Home TVEpisódio Crítica | The Big Bang Theory – 12X12: The Propagation Proposition

Crítica | The Big Bang Theory – 12X12: The Propagation Proposition

por Gabriel Carvalho
64 views (a partir de agosto de 2020)

Contém spoilers.

O relacionamento de Raj (Kunal Nayyar) já está dando tantas voltas, aqui retornando ao seu início, que penso, ainda na metade da última temporada de The Big Bang Theory, que os roteiristas da série parecem não terem tido coragem de criar algo realmente novo com o personagem. Antes, a premissa de manter o casamento arranjado era consideravelmente original, mas o que os personagens agora vão fazer, cancelando o evento, porém saindo juntos como se estivessem se conhecendo do zero, dá a sensação de uma novidade forjada, quando o nascimento de um amor poderia muito bem já estar sendo acompanhado do casamento propriamente dito, apenas para tudo terminar, muito provavelmente, com um outro casamento. O contexto será, portanto, ordinário.

Os casamentos, por serem tão recorrentes, poderiam ser escanteados como um acontecimento futuro, mas trazidos à tona pelo seu presente, o que, por exemplo, é competente para a construção de um psicológico sobre Raj, questionando a sua vida por ver todos os seus amigos casados. Ademais, o mais interessante que acontece no episódio The Propagation Proposition mora no núcleo de Leonard (Johnny Galecki) e Penny (Kaley Cuoco), em vista do convite de um ex-namorado da garota para que o seu atual marido seja doador de esperma para ele. Uma pena que, nesse caso, o roteiro simplesmente avance qualquer discussão mais elaborada sobre a temática, partindo apenas do princípio de massagem de ego do protagonista sobre Sheldon (Jim Parsons).

The Big Bang Theory também sacrifica, no entrecorte de dinâmicas mais profundas – uma montagem potencialmente “revigorante” nos estranha a introdução do capítulo -, o seu teor cômico, a sua graça como essência, porque o episódio é consideravelmente encarado com uma seriedade cansativa – contrapor Raj com Anu (Rati Gupta) não dá margem a muitas piadas, porque a mulher está, obviamente, muito fechada nesse episódio, por causa do que aconteceu em The Paintball Scattering. O auge cômico, por exemplo, depende da referência a Simplesmente Amor, que é até explicada gratuitamente, como em quase tudo que a série ousou referenciar. Tomara que esse episódio não proponha a propagação de uma chateação como essa, para o restante da temporada.

The Big Bang Theory – 12X12: The Propagation Proposition – EUA, 10 de janeiro de 2018
Criação: Chuck Lorre e Bill Prady
Direção: Mark Cendrowski
Roteiro: Maria Ferrari, Dave Goetsch, Eric Kaplan
Elenco: Johnny Galecki, Jim Parsons, Kaley Cuoco, Simon Helberg, Kunal Nayyar, Mayim Bialik, Melissa Rauch, Kati Gupta
Duração: 20 min.

Você Também pode curtir

4 comentários

Djalma Meneses 14 de janeiro de 2019 - 03:10

Além disso tudo, a referência a The Handmaid’s Tale (por parte da Amy) foi horrível, deselegante, idiota, desnecessária e descontextualizada.

Aliás, convenhamos, TBBT sempre foi isso mas nem numa temporada final eles conseguem algo bom. Graças à sensatez isso já está no fim e só faltam 12 episódios, que, aliás, eu prevejo ser bem ruim e com uma series finale bem meia-boca.

Quanto à review, excelente, como de costume😉

Responder
Edmundo da hora 14 de janeiro de 2019 - 17:26

É comédia, você deve gostar dos diálogos dos filmes de woody Allen, sua opinião se perde em meio ao numenú de fas que a série possui, e daí que tá meio sem graça e o desfecho de uma longa e divertida história, e se não gosta para que assiste, por acaso você ganha para ser crítico ou é só chato mesmo?

Responder
Lucas Casagrande 14 de janeiro de 2019 - 21:06

Me parece ser bem idiota achar algo ruim mas ficar vendo por 12 temporadas, enfim, médicos dizem que nesses casos é melhor não contrariar rsrs

Responder
Gabriel Carvalho 19 de janeiro de 2019 - 20:01

Valeu pelo feedback!

Responder

Escreva um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais