Home TVTemporadas Crítica | Once Upon a Time – 2ª Temporada

Crítica | Once Upon a Time – 2ª Temporada

por Gabriela Miranda
8 views (a partir de agosto de 2020)

estrelas 4

A nuvem roxa que tomou a cidade no final da 1ª temporada trouxe de volta as memórias esquecidas dos moradores de Storybroke e a maldição foi quebrada, mas tudo continua igual na cidadezinha. Emma finalmente está diante dos pais e se mantém afastada, relutante em abraçar o passado inacreditável de onde partiu.

Uma espécie de dementador, possivelmente inspirado em Harry Potter, aparece em cena para impulsionar a necessidade de abrir-se um portão entre os mundos. Esse portal arrasta Emma e Snow (Branca de Neve), mãe e filha, de volta para a Floresta Encantada.

Embora esse tenha sido o primeiro contato de Emma com as raízes no mundo mágico, a personagem se mantém contida sem explorar aspectos mais emocionantes ou nostálgicos enquanto tem a chance de descobrir no que se transformou o antigo lar.

A série até então só mostrava o mundo mágico a partir de flashbacks para contar a história dos personagens antes da perda da memória, ou seja, antes da maldição que levou todos para um mundo sem mágica. Assim, o roteiro era enriquecido por essas reconstituições passadas que faziam um contraponto com a realidade.

Essa ruptura no elenco e no roteiro serve para encadear um paralelo entre os mundos e mostrar que o tempo entre os dois corre na mesma direção. Isso é importante notar, já que na temporada de estreia da série o relógio paralisado no tempo marcava a presença da maldição.  No entanto, por mais que a fórmula temporal tenha mudado, alguns personagens continuam tendo suas histórias passadas resgatadas para ajudar na composição da história geral, como é o caso de Pinóquio e Cora, a mãe de Regina.

Em geral, o roteiro segue coerente, apesar de explorar mais a questão de sobrevivência em um local inóspito e apresentar novos personagens: Mulan, Bela Adormecida e o Príncipe Philip na parte mágica e o pai de Henry na sem magia. Mais uma vez os nós vão se prendendo mais firme e a história vai ganhando mais densidade e fazendo mais sentido com as novas amarrações de roteiro.

Outra personagem que chega para ganhar um espaço cativo na série é Bela, que ama a fera ou no caso Rumplestilskin, que por sua vez é também o crocodilo que arrancou a mão do Capitão Gancho. Ele vem para aumentar o time dos vilões que recebe uma ampliação considerável e a personagem dele é a que mais ganha destaque no que diz respeito à transformação da personalidade.

A presença de Gancho é garantida na próxima temporada, já que o destino final é a Terra do Nunca. Emma agora começa a perceber a magia que existe dentro dela mesma e isso vai ser importante para operação de resgate que se inicia a bordo do barco de Gancho. Juntos heróis e vilões irão atrás de vingança, assuntos inacabados e amor.

Once Upon a Time – 2ª temporada (EUA, 2012)
Diretor: Diversos
Roteiro: Diversos
Elenco: Ginnifer Goodwin, Jennifer Morrison, Lana Parrilla, Josh Dallas, Jared Gilmore, Robert Carlyle, Emilie de Ravin.
Duração: 60 min. (por episódio)

Você Também pode curtir

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais