Home QuadrinhosEm Andamento Crítica | Batman: Os Três Coringas #3

Crítica | Batman: Os Três Coringas #3

por Luiz Santiago
1504 views (a partir de agosto de 2020)
SPOILERS!

Tá, acabou, mas… e? Apesar desta edição final da minissérie Três Coringas conseguir fechar muito bem a tal jornada de revelação, eu fiquei me perguntando qual foi realmente o ponto dessa história toda, do conjunto. Porque dos três Palhaços do Crime que existiam, agora ficou um só, ou seja, as coisas “voltaram ao normal”, então… qual foi o ponto? Ter uma história chamativa e oficial para regulamentar isso? Bem, seja lá qual foi a intenção oculta da DC para essa produção, o fato é que pouco tivemos de grandioso para o Universo do Batman e ainda saímos com uma contradição em relação à pergunta que o Morcegão fez para a Cadeira de Morbius (ou Poltrona Morbius, como queira), nas páginas de Liga da Justiça: A Guerra Darkseid. Ou a gente vai mesmo apelar para: “ele estava confuso / ele precisava ter certeza / ele ainda tinha dúvidas“?

No meu entendimento, a criação de uma história sobre os três Coringas do Universo DC deveria passar por algo mais robusto e não apenas uma história de descarte, que foi exatamente o que Geoff Johns fez aqui, mudando tudo e não mudando nada ao mesmo tempo (teve aulas com Chris Chibnall, foi, GJ?). Pensando mais centrado nas coisas exclusivas dessa edição, tivemos uma fantástica base de ação marcada por ótimos ângulos e inteligente diagramação feita por Jason Fabok, que faz uma apreciável utilização do espaço e lança mão disso em favor da narrativa, tanto no leque mais aberto quanto na condução das expressões faciais e corporais dos personagens.

O que fica difícil de lidar aqui é o romancezinho bobo que GJ criou para Jason Todd e Barbara Gordon. Primeiro veio o dilema moral, soterrado com rapidez astronômica, e por fim, essa tentativa do rapaz em conquistar a parceira de luta, o que me pareceu totalmente deslocado de uma história como essa. Em outro ambiente, com uma linha textual distinta, talvez esse tipo de aproximação funcionasse, mas aqui é absurdamente irritante. Faz a Barbara ser babaca com o pai e meio “fera ferida” para com o crush. Já o Sr. Bomba de Ódio segue entre reticências, provocações ao Batman, fúria assassina e arrependimento meio sem sentido para com o que foi exposto na própria edição! Isso sem contar a carta final (esse povo não sabe mandar e-mail? Ou essa história se passa em 1992 e eu não saquei?), que segue o exato mesmo trajeto que a saga dos três Coringas: existiu, mas acabou não dando em nada. Haja paciência.

Dois Coringas incomodam muita gente… três Coringas incomodam, incomodam, incomodam muito mais.

O que realmente chama a atenção nessa edição final é a boa condição do que restou da linha investigativa. Há uma conclusão lógica para esse recorte do crime, e mesmo que a explicação dada pelo próprio Palhaço seja dúbia e contraditória (como já era de se esperar, embora não tenha sido isso o que a minissérie prometeu), pelo menos as coisas voltaram para os eixos e caminhos precisos foram tomados por cada personagem. Alguns gostarão mais desses destinos, outros menos, mas ainda assim vejo esse encerramento consideravelmente acima da média.

E já que estou fazendo algumas comparações gerais, notem que a edição passada fica ainda pior quando analisada em retrospecto, percebem? Toda aquela lengalenga em torno dos Coringas para no final o autor dar partida numa linha de ação e extermínio e… seguir adiante! Dá vontade de rir mas é meio trágico, porque a minissérie acabou tendo mesmo só dois blocos realmente bons. A tirar pelo final, será que ainda vão remexer nisso e fazer com que o nome real do Coringa seja revelado? Que uma história trágica seja escrita envolvendo a família dele? Rogo a todos os deuses dos quadrinhos para que não. Mas com essas editoras mainstream, e especialmente a DC, a gente nunca sabe, não é mesmo?

Batman: Three Jokers #3 (Outubro de 2020)
Roteiro: Geoff Johns
Arte: Jason Fabok
Arte-final: Jason Fabok
Cores: Brad Anderson
Letras: Rob Leigh
Editoria: Mark Doyle, Amedeo Turturro
54 páginas

Você Também pode curtir

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais