Home TVEpisódio Crítica | Scream 1X05: Exposed

Crítica | Scream 1X05: Exposed

por Luiz Santiago
40 views (a partir de agosto de 2020)

estrelas 2,5

Por um momento eu acreditei que em Exposed entraríamos ainda mais na mente ou no mundo do assassino (ou assassinos, nunca se sabe…), mas o episódio revelou-se uma pequena cratera de “expressões de peixe morto” em alguns atores, trazendo o velho, batido e insuportável clichê de elencar A Letra Escarlate como exemplo de “critica social” para algum tipo de exposição — nesse caso, da vida sexual e Emma e Will (vulgo Três Minutos) — e dispersões desnecessárias justamente quando não precisávamos delas. E o pior de tudo isso é que estamos bem no meio da temporada.

Após o final de Aftermath, estava claro que a tal “exposição” de Emma estaria em pauta na série, mas não imaginávamos que demoraria um episódio inteiro para o roteiro digerir esse tipo de trama! E vejam que não é nada complicado, a tal “exposição” poderia servir de trampolim para outros eventos dramáticos mesmo que voltasse um pouco nos capítulos seguintes, como aconteceu com Audrey em Red Roses. No entanto, o que tivemos nesse episódio foi uma quase estagnação da história dentro da pior formatação narrativa possível, com a criação de subtramas sem importância. Sejam honestos: quem se importa com a mãe de Brooke? Quem se importa com o pai de Brooke? Que mania é essa de querer fazer mímica de Twin Peaks?

Se cortarmos o cyber-bullying, a chantagem, a pornografia adolescente, toda a participação de Kieran no episódio (era melhor que continuasse viajando) e o nonsense de uma nova Detetive na cidade, pouco sobra de incentivo dramático no capítulo. Mas não era para ser assim. A essa altura do campeonato o show tem história e força o bastante para criar eventos marcantes a cada semana sem precisar explodir o espectador com dezenas de reviravoltas, mas eu confesso que preferiria este cenário ao estágio morno e insosso de Exposed.

Parece-me que cada vez mais o assassino se contenta em apenas assustar Emma, mas não dá um passo para machucá-la, de fato. Pensem bem nisso. Quem na verdade sofre na mão de Ghostface são as pessoas ao redor de Emma, mas não ela. E a despeito disso, parece-nos que os roteiristas encontraram material suficiente para gerar uma Emma 2.0, que é uma cópia mal feita da Emma 1.0, só que agora com carinha voluptuosa e uma postura um pouco mais… impaciente em relação aos telefonemas que recebe. Quem sabe no próximo episódio ela não tenha que pagar por isso de uma forma mais incisiva. Vamos torcer.

É inacreditável que um episódio como Exposed tenha sido dirigido pela mesma pessoa que assinou Aftermath. A estrutura técnica do capítulo anterior era segura em inúmeros pontos, desde angulação e organização dos planos até a dinâmica dos atores no quadro, na montagem (embora tenha apresentado falhas grandes, mas não tanto quanto aqui) e especialmente na trilha sonora, que em Exposed é relegada a algumas poucas pontes sem nenhum impacto real para a narrativa, assim como todo o resto da equipe técnica, que funciona no automático. Não existe uma única cena digna de destaque nesse episódio.

Tomara que tudo isso tenha sido apenas uma enganação antes da reta final da temporada começar. Por que, se o padrão de Exposed for o mesmo adotado para os episódios seguintes, Scream já era.

Palpite da semana: Ghostface é Xuxa, após dizer que “fazer o bem é melhor do que plástica“.

Pânico/Scream: 1X05: Exposed (EUA, 28 de julho de 2015)
Direção: Brian Dannelly
Roteiro: David Coggeshall, Meredith Glynn, David Coggeshall, Jay Beattie, Dan Dworkin, Jill E. Blotevogel
Elenco: Willa Fitzgerald, Bex Taylor-Klaus, John Karna, Amadeus Serafini, Connor Weil, Carlson Young, Jason Wiles, Tracy Middendorf, Bryan Batt, Amelia Rose Blaire, Sophina Brown, Bobby Campo, Tom Maden
Duração: 45 min.

Você Também pode curtir

10 comentários

André de Oliveira 3 de agosto de 2015 - 16:19

O que mais me incomodou em Exposed foi: gente, a pessoa acabou de ter um vídeo dela dando espalhado para a cidade inteira. Tem um assassino matando os amigos dela e a ameaçando. O que ela faz? Vai dar pra outro cara num campo aberto ¬¬ oi?

Responder
Luiz Santiago 3 de agosto de 2015 - 18:42

HAUHAUAHUAHA, comentário perfeito, @andr_de_oliveira:disqus!!! É exatamente isso! É pedir para o público ficar com raiva, fala aí!

Responder
Oscar 1 de agosto de 2015 - 19:33

Esse episodio foi chato.As coisas boas nesse foram Audray dando uma surra no Will e finalmente pararem de enrolar nessa coisa de chantagem, o pai de Brooke sendo um assassino pode não ser uma das melhores, mas poderia ser pior, a série podia passar muito bem sem essa historinha.

A dupla de amigos criminosos conseguiu ficar interessante por um segundo depois ficaram sem graça de novo, esses atores não tem uma boa química. E os personagens estão merecendo uma morte bem pesada, Will da cada vez mais motivos para detesta-lo e o outro que eu não consigo lembrar um nome até que tem personalidade mais ele não acrescenta nada a historia.

Piper pode ser uma boa personagem e pode ser usada para algo util ainda, mas ela não esta nem próxima de ser uma Gale.

Audray até poderia ser a assassina, um dia ela perdeu a cabeça e saiu matando populares e sua namorada besta, explicaria porque ainda Emma não foi tocada e a morte por enforcamento.

E Emma ainda não é 2.0, está mais para 1.5 ou uma 1.0 puta da vida e que finalmente perdeu a paciência.

A série precisa de um jorro de sangue urgente para empolgar o publico de novo, ainda to esperando uma cena parecida com esse vídeo:

https://www.youtube.com/watch?v=ZhLLVy0dSgI

Responder
Luiz Santiago 2 de agosto de 2015 - 12:19

Eu concordo com você! A serie precisa de sangue! hahahahhahaha
Essa promo é simplesmente sensacional!!! Quero MUITO ver isso acontecer!

Responder
Castro 1 de agosto de 2015 - 11:40

Acho que o assassino é a Audrey…
Primeiro aquela historinha de vazar video, depois morreu a ”namoradinha” e ela é amiguinha de todo mundo e tá sempre na volta da Emma…

Esse episódio foi morno, acho que introduziram o drama do pai e mãe da Brooke só pra ficarmos com alguma pena quando ela morrer, hahaha, no way..

Responder
Luiz Santiago 1 de agosto de 2015 - 13:52

Não dá pra ficar com pena da Brooke, nunca! hahahah

Eu já pensei algumas vezes em o assassino ser a Audrey. Mas não sei. Ainda tem uma vozinha lá no fundo que me diz que ela é gente do bem. Mas vai saber né…

Responder
Castro 1 de agosto de 2015 - 14:55

Minha suspeita aumentou mais ainda depois que ela mostrou aquela força toda na defesa pessoal quando virou o cara… mas vamos ver 😛

Responder
Luiz Santiago 2 de agosto de 2015 - 12:17

Aquilo realmente foi inesperado!

Responder
André de Oliveira 3 de agosto de 2015 - 16:21

Continuo apostando na repórter… Só não queria uma historinha clichêzona de ela ser filha do Brandon James e estar fazendo tudo isso pra se vingar e zZZZZZzZzZ

Luiz Santiago 3 de agosto de 2015 - 18:36

Nossa, se for isso, quem vai virar Ghostface nessa bagaça sou eu! ahahhahahahahah

Escreva um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais