. Sabine Wren

sabine-wren

Primeira aparição: Star Wars Rebels

A mandaloriana que abandonou a academia imperial e se juntou aos rebeldes definitivamente é uma das personagens mais queridas de Star Wars Rebels. Com um gosto especial por customização de suas armaduras, cabelo (e paredes), Sabine já atuou como personagem principal em vários ótimos episódios da série animada e certamente continuará nos surpreendendo. Sua personalidade é mais descontraída e ela tem um gosto especial por explosões (não tanto quanto Zeb, é claro), além de ser extremamente habilidosa com blasters e qualquer outra arma a sua disposição.

7. Asajj Ventress

asajj-ventress

Primeira aparição: Clone Wars

Criada por Genndy Tartakovsky na animação Clone Wars de 2003, Asajj Ventress ganhou tanta popularidade que acabou sendo levada para o desenho em 3D que viria poucos anos depois. Aprendiz de Conde Dookan (ou Dooku, no original), ela definitivamente deu um belo trabalho para Anakin e os outros Jedi, representando um dos passos da queda de Skywalker. Habilidosa com seus sabre de luz e perita em infiltrações, ela desempenhou o papel de assassina durante as Guerras Clônicas. Ventress encontrou seu fim pelas mãos do próprio Dooku no fim da Guerra.

6. Doutora Aphra

doctor-aphra

Primeira aparição: Darth Vader #3

Aphra é uma arqueóloga recrutada por Darth Vader após a Batalha de Yavin, nos quadrinhos publicados pela Marvel após a compra da Lucasfilm pela Disney. A doutora é quase um Han Solo do lado negro e conta com uma personalidade bastante descontraída para alguém que serve o Império. Ela viaja com dois dróides assassinos, que são muito similares a C-3PO e R2-D2. Sua popularidade na publicação do Lorde dos Sith acabou motivando a editora a publicar uma revista solo da personagem, Doctor Aphra.

5. Hera Syndulla

hera-syndulla

Primeira aparição: Star Wars Rebels

Filha de Cham Syndulla, que fora introduzido em The Clone Wars, Hera é a capitã da Ghost, a nave utilizada pelo grupo de rebeldes em Star Wars Rebels. Conforme progredimos no seriado, descobrimos que ela passa a desempenhar um papel cada vez maior na Aliança Rebelde. Inteligente, corajosa e honrada, Hera representa os maiores ideais da Rebelião e já ajudou Kanan mais vezes que podemos contar, tendo sido indispensável para sua sobrevivência ao longo dos anos. Definitivamente ela deu mais do que muito trabalho para o Império!

4. Rey

rey-star-wars

Primeira aparição: Episódio VII: O Despertar da Força

Ninguém sabe quem exatamente é Rey ainda, mas, independente de sua linhagem, suas habilidades são indiscutíveis. Forçada a viver sozinha em Jakku por maior parte de sua vida, ela aprendeu a se virar e sobreviver por conta própria e mesmo assim não caiu no desespero ou abandonou sua vontade de salvar os outros. Não fosse ela, o mapa para Skywalker certamente teria caído nas mãos da Primeira Ordem e Luke teria uma surpresa completamente diferente no final de O Despertar da Força (de repente, assim, Mark Hammil não ficaria tão irritado de ter perdido vários quilos à toa).

3. Ahsoka Tano

ahsoka-tano

Primeira aparição: The Clone Wars

Não é qualquer um que bate de frente com Darth Vader e ainda consegue arrancar um pedaço de sua máscara. Ahsoka, treinada pelo próprio Anakin, é uma das figuras que aprendemos a amar ao longo de The Clone Wars. Ao ser expulsa da Ordem Jedi ela se tornou parte da Rebilião, como a informante Fulcrum em Star Wars Rebels e continuou a desenvolver suas habilidades, tendo amadurecido muito desde os anos das Gueras Clônicas.

2. Kreia/ Darth Traya

darth_traya

Primeira aparição: Knights of the Old Republic II: The Sith Lords

Kreia, ou Darth Traya é a Lorde dos Sith rodeada pela traição. Seja como Jedi ou Sith, ela já treinara inúmeros outros sensitivos à Força, incluindo Darth Revan e Meetra Surik. Em KOTOR II ela atua como mentora de nosso personagem e ensina valiosas lições que fogem ao maniqueísmo costumeiro da franquia. Kreia atua na linha que divide o Lado da Luz do Lado Negro, transitando facilmente entre os dois – acima de tudo ela preza a liberdade e o entendimento do universo com uma visão mais ampla, que transcende os ensinamentos fechados de ambos os lados constantemente em conflito. Certamente ela é uma das mais fascinantes personagens (seja homem ou mulher) do Universo de Star Wars, uma figura verdadeiramente única, que torna esse RPG um dos melhores games da franquia. Através da manipulação, conseguiu destruir toda a Ordem Jedi e os Lordes dos Sith que a traíram e sem falar que ela é capaz de controlar inúmeros sabres de luz com a Força!

1. Leia Organa

leia-organa

Primeira aparição: Guerra nas Estrelas

Quando conhecemos a Princesa Leia pela primeira vez ela está entregando os planos da Estrela da Morte para R2-D2 e pouco depois já é mostrada atirando em stormtroopers e discutindo com ninguém menos que Darth Vader. Não dá nem para listar todas as vezes que Leia se provou como a personagem feminina mais forte de toda a franquia, ela é a perfeita representante da Rebelião, alguém que não se entrega ao terror gerado pelo Império e que se mantém na luta dia após dia. Tendo sido criada em berço de ouro em Alderaan, ela poderia muito bem ter se afastado do conflito, mas optou por trazer a democracia de volta para a galáxia e só por isso já merece nosso respeito. Isso sem falar que ela foi capaz de domar ninguém menos que Han Solo, matar Jabba e ajudar na destruição de ambas as Estrelas da Morte. Não esqueçamos, é claro, que ela nos apresentou aos penteados mais ousados da galáxia!

GUILHERME CORAL. . . .Refugiado de uma galáxia muito muito distante, caí neste planeta do setor 2814 por engano. Fui levado, graças à paixão por filmes ao ramo do Cinema e Audiovisual, onde atualmente me aventuro. Mas minha louca obsessão pelo entretenimento desta Terra não se limita à tela grande - literatura, séries, games são todos partes imprescindíveis do itinerário dessa longa viagem.