Crítica | Star Wars Resistance – 1X10: Secrets and Holograms

Star Wars gosta de nos apresentar histórias com um determinado ponto de vista. Em O Último Jedi, vemos a história do conflito entre Luke e Kylo Ren de diversos pontos de vista, Palpatine vive mostrando seu ponto de vista para com a Ordem Jedi. A LucasFilm até lançou um livro que se chama “Star Wars – From a Certain Point of View”, que mostra cenas icônicas da saga com uma nova visão.

Secrets and Holograms nos mostra visão de uma personagem sobre a maior trama que a animação nos apresentou até agora. Por mais que a trama gaste um bom tempo mostrando Kaz espionando Capitão Doza, o décimo episódio de Star Wars Resistance foca em Torra Doza.

Aqui vemos que a menina passa grande parte do seu tempo trancada na torre de comando da Colossus. Seu pai, Capitão Doza, tem medo que a garota se ponha em risco com a Primeira Ordem, organização cada vez mais presente dentro da plataforma. É claro que a menina nunca obedece seu pai e sempre consegue fugir de alguma forma. Em uma dessas fugas ela encontra Kaz, que está tentando, ao contrário de Torra, entrar na torre de comando.

Kaz se aproveita da filha do Capitão e consegue entrar na torre, junto com ele entra o Comandante Pyre, o famoso stormtrooper de armadura de ouro. A Primeira Ordem está na plataforma para oferecer proteção, com as recentes investidas de piratas, só resta uma opção para Capitão Doza, então um acordo é feito. Como todo bom espião, Kaz precisa saber dos detalhes deste acordo, ele consegue entrar no escritório, porém, sair parece ser uma missão mais complicada. Inesperadamente Torra Doza, ajuda Kaz a sair da sala do pai. No final a menina pergunta a Kaz sobre sua participação na Resistência, o menino nega.

É no escritório de Capitão Doza que uma das principais revelações do episódio é feita, enquanto Kaz está escondido no armário, vemos um uniforme imperial. A reação do menino é a mesma reação que a audiência tem, toda a trama da série tem nos levado a gostar do governante da Colossus, ver um uniforme imperial em seu guarda roupa fez com que toda essa confiança adquirida desmoronasse.

Toda a montagem da cena de Kaz dentro do escritório é muito bem feita, a direção de Saul Ruiz cria um senso de urgência muito grande. A correria de Kaz e o sucesso alcançado no último minuto, não parecem nada clichê. Criar um senso de perseguição parece ser um característica de Saul Ruiz, que também dirigiu o episódio The Children from Tehar, esse que tem uma das melhores cenas de perseguição da série.

Ver toda a trama de Resistance ser contada pelos olhos de uma personagem que, até então, não tinha sido muito explorada é muito interessante. Compreender cada uma das personalidades de todos os principais personagens é essencial para compreendê-los. Resistance tem sido muito competente em apresentar e desenvolver, não só a sua trama principal, mas também suas subtramas.

Star Wars Resistance – 1X10: Secrets and Holograms (EUA, 2 de Dezembro de 2018)
Criado por: Carrie Beck, Dave Filoni, Kiri Hart
Direção: Saul Ruiz
Roteiro: Stephany Folsom
Elenco: Christopher Sean, Scott Lawrence, Josh Brener, Suzie McGrath, Bobby Moynihan, Jim Rash, Donald Faison, Myrna Velasco, Lex Lang, Stephen Stanton, Mary Elizabeth McGlynn, Diedrich Bader, Rachel Butera, Oscar Isaac.
Duração: 22 minutos.

PEDRO CUNHA . . . Com corpo e alma de Hobbit, sou um eterno Padawan e aprendiz. Amigo dos ursos, dos elfos e das águias. Nativo de Krypton e apreciador da sétima, nona e de TODAS as artes. Quando tentado sempre rebato; "sou um Jedi, como meu pai antes de mim".