Home TVEpisódio Crítica | The Flash 2X18: Versus Zoom

Crítica | The Flash 2X18: Versus Zoom

por Luiz Santiago
125 views (a partir de agosto de 2020)

estrelas 3

Obs: Há spoilers. Leiam as críticas dos demais episódios de The Flash, aqui.

Depois de uma segunda pausa ao longo da temporada — não canso de dizer: desnecessariamente longa — e após um bom episódio 17, Flash Back, voltamos com um capítulo também bom, embora não tanto quanto o anterior, e que enfim nos entrega a esperada luta “de igual para igual” entre um agora verdadeiramente rápido Flash e o vil Zoom.

Versus Zoom traz uma rápida história de origem para o vilão e relembra o espectador da dinâmica dos sósias entre as Terras, reafirmando também o trânsito entre um universo e outro e, apesar de deixar algumas coisas sem sentido em todo esse processo, cumprindo ao menos o objetivo central do enredo, que era revelar Zoom e fazer com que o #teamflash o enfrentasse, mesmo sem vitória imediata, porque aí já seria demais, até para o padrão CW.

Com um tratamento melhor dado a cada um dos personagens em cena — e vejam, isto não significa que todos receberam bons momentos ou estão plenamente acetáveis, mas definitivamente estão melhores que 98% das vezes antes de Flash Back — e um roteiro que minimiza o fator-filler, fica fácil para o espectador aproveitar melhor a trama e torcer ou sentir raiva por algum personagem, enfim, envolver-se com o que é mostrado, um tipo de engajamento emotivo que quase nunca tivemos nesta segunda temporada dado o grande número de repetições de fórmulas, vilões da semana e romances que apagavam as narrativas principais. Em Versus Zoom, nenhum desses é o verdadeiro caso. Mas existem outros problemas.

Há muito que as informações sobre Zoom deixaram de ser uma “grande coisa”. O serviço de “estragar personagens” da CW fez o favor que destruir o potencial da surpresa e todo o poder dramático que o vilão teria se fosse bem construído. O que sobrou foi jogar com o restante de respeito que o público tem em relação ao nome Jay Garrick, então atribuído à figura que hoje conhecemos como Hunter Zolomon, estratégia que livrou Versus Zoom de um “triste fim”.

É verdade que não há muitos pontos sólidos nesse âmbito ao longo do episódio, pois Zoom está em cena, mas outras tentativas e mini-dramas pré-desenvolvidos desde a metade da temporada acabam aparecendo e minando um pouco de tempo e possibilidade de desenvolvimento dos problemas centrais. Vibro tentando achar a vibração certa, Barry tentando correr mais rápido (de novo), Joe e Wally se acertando e Wells novamente reafirmando o que nós já sabemos há muito; tudo em um mesmo episódio, em estágios importantes de sua progressão e justamente com essa revelação sobre Zoom certamente não foi um caminho aplaudível em termos de coerência narrativa. Concordo que os roteiristas tentaram ao máximo diminuir o peso disso na história, mas foram apenas parcialmente vitoriosos.

O que achei curioso aqui foi o destaque de alguns setores técnicos que normalmente são apagados nos episódios da série ou por incompetência da direção ou porque o roteiro é tão ruim que nada, por mais interessante que seja, chama a atenção do espectador. Aqui, mais do que um bom funcionamento individual, determinados setores estiveram muito bem relacionados ao escopo maior do capítulo e, dentre eles, destacamos a trilha sonora, que além de bela trouxe uma medida certa de tensão, drama e um pouco de horror para a atmosfera de caça e ameaça nesta luta. Também é essencial darmos a devida importância à direção e fotografia, assinada por Stewart Whelan, que foi o fotógrafo do episódio piloto da série. Sua composição de luz e trabalho orgânico com as cores do cenário ajudaram a montar o clima de impetuosidade juntamente com a música. Guiados pela direção de Stefan Pleszczynski, esses setores conseguiram um ambiente visual e sonoro muito propícios para a história que nos leva à reta final da temporada. E isso é passível de ser citado aqui porque não se trata de uma prática constante no programa.

Mesmo com seus momentos de melodrama (temos até uma conversa sobre destino, vejam só!) e pequenos desvios do tema principal, Versus Zoom trouxe algo de bom, terminando com um bom resultado, se somarmos as suas partes. Dois desses episódios seguidos em The Flash… o mundo realmente está de cabeça para baixo.

§ O que foi aquela “aliança” que fizeram com o Zoom? O moço ficou, de boas, vendo Barry correr e encher o pote de Força de Aceleração e… Ninguém teve uma brilhante ideia? Sério mesmo?

§ Por favor, me digam que o próximo episódio não vai se centrar em um fail romance envolvendo Zoom e Caitlin Snow.

The Flash 2X18: Versus Zoom (EUA, 2016)
Direção: Stefan Pleszczynski
Roteiro: Joe Peracchio, David Kob
Elenco: Grant Gustin, Candice Patton, Danielle Panabaker, Carlos Valdes, Keiynan Lonsdale, Tom Cavanagh, Jesse L. Martin, Teddy Sears, Tatyana Forrest, Shaine Jones, Octavian Kaul
Duração: 42 min.

Você Também pode curtir

177 comentários

Gaúcho Palmeirense 25 de abril de 2016 - 17:31

Faltou um mordomo servindo um cházinho de cidreira na reuniãozinha, desde quando um vilão entrega sua parte antes?

só falta agora aparecerem com a supergirl para ajudar o team flash

Responder
Luiz Santiago 25 de abril de 2016 - 18:56

Essa reunião foi uma das coisas mais WTF??? que eu á vi quando se trata de um baita plano sendo executado…

Responder
Luiz Santiago 25 de abril de 2016 - 18:56

Essa reunião foi uma das coisas mais WTF??? que eu á vi quando se trata de um baita plano sendo executado…

Responder
Gaúcho Palmeirense 25 de abril de 2016 - 17:31

Faltou um mordomo servindo um cházinho de cidreira na reuniãozinha, desde quando um vilão entrega sua parte antes?

só falta agora aparecerem com a supergirl para ajudar o team flash

Responder
Vinícius Felipe 24 de abril de 2016 - 01:56

Me pergunto pq continuo assistindo essa novelinha mexicana porca?! A pequena luz esperançosa de que a série vai melhorar está se apagando. Como disseram, não são os produtores imbecis, somos nós mesmos.
Arrgg.. O que foi aquela sala dos super migos ? Um dos maiores VILÕES sentou na banqueta como se estivesse num botecão com os brothers.. MEU DEUS, eu praticamente assisti o episódio de olhos virados.
Pelo visto essa galera da STAR Square (pq aquilo já deixou de ser um laboratório há muito tempo, qualquer um entra lá quando quer, sem ngm notar. O que mais me deixa puto é quando eles ficam surpresos com quem aparece ASUASHUSHSA.. poha, nenhum portãozinho com câmera mesmo?) só usa o raciocínio pra resolver equações, pq para elaborar planos B ou C….

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 14:48

SALA DOS SUPER AMIGOS!!! HAHHAHAHHAHAHHAHAHAH EU TO MORRENDO DE RIR AQUI!!!

Olha, @vifes0:disqus, você representou todo o meu sentimento ao longo dessa temporada… Eu ri demais com esse comentário… O pior é que esse é um padrão que me parece fixo no show. Não há qualquer indício de que irão mudar essa linha narrativa…

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 14:48

SALA DOS SUPER AMIGOS!!! HAHHAHAHHAHAHHAHAHAH EU TO MORRENDO DE RIR AQUI!!!

Olha, @vifes0:disqus, você representou todo o meu sentimento ao longo dessa temporada… Eu ri demais com esse comentário… O pior é que esse é um padrão que me parece fixo no show. Não há qualquer indício de que irão mudar essa linha narrativa…

Responder
Vinícius Felipe 24 de abril de 2016 - 01:56

Me pergunto pq continuo assistindo essa novelinha mexicana porca?! A pequena luz esperançosa de que a série vai melhorar está se apagando. Como disseram, não são os produtores imbecis, somos nós mesmos.
Arrgg.. O que foi aquela sala dos super migos ? Um dos maiores VILÕES sentou na banqueta como se estivesse num botecão com os brothers.. MEU DEUS, eu praticamente assisti o episódio de olhos virados.
Pelo visto essa galera da STAR Square (pq aquilo já deixou de ser um laboratório há muito tempo, qualquer um entra lá quando quer, sem ngm notar. O que mais me deixa puto é quando eles ficam surpresos com quem aparece ASUASHUSHSA.. poha, nenhum portãozinho com câmera mesmo?) só usa o raciocínio pra resolver equações, pq para elaborar planos B ou C….

Responder
Guilherme :) 24 de abril de 2016 - 00:42

Na boa.. Como que no final do episódio onde supostamente deveria ser o ápice de tensão, raiva ou seja lá o que for por estar vendo Jay ali como Zoom bem na frente deles, todo mundo para e vai bater um papo, contar as novidades. Bem incrível também que todo mundo já aceitou que Barry vai ter que entregar toda sua velocidade porque o retardado do Wally (poderiam ter aproveitado e deixado Zoom matar um dos piores personagens que eu já vi em séries, não consegue criar UM vínculo sequer com os espectadores) foi sequestrado. Como se não fosse o suficiente vão insistir NOVAMENTE no próximo episódio em um dos piores romance da história, com Caitlin choramingando novamente com aquelas frases inovadoras: Não faça isso! Eu sei que você ainda tem um lado bom!

Sinceramente vou apenas terminar de assistir essa temporada. Com certeza há coisas melhores para eu investir meu tempo. Ótima crítica Luiz!

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 01:33

Muito obrigado, @disqus_cpbi915Hqj:disqus!!! Olha eu ainda to tentando escapar das trevas que foi essas loucas armadilhas. O episódio não é tão ruim quanto outros momentos que essa temporada teve, mas ainda assim irrita MUITO!!! Sorte a sua que não está vendo (ou está?) LoT. O tamanho da caca ali é muuuito maior…

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 01:33

Muito obrigado, @disqus_cpbi915Hqj:disqus!!! Olha eu ainda to tentando escapar das trevas que foi essas loucas armadilhas. O episódio não é tão ruim quanto outros momentos que essa temporada teve, mas ainda assim irrita MUITO!!! Sorte a sua que não está vendo (ou está?) LoT. O tamanho da caca ali é muuuito maior…

Responder
Guilherme :) 24 de abril de 2016 - 13:38

Não estou vendo LoT Luiz, no início da temporada estava cogitando começar assistir, mas terminei deixando de lado (ainda bem). Só fico decepcionado com The Flash porque eles tinham tudo para fazer uma série muito boa, com muitas teorias científicas interessantes e etc. Eu gostei muito dos vilões principais da série, mas na minha opinião Zoom foi muito mal explorado :(.

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 14:34

The Flash poderia ser a nata. É uma série com um potencial teórico soberbo e um elenco que se não fosse orientado dentro da cartilha mimimi e não tivesse roteiros estúpidos poderia ser muito bom em cena… Mas os produtores parece que tem outros planos para o show…

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 14:34

The Flash poderia ser a nata. É uma série com um potencial teórico soberbo e um elenco que se não fosse orientado dentro da cartilha mimimi e não tivesse roteiros estúpidos poderia ser muito bom em cena… Mas os produtores parece que tem outros planos para o show…

Responder
Guilherme :) 24 de abril de 2016 - 13:38

Não estou vendo LoT Luiz, no início da temporada estava cogitando começar assistir, mas terminei deixando de lado (ainda bem). Só fico decepcionado com The Flash porque eles tinham tudo para fazer uma série muito boa, com muitas teorias científicas interessantes e etc. Eu gostei muito dos vilões principais da série, mas na minha opinião Zoom foi muito mal explorado :(.

Responder
Guilherme :) 24 de abril de 2016 - 00:42

Na boa.. Como que no final do episódio onde supostamente deveria ser o ápice de tensão, raiva ou seja lá o que for por estar vendo Jay ali como Zoom bem na frente deles, todo mundo para e vai bater um papo, contar as novidades. Bem incrível também que todo mundo já aceitou que Barry vai ter que entregar toda sua velocidade porque o retardado do Wally (poderiam ter aproveitado e deixado Zoom matar um dos piores personagens que eu já vi em séries, não consegue criar UM vínculo sequer com os espectadores) foi sequestrado. Como se não fosse o suficiente vão insistir NOVAMENTE no próximo episódio em um dos piores romance da história, com Caitlin choramingando novamente com aquelas frases inovadoras: Não faça isso! Eu sei que você ainda tem um lado bom!

Sinceramente vou apenas terminar de assistir essa temporada. Com certeza há coisas melhores para eu investir meu tempo. Ótima crítica Luiz!

Responder
Natãniel Tibola 23 de abril de 2016 - 21:29

Luiz Santiago, leio sempre as criticas aqui apenas nunca comentei nada, mas são sempre excelentes. Preciso que você me explique uma coisa que não entendi muito bem no episódio, talvez eu assistindo de novo eu entenda; Quando eles estão lá conversando no final do episódio, Caitlin, Cisco e Barry perguntam para “Jay” como ele estava na terra 1 e na terra 2 ao mesmo tempo, ele explica que viaja no tempo, pelo que entendi para o passado, e convence o seu outro eu a ir pro futuro e se fingir de Jay Garrick, “foi isso q entendi mesmo ou entendi errado?” Se foi isso, quando o Zoom “Mata” ele naquele episódio quando todos voltam para a terra 1, O ZOOM não deveria ter desaparecido da existência assim com aconteceu com o Flash reverso… Me explique por favor.

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 22:59

Olá, @natnieltibola:disqus. Obrigado por acompanhar os meus textos e pela pergunta.

Primeiro, você entendeu certinho. É exatamente isso que ele diz. Acontece que existem várias teorias que explicam paradoxos temporais. Uma delas dá conta de que existe apenas UMA linha do tempo e se você mexer nela em um certo ponto, você tem consequências em sua própria persona, no presente. O paradoxo do avô entra aqui.

Existem outras teorias — e uma dessas é a que a série está usando para “explicar” essa cena — é que toda viagem no tempo na verdade cria uma segunda, terceira, quarta (etc) linha do tempo, como atalhos de uma rodovia. Logo, a linha do tempo principal independe do que acontece nas linhas do tempo paralelas, cada linha criada mantém a sua individualidade…

As teorias são interessantíssimas se bem trabalhadas (se você vê Doctor Who ou á assistiu ao filme O Predestinado sabre do que eu estou falando), mas aqui em The Flash a explicação é porca e completamente nonsense, porque não tem contexto…

Espero ter ajudado.
Abraço!

Responder
Natãniel Tibola 23 de abril de 2016 - 23:17

Ajudou sim. Agora entendi, realmente é uma pena que eles façam as explicações de uma forma “porca e completamente nonsense” como você disse, mas no mais estou gostando dessa segunda temporada, tomara que não estraguem as coisas nesse final de temporada

Obrigado pela resposta
Abraço

Responder
Natãniel Tibola 23 de abril de 2016 - 23:17

Ajudou sim. Agora entendi, realmente é uma pena que eles façam as explicações de uma forma “porca e completamente nonsense” como você disse, mas no mais estou gostando dessa segunda temporada, tomara que não estraguem as coisas nesse final de temporada

Obrigado pela resposta
Abraço

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 23:56

Pelo menos eles estão melhores que LoT, isso já é um conforto! haaa
Volte sempre, meu caro!
Abraço

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 23:56

Pelo menos eles estão melhores que LoT, isso já é um conforto! haaa
Volte sempre, meu caro!
Abraço

Responder
joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 12:25

Na boa a minha teoria sobre é quando o hunter ganhou os poderes ele precisaria de alguma compreensão de física para poder saber sua limitação em relação o quanto rápido ele precisaria ser para taís coisas e como todo velocista das HQs ele queria ser mais rápido o mais rápido e daí começou a aprender sobre química e criou o V6, e usou ele mas o Wells sabia quem era o hunter e sabia que ele era o zoom então ele precisava de uma identidade diferente e assim nasceu o nome Jay e hunter ficava lutando como Jay contra si mesmo do futuro como zoom e quando a luta acabava ele voltava no tempo vestia a roupa de zoom e lutava com ele do passado completando o ciclo só que ele estava perdendo velocidade e descobriu que se devia ao V6 mas não adiantaria fazer tudo sozinho então ele esperou e quando o portal pra terra 1 abriu ele usou ela e foi pra terra 1 e lá ele fez tudo q fez só que não tinha um zoom pra atacar eles e na hora que a cait cria o V9 ele pega usa e volta pra terra 2 e lá ele repete a fórmula e arquiteta seu plano, e como é um universo diferente as regras nele são diferentes então ele podfoia matar uma versão passada de si mesmo então ele volta no tempo e explica o plano para ele mesmo do passado que o segue perfeitamente e chega no ponto que estamos. Bem pelo que eu entendi nem o Barry sem os taquions não consegue fazer miragens aquilo foi porque ele voltou no tempo e viu um reflexo da alteração do fluxo temporal e o Barry entregar o jogo daquela maneira pra mim tem dois motivos 1 ele não podia arriscar que o zoom machucasse alguém numa sala cheia de gente 2 ele é honesto demais pra trair zoom numa hora daquelas e o pessoal não rinha como se defender do zoom

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 14:42

Meu Deus, meu cérebro virou papinha de bebê agora…
Mas pelo que entendi da sua teoria, a série jamais fará algo tão inteligente. A essa altura a gente já percebeu que explicações inteligentes não estão na pauta do programa… Fico só pensando em como eles vão dar conta dessa parada.

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 14:42

Meu Deus, meu cérebro virou papinha de bebê agora…
Mas pelo que entendi da sua teoria, a série jamais fará algo tão inteligente. A essa altura a gente já percebeu que explicações inteligentes não estão na pauta do programa… Fico só pensando em como eles vão dar conta dessa parada.

Responder
joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 14:53

É eu tbm n espero algo tão inteligente deles mas quando são as teorias do multiverso a única regra é que realidades paralelas podem funcionar de forma diferente da nossa e sempre que os roteiristas n tem ideia do que fazer fazerem eles abrem lacunas no enredo para nos criarmos nossas teorias e eles nunca explicam até uma teoria ser a mais aceita pelos fãs

Responder
joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 14:53

É eu tbm n espero algo tão inteligente deles mas quando são as teorias do multiverso a única regra é que realidades paralelas podem funcionar de forma diferente da nossa e sempre que os roteiristas n tem ideia do que fazer fazerem eles abrem lacunas no enredo para nos criarmos nossas teorias e eles nunca explicam até uma teoria ser a mais aceita pelos fãs

Responder
Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 15:16

É bem por aí. O ruim é que esse é o tipo de série que cabe explicações inteligentes e cheias de coisas bacanas de ficção científica. Acho que a minha birra principal com os produtores é essa: perder a oportunidade de fazer algo maravilhoso com algo que tem esse mega potencial

joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 15:22

É cara seria uma sacada muito boa tipo os flashbacks em arrow antes deles perderem o rumo a CW tava fazendo um bom trabalho mas agr parece que os caras estão sem idéias eu tinha uma esperança muito boa pro legends of tomorow e lá eles ainda tem chances de arrumar se parar com os dramas inúteis e inexplicáveis dos personagens

joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 15:22

É cara seria uma sacada muito boa tipo os flashbacks em arrow antes deles perderem o rumo a CW tava fazendo um bom trabalho mas agr parece que os caras estão sem idéias eu tinha uma esperança muito boa pro legends of tomorow e lá eles ainda tem chances de arrumar se parar com os dramas inúteis e inexplicáveis dos personagens

Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 17:17

Em LoT as possibilidades também não andam boas. A série, no todo, está ruim. Minha única esperança é que façam mesmo a troca completa de núcleo dramática para a 2ª Temporada e com um novo elenco e nova proposta, criem algo bacana…

Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 17:17

Em LoT as possibilidades também não andam boas. A série, no todo, está ruim. Minha única esperança é que façam mesmo a troca completa de núcleo dramática para a 2ª Temporada e com um novo elenco e nova proposta, criem algo bacana…

joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 17:32

Cara n é tanto o elenco o problema é que nas três séries de super heróis da DC o foco delas é mimimi amoroso e coisas secundárias que acabam tendo mais foco que o objetivo principal se isso não ocorresse metade dos problemas de todas essas séries já teria acabado e elas estariam em um bom rumo e agr no flash vai ter o clichê em que o velocista acaba de ficar mais rápido algo rola ele perde os poderes e depois recupera e provavelmente vão criar o V10 pro Barry se recuperar e ele vai voltar ainda mais rápido. É uma pena mas até agora a DC errou muito nas televisões e cinemas nossas esperanças estão no esquadrão e em Gotham

joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 17:32

Cara n é tanto o elenco o problema é que nas três séries de super heróis da DC o foco delas é mimimi amoroso e coisas secundárias que acabam tendo mais foco que o objetivo principal se isso não ocorresse metade dos problemas de todas essas séries já teria acabado e elas estariam em um bom rumo e agr no flash vai ter o clichê em que o velocista acaba de ficar mais rápido algo rola ele perde os poderes e depois recupera e provavelmente vão criar o V10 pro Barry se recuperar e ele vai voltar ainda mais rápido. É uma pena mas até agora a DC errou muito nas televisões e cinemas nossas esperanças estão no esquadrão e em Gotham

Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 18:03

É torcer agora que Esquadrão seja bom. Estou esperando muito desse filme.

Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 18:03

É torcer agora que Esquadrão seja bom. Estou esperando muito desse filme.

joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 18:37

Também

joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 18:37

Também

Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 15:16

É bem por aí. O ruim é que esse é o tipo de série que cabe explicações inteligentes e cheias de coisas bacanas de ficção científica. Acho que a minha birra principal com os produtores é essa: perder a oportunidade de fazer algo maravilhoso com algo que tem esse mega potencial

joão segabinassi campos 24 de abril de 2016 - 12:25

Na boa a minha teoria sobre é quando o hunter ganhou os poderes ele precisaria de alguma compreensão de física para poder saber sua limitação em relação o quanto rápido ele precisaria ser para taís coisas e como todo velocista das HQs ele queria ser mais rápido o mais rápido e daí começou a aprender sobre química e criou o V6, e usou ele mas o Wells sabia quem era o hunter e sabia que ele era o zoom então ele precisava de uma identidade diferente e assim nasceu o nome Jay e hunter ficava lutando como Jay contra si mesmo do futuro como zoom e quando a luta acabava ele voltava no tempo vestia a roupa de zoom e lutava com ele do passado completando o ciclo só que ele estava perdendo velocidade e descobriu que se devia ao V6 mas não adiantaria fazer tudo sozinho então ele esperou e quando o portal pra terra 1 abriu ele usou ela e foi pra terra 1 e lá ele fez tudo q fez só que não tinha um zoom pra atacar eles e na hora que a cait cria o V9 ele pega usa e volta pra terra 2 e lá ele repete a fórmula e arquiteta seu plano, e como é um universo diferente as regras nele são diferentes então ele podfoia matar uma versão passada de si mesmo então ele volta no tempo e explica o plano para ele mesmo do passado que o segue perfeitamente e chega no ponto que estamos. Bem pelo que eu entendi nem o Barry sem os taquions não consegue fazer miragens aquilo foi porque ele voltou no tempo e viu um reflexo da alteração do fluxo temporal e o Barry entregar o jogo daquela maneira pra mim tem dois motivos 1 ele não podia arriscar que o zoom machucasse alguém numa sala cheia de gente 2 ele é honesto demais pra trair zoom numa hora daquelas e o pessoal não rinha como se defender do zoom

Responder
Natãniel Tibola 23 de abril de 2016 - 21:29

Luiz Santiago, leio sempre as criticas aqui apenas nunca comentei nada, mas são sempre excelentes. Preciso que você me explique uma coisa que não entendi muito bem no episódio, talvez eu assistindo de novo eu entenda; Quando eles estão lá conversando no final do episódio, Caitlin, Cisco e Barry perguntam para “Jay” como ele estava na terra 1 e na terra 2 ao mesmo tempo, ele explica que viaja no tempo, pelo que entendi para o passado, e convence o seu outro eu a ir pro futuro e se fingir de Jay Garrick, “foi isso q entendi mesmo ou entendi errado?” Se foi isso, quando o Zoom “Mata” ele naquele episódio quando todos voltam para a terra 1, O ZOOM não deveria ter desaparecido da existência assim com aconteceu com o Flash reverso… Me explique por favor.

Responder
Batman 22 de abril de 2016 - 19:37

Foi legalzinho a origem do Zoom, mas…..

Porquê o Barry tem que ser tão burro????????
Ele tinha entregado o Wally(Que estão transformando num puta personagem chato na série) e mais rápido que o Zoom ele tinha chances pô. O que foi aquilo??

E aquilo mal explicado de ser ele do passado? Se era ele do passado e ele o ,matou, como ele continua vivo no futuro??

Não seria mais fácil dizerem que ele raptou o sósia dele de outra terra e o ameaçou, ou deu algum jeito de ele jogar do seu lado?
Aff CW fala sério……. Caitlin e Zoom? Não duvido que farão ele ser derrotado no final usando ela……

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 22:25

Além de bagunçar geral personagens muito bacanas dos quadrinhos, criam romances bizarros no meio da série. Esse com o Zoom foi… patético. Igualzinho a burrice do Barry, como você questiona.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 22:25

Além de bagunçar geral personagens muito bacanas dos quadrinhos, criam romances bizarros no meio da série. Esse com o Zoom foi… patético. Igualzinho a burrice do Barry, como você questiona.

Responder
Batman 22 de abril de 2016 - 19:37

Foi legalzinho a origem do Zoom, mas…..

Porquê o Barry tem que ser tão burro????????
Ele tinha entregado o Wally(Que estão transformando num puta personagem chato na série) e mais rápido que o Zoom ele tinha chances pô. O que foi aquilo??

E aquilo mal explicado de ser ele do passado? Se era ele do passado e ele o ,matou, como ele continua vivo no futuro??

Não seria mais fácil dizerem que ele raptou o sósia dele de outra terra e o ameaçou, ou deu algum jeito de ele jogar do seu lado?
Aff CW fala sério……. Caitlin e Zoom? Não duvido que farão ele ser derrotado no final usando ela……

Responder
Rodrigo Faustino 22 de abril de 2016 - 18:35

Episódio horrível….se era para o zoom sair vitorioso, que fosse assim:
O flash dava uma surra nele ai o prendiam, depois no final do episódio a caitlin iria visitar ele aí ele convencia ela a solta-lo aí ele seguestrava ela, seria muito melhor ver a revanche do flash e depois a fulga do zoom, mas infelizmente o episódio foi péssimo

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 22:45

E ainda fizeram a maior lambança pra chegar nesse ponto, né? É tão bizarro que chega a ser engraçado.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 22:45

E ainda fizeram a maior lambança pra chegar nesse ponto, né? É tão bizarro que chega a ser engraçado.

Responder
Rodrigo Faustino 22 de abril de 2016 - 18:35

Episódio horrível….se era para o zoom sair vitorioso, que fosse assim:
O flash dava uma surra nele ai o prendiam, depois no final do episódio a caitlin iria visitar ele aí ele convencia ela a solta-lo aí ele seguestrava ela, seria muito melhor ver a revanche do flash e depois a fulga do zoom, mas infelizmente o episódio foi péssimo

Responder
H-Alves 22 de abril de 2016 - 17:48

Bom agora que ficou claro que ele é o Jay mesmo, pelo menos o Jay que conhecemos desde o início e que nada mais nada menos é ele mesmo só que do passado, como diacho eles explicam o fato dele ser um cientista? Não faz sentido da forma que passaram isso. Se ele sempre foi um serial killer e só piorou depois que ganhou os poderes, como ele adquiriu o conhecimento científico? Pq não tinha como ele fingir que era um cientista , estando ao lado de pessoas como o Cisco, Dr Wells e os outros.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 22:31

@hiale:disqus, agora você deu nó no meu cérebro. Calma. ALGUÉM AJUDA AQUI!!! Será que ele fez um “intensivão” com o Jay sobre isso??? Oh, senhor, esse negócio fica cada vez pior… Cavando mais, mais fede…

Responder
Stella 22 de abril de 2016 - 23:34

Tem mais ele matou ele mesmo mais novo não é de outra terra é ele do passado.Como que ele não foi apagado da existência como o flash reverso foi ?kkkkkkkk vai todo mundo bugar seu cerebro agora Luiz kkkkkk

Responder
Stella 22 de abril de 2016 - 23:34

Tem mais ele matou ele mesmo mais novo não é de outra terra é ele do passado.Como que ele não foi apagado da existência como o flash reverso foi ?kkkkkkkk vai todo mundo bugar seu cerebro agora Luiz kkkkkk

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 01:38

Olha, @disqus_9KZLz8G0wg:disqus, você e a @hiale:disqus vão ter que pagar meus sais, meus calmantes e meus analistas… Daqui a pouco to saindo na rua gritando dizendo que sou o ZOOM. hahahhaha

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 01:38

Olha, @disqus_9KZLz8G0wg:disqus, você e a @hiale:disqus vão ter que pagar meus sais, meus calmantes e meus analistas… Daqui a pouco to saindo na rua gritando dizendo que sou o ZOOM. hahahhaha

Responder
Stella 23 de abril de 2016 - 01:41

kkkkkkkkkkkk essa boa , realmente pra você ver como tem tantos erros no enredo , que o nosso cérebro resolve descartar para não enlouquecermos. Não se preocupe que você irá esquecer vai por mim, nossos cérebros geralmente descartam informações ruins e ”desnecessárias” hahahaha

Stella 23 de abril de 2016 - 01:41

kkkkkkkkkkkk essa boa , realmente pra você ver como tem tantos erros no enredo , que o nosso cérebro resolve descartar para não enlouquecermos. Não se preocupe que você irá esquecer vai por mim, nossos cérebros geralmente descartam informações ruins e ”desnecessárias” hahahaha

Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 11:44

Nossa, Odin te ouça, @disqus_9KZLz8G0wg:disqus! Não quero ter memória de longo prazo desse negócio não!

Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 11:44

Nossa, Odin te ouça, @disqus_9KZLz8G0wg:disqus! Não quero ter memória de longo prazo desse negócio não!

Stella 23 de abril de 2016 - 04:15

Mais outro” paradoxo”(furo no roteiro), como ninguém reconheceu o Hunter Zolomon da Terra-2 quando pretendia ser um herói? Isto fica mais mais absurdo se nos lembrarmos que o Harrison Wells disse que os crimes dele era pouco praticado naquele mundo.
Zoom não é rápido o suficiente para fazer miragens? Então Barry era mais rápido que ele desde a primeira temporada kkkkk. Toda a trama do Barry querendo ficar mais rápido para derrotar o vilão é inútil.

Stella 23 de abril de 2016 - 04:15

Mais outro” paradoxo”(furo no roteiro), como ninguém reconheceu o Hunter Zolomon da Terra-2 quando pretendia ser um herói? Isto fica mais mais absurdo se nos lembrarmos que o Harrison Wells disse que os crimes dele era pouco praticado naquele mundo.
Zoom não é rápido o suficiente para fazer miragens? Então Barry era mais rápido que ele desde a primeira temporada kkkkk. Toda a trama do Barry querendo ficar mais rápido para derrotar o vilão é inútil.

Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 11:55

Gente, parem com isso, vocês vão me matar!!! @disqus_9KZLz8G0wg:disqus, isso é um complô para me internar no Hospital dos Traumatizados Pelas Bizarrices de The Flash??? Foi o Ritter Fan que te contratou, to entendendo, á peguei tudo!!! hahahahahahahahhhahahah

Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 11:55

Gente, parem com isso, vocês vão me matar!!! @disqus_9KZLz8G0wg:disqus, isso é um complô para me internar no Hospital dos Traumatizados Pelas Bizarrices de The Flash??? Foi o Ritter Fan que te contratou, to entendendo, á peguei tudo!!! hahahahahahahahhhahahah

H-Alves 23 de abril de 2016 - 13:57

Pois é Stella. Se o zoom fosse uma versão do Jay de outra terra, seria mais bem explicado. Pq ele sendo uma versão dele mesmo mais jovem deixou tudo muito confuso.

H-Alves 23 de abril de 2016 - 13:57

Pois é Stella. Se o zoom fosse uma versão do Jay de outra terra, seria mais bem explicado. Pq ele sendo uma versão dele mesmo mais jovem deixou tudo muito confuso.

H-Alves 23 de abril de 2016 - 13:48

Colocando mais um pouquinho de lenha na fogueira.
Primeiro ele disse que o zoom roubou a velocidade dele, depois contou pra Caintlin que na verdade foi através da V9, mas isso não justifica então o fato dele detestar o Dr Wells pq se ele fez isso sozinho com o V9 a explosão não teria influenciado. Agora mostrou que na verdade foi a explosão junto com a cadeira de choque que transformou ele, então novamente não teria como ele está morrendo por causa dela, já que não foi ela que o transformou.
Enfim, qual a origem dele mesmo? Nem ele se decidiu ainda kkkkk isso tem cara que não foi planejado pro Jay ser o Zoom no início e que os roteirista enfiaram isso agora na história.

Ps – só eu achei a cena dele na cadeira de choque uma releitura do Barry ganhando os poderes em flashpoint?

Responder
H-Alves 23 de abril de 2016 - 13:48

Colocando mais um pouquinho de lenha na fogueira.
Primeiro ele disse que o zoom roubou a velocidade dele, depois contou pra Caintlin que na verdade foi através da V9, mas isso não justifica então o fato dele detestar o Dr Wells pq se ele fez isso sozinho com o V9 a explosão não teria influenciado. Agora mostrou que na verdade foi a explosão junto com a cadeira de choque que transformou ele, então novamente não teria como ele está morrendo por causa dela, já que não foi ela que o transformou.
Enfim, qual a origem dele mesmo? Nem ele se decidiu ainda kkkkk isso tem cara que não foi planejado pro Jay ser o Zoom no início e que os roteirista enfiaram isso agora na história.

Ps – só eu achei a cena dele na cadeira de choque uma releitura do Barry ganhando os poderes em flashpoint?

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 18:38

É mesmo uma bagunça tremenda. Esse negócio com a origem é mesmo muito importante de ser levantado, porque a série não está nem um pouco bem entrosada com isso….

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 18:38

É mesmo uma bagunça tremenda. Esse negócio com a origem é mesmo muito importante de ser levantado, porque a série não está nem um pouco bem entrosada com isso….

Responder
Stella 22 de abril de 2016 - 23:32

É verdade Hiale a serie tem tantos episódios que a gente acaba esquecendo dos pequenos detalhes.Realmente ele mostrava ter conhecimentos da fisica em geral.E pior ainda ele mesmo que foi morto ,era uma versão mais nova que ele fez uma aliança.

Responder
Stella 22 de abril de 2016 - 23:32

É verdade Hiale a serie tem tantos episódios que a gente acaba esquecendo dos pequenos detalhes.Realmente ele mostrava ter conhecimentos da fisica em geral.E pior ainda ele mesmo que foi morto ,era uma versão mais nova que ele fez uma aliança.

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 01:36

A gente precisa cassar a carteirinha de roteiristas desses indivíduos urgente!!!

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 01:36

A gente precisa cassar a carteirinha de roteiristas desses indivíduos urgente!!!

Responder
H-Alves 22 de abril de 2016 - 17:48

Bom agora que ficou claro que ele é o Jay mesmo, pelo menos o Jay que conhecemos desde o início e que nada mais nada menos é ele mesmo só que do passado, como diacho eles explicam o fato dele ser um cientista? Não faz sentido da forma que passaram isso. Se ele sempre foi um serial killer e só piorou depois que ganhou os poderes, como ele adquiriu o conhecimento científico? Pq não tinha como ele fingir que era um cientista , estando ao lado de pessoas como o Cisco, Dr Wells e os outros.

Responder
Renatho Henrique Campos 22 de abril de 2016 - 13:43

Eu discordo um pouco do que muitos estão reclamando. Admito que o papo de Barry mais rápido já estava cansativo, mas sobre a aliança com o zoom no final, o Barry somente cumpriu a palavra dele, como todo herói faz, pensem um pouco, quem não cumpre os tratos são os vilões.além do que, se ele brigasse com o zoom ali, dps que o Wally foi entregue e o zoom fugisse, Zoom poderia sequestrar outra pessoa importante dessa vez, como íris, Joe, cisco e poderia não entregar são e salvo como fez com Wally. Enfim, acho que estão reclamando muito de algo que ainda vai ser tudo explicado. Para mim The flash é a melhor série de Herói da atualidade e cada episódio só confirma minha opinião.

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 15:00

Cumprir a palavra? Me diz você, se tivesse a oportunidade de pegar o vilão desprevenido, sendo que você está mais rápido que ele e próximo de uma super prisão construída, vc não faria isso? Vilão não faz uma ameaça e simplesmente entrega de volta o refém ele mantem até ter o que quer, ali no caso ele largou a unica vantagem que tinha em cima do Flash, lembrando que o Flash estava mais rápido.
Entendo que é sua opinião, mas só estou mostrando a visão de todos nós que não curtimos isso.

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 15:00

Cumprir a palavra? Me diz você, se tivesse a oportunidade de pegar o vilão desprevenido, sendo que você está mais rápido que ele e próximo de uma super prisão construída, vc não faria isso? Vilão não faz uma ameaça e simplesmente entrega de volta o refém ele mantem até ter o que quer, ali no caso ele largou a unica vantagem que tinha em cima do Flash, lembrando que o Flash estava mais rápido.
Entendo que é sua opinião, mas só estou mostrando a visão de todos nós que não curtimos isso.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 16:10

Esse é justamente um dos meus pontos!

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 16:10

Esse é justamente um dos meus pontos!

Responder
El Imparcial ~ Jaktal 22 de abril de 2016 - 18:10

Ele não é um super herói, Flash é. Não é justo comparar o universo de quadrinhos com a nossa realidade desta maneira. Quando eu vi a cena, também achei estúpido e até fiquei revoltado. Mas caí a ficha do que o Renatho (e esse h depois do t aí eim?) disse: heróis mantém a palavra.
Não salva o episódio e nem justifica os demais erros (Zoom liberando o Wally antes de ter a velocidade foi mto WTF), mas esta decisão do Barry foi o que o personagem nos quadrinhos tomaria.

Responder
El Imparcial ~ Jaktal 22 de abril de 2016 - 18:10

Ele não é um super herói, Flash é. Não é justo comparar o universo de quadrinhos com a nossa realidade desta maneira. Quando eu vi a cena, também achei estúpido e até fiquei revoltado. Mas caí a ficha do que o Renatho (e esse h depois do t aí eim?) disse: heróis mantém a palavra.
Não salva o episódio e nem justifica os demais erros (Zoom liberando o Wally antes de ter a velocidade foi mto WTF), mas esta decisão do Barry foi o que o personagem nos quadrinhos tomaria.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 22:37

Acho que o que mais me incomodou foi a ausência completa ou alguma indicação de que TOOOODOOOOOO o intelecto desse povo junto não bolou nada. A manutenção da palavra até dá para entender, embora esse ponto de moral não seja necessário mesmo para heróis, você sabe disso e creio que o @renathohenriquecampos:disqus também. Vamos ver como vão se sair com isso na próxima semana.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 22:37

Acho que o que mais me incomodou foi a ausência completa ou alguma indicação de que TOOOODOOOOOO o intelecto desse povo junto não bolou nada. A manutenção da palavra até dá para entender, embora esse ponto de moral não seja necessário mesmo para heróis, você sabe disso e creio que o @renathohenriquecampos:disqus também. Vamos ver como vão se sair com isso na próxima semana.

Responder
Yuri Lucas 23 de abril de 2016 - 11:13

@jaktal:disqus Acho que uma boa justificativa para essa ideia de que o Barry fez a “escolha errada” é, porque mesmo sendo um herói de quadrinhos, a série se passa no século 21 e muitas das coisas eles atualizaram para nossa época. Sei que isso foi mais pra dar aquele suspense para os próximos episódios de “oh e agora, como vai recuperar os poderes”, mas como disse podiam fazer de várias maneiras diferentes para ter esse mesmo fim.

Responder
Yuri Lucas 23 de abril de 2016 - 11:13

@jaktal:disqus Acho que uma boa justificativa para essa ideia de que o Barry fez a “escolha errada” é, porque mesmo sendo um herói de quadrinhos, a série se passa no século 21 e muitas das coisas eles atualizaram para nossa época. Sei que isso foi mais pra dar aquele suspense para os próximos episódios de “oh e agora, como vai recuperar os poderes”, mas como disse podiam fazer de várias maneiras diferentes para ter esse mesmo fim.

Responder
El Imparcial ~ Jaktal 26 de abril de 2016 - 14:21

@Yuri Lucas Quanto à este ponto que ressaltou no final eu concordo contigo. Também não gostei do rumo que as coisas tomaram de modo algum. Entendo teu ponto de vista, mesmo não concordando sobre a escolha do Barry. Pra mim o problema da cena não foi na escolha dele, mas sim do resto dos personagens ali em volta que nem tentaram fazer qualquer coisa, até o vilão agiu de modo muito incoerente.

El Imparcial ~ Jaktal 26 de abril de 2016 - 14:21

@Yuri Lucas Quanto à este ponto que ressaltou no final eu concordo contigo. Também não gostei do rumo que as coisas tomaram de modo algum. Entendo teu ponto de vista, mesmo não concordando sobre a escolha do Barry. Pra mim o problema da cena não foi na escolha dele, mas sim do resto dos personagens ali em volta que nem tentaram fazer qualquer coisa, até o vilão agiu de modo muito incoerente.

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:16

São opiniões diferentes, claro. Obrigado por manifestar a sua também! Isso é ótimo!

De minha parte, posso dizer que vejo alguma lógica em algumas ações e alguns pontos que o Flash ou o time vai fazendo ao longo dos episódios, mas tudo acaba sendo bastante estúpido e rasteiro. E veja, não é questão de “ser explicado depois” ou não. Uma trama não precisa ser completa para ser boa. É justamente o contrário, ela precisa ser boa para ser completa e, em contexto, se completar no final da temporada. O que há em Flash, na minha leitura, bem diferente do que você colocou que pensa sobre a série, é um desafio à inteligência de qualquer um, com romances, vilões da semana, desvios narrativos e uma série de nonsenses que não precisava estar lá.

Eu sou MUITO animado com esse tipo de proposta e confesso que adoraria gostar de The Flash. Mas os produtores só boicotam o programa. Assim fica difícil.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:16

São opiniões diferentes, claro. Obrigado por manifestar a sua também! Isso é ótimo!

De minha parte, posso dizer que vejo alguma lógica em algumas ações e alguns pontos que o Flash ou o time vai fazendo ao longo dos episódios, mas tudo acaba sendo bastante estúpido e rasteiro. E veja, não é questão de “ser explicado depois” ou não. Uma trama não precisa ser completa para ser boa. É justamente o contrário, ela precisa ser boa para ser completa e, em contexto, se completar no final da temporada. O que há em Flash, na minha leitura, bem diferente do que você colocou que pensa sobre a série, é um desafio à inteligência de qualquer um, com romances, vilões da semana, desvios narrativos e uma série de nonsenses que não precisava estar lá.

Eu sou MUITO animado com esse tipo de proposta e confesso que adoraria gostar de The Flash. Mas os produtores só boicotam o programa. Assim fica difícil.

Responder
Renatho Henrique Campos 22 de abril de 2016 - 13:43

Eu discordo um pouco do que muitos estão reclamando. Admito que o papo de Barry mais rápido já estava cansativo, mas sobre a aliança com o zoom no final, o Barry somente cumpriu a palavra dele, como todo herói faz, pensem um pouco, quem não cumpre os tratos são os vilões.além do que, se ele brigasse com o zoom ali, dps que o Wally foi entregue e o zoom fugisse, Zoom poderia sequestrar outra pessoa importante dessa vez, como íris, Joe, cisco e poderia não entregar são e salvo como fez com Wally. Enfim, acho que estão reclamando muito de algo que ainda vai ser tudo explicado. Para mim The flash é a melhor série de Herói da atualidade e cada episódio só confirma minha opinião.

Responder
Junito Hartley 22 de abril de 2016 - 11:45

O episodio foi uma bosta, cheio de coisa surreal, o flash desde a primeira temporada busca ficar mais rapido e quando consegue os roteirista tiram o poder do cara. Grande heroi o flash ne gente, preferiu salvar uma pessoa do que duas terras, palmas pra esse heroi, e no final ficou todo mundo la de boa conversando com o Jay no laboratorio como se fossem amigos, ai quando o jay vai matar o barry ele desiste por causa daquele discurso da caitlin? O cara é serial killer nao sente nada, aff

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:38

Eu ainda to tentando entenda o que foi aquela aliança. Sério. Não me desceu não…

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:38

Eu ainda to tentando entenda o que foi aquela aliança. Sério. Não me desceu não…

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 11:24

Bem o que eu poderia dizer sobre isso. Uma decepção!
O episódio 17 foi muito bom se comparado com o resto da série, e chegando ao 18 a qualidade cai bastante. Não foi ao todo ruim como você mesmo disse, mas foi decepcionante ver como desenrolaram uma história de uma maneira triste..

Começou o episódio legal, e eu pensei, “Cara agora sim, vão abordar um pouco da história do zoom com FlashBacks, e explorar a realidade dele com a do Flash para termos noção do vilão”, então eles começam a enrolar e colocar os mesmos melodramas que vimos ao longo de toda a temporada. Tirando aquele final que deveria ganhar um prêmio de melhor cena feita sem nenhum sentido, se não para entendermos mais a cabeça do zoom (que poderia ser feito de outras formas melhores).

Bom ao final conclui algo… que essa série é muito boa!! E super recomendada…
… para centros de reabilitações, grupos de apoios, pessoas com depressão e com baixa alto-estima. Nunca vi numa série tantas frases de auto-ajuda, ou conflitos familiares abordados de maneira tão dramática.

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 11:24

Bem o que eu poderia dizer sobre isso. Uma decepção!
O episódio 17 foi muito bom se comparado com o resto da série, e chegando ao 18 a qualidade cai bastante. Não foi ao todo ruim como você mesmo disse, mas foi decepcionante ver como desenrolaram uma história de uma maneira triste..

Começou o episódio legal, e eu pensei, “Cara agora sim, vão abordar um pouco da história do zoom com FlashBacks, e explorar a realidade dele com a do Flash para termos noção do vilão”, então eles começam a enrolar e colocar os mesmos melodramas que vimos ao longo de toda a temporada. Tirando aquele final que deveria ganhar um prêmio de melhor cena feita sem nenhum sentido, se não para entendermos mais a cabeça do zoom (que poderia ser feito de outras formas melhores).

Bom ao final conclui algo… que essa série é muito boa!! E super recomendada…
… para centros de reabilitações, grupos de apoios, pessoas com depressão e com baixa alto-estima. Nunca vi numa série tantas frases de auto-ajuda, ou conflitos familiares abordados de maneira tão dramática.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:40

HAHAHHAHAHHAHHAHA, @disqus_m23lEJWIUZ:disqus, parece que eu, você e outros leitores legais aqui estamos chegando à mesma conclusão sobre a série. Ok, ok, eles são culpados mas… na boa? O problema é a gente mesmo. Porque sinceramente, se é isso que eles escolheram para passar e seguir, bom, deve ter algo de errado conosco que não estamos dando 5 estrelas para esse negócio, né? hahaha

Mas é isso, mesmo concordando que foi decepcionante e um episódio que em outras ocasiões seria bem mais duro… comparado ao que veio antes… até dá pro gasto um pouco. Mas isso não tira em nada as bizarrices que os caras — de novo! — colocaram no roteiro.

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 12:54

Eu to começando a aceitar que somos nós mesmo rs.. Não estamos conseguindo ver a genialidade deles, porque realmente, não é possível agente achar algo ruim, eles perceberem isso (se é que percebem) e fazer outro episódio igual. Estamos fora da realidade deles.

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 12:54

Eu to começando a aceitar que somos nós mesmo rs.. Não estamos conseguindo ver a genialidade deles, porque realmente, não é possível agente achar algo ruim, eles perceberem isso (se é que percebem) e fazer outro episódio igual. Estamos fora da realidade deles.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:56

É isso, meu caro! Deve ter um campo de força entre nós e eles nos separando dessa genialidade toda… Só lamentos para nós! hahahhaha

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:56

É isso, meu caro! Deve ter um campo de força entre nós e eles nos separando dessa genialidade toda… Só lamentos para nós! hahahhaha

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 13:32

Deixa eu perguntar. Vocês vão fazer as criticas do GOT?
KK deve ser até insulto perguntar de uma série em uma crítica de outra..

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:08

HERESIA, HERESIA!!! PISA, QUEIMA, MANDA FAZER MARATONA DE AROW, FLASH, LoT e SHADOWHUNTERS!!!

Vamos sim, @disqus_m23lEJWIUZ:disqus! Essa é uma das fixas em nossa grade de acompanhamento por episódio. 🙂

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:08

HERESIA, HERESIA!!! PISA, QUEIMA, MANDA FAZER MARATONA DE AROW, FLASH, LoT e SHADOWHUNTERS!!!

Vamos sim, @disqus_m23lEJWIUZ:disqus! Essa é uma das fixas em nossa grade de acompanhamento por episódio. 🙂

Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 13:32

Deixa eu perguntar. Vocês vão fazer as criticas do GOT?
KK deve ser até insulto perguntar de uma série em uma crítica de outra..

Nicolas Dias 22 de abril de 2016 - 00:48

Cheguei a conclusão que eu não tenho o direito de criticar o quão patética essa série é, eu deveria criticar eu mesmo por continuar fazendo papel de trouxa ao continuar assistindo. O grande vilão da temporada não feriu o Barry por causa do discurso choroso da Caitlin? Sério? Ele entregou o Wally e ainda sim o Barry continuou com o acordo, ele realmente entregou sua velocidade sem bolar nenhuma armadilha!?

Acho que os produtores sabem onde querem chegar, mas não sabem como chegar lá, são incapazes de desenvolver a narrativa com inteligência e coerência. Queriam criar o desafio de perder a velocidade para o Barry, só não sabiam como, o resultado foi essa idiotice do Barry entregando seus poderes, mas como eu disse não tenho o direito de criticar, a culpa é minha, devo tomar vergonha na cara e desapegar dessas séries mais rasas que poça d’água em dia de sol.

Responder
Jackson Roberto 22 de abril de 2016 - 01:38

Cara, eu ia dizer exatamente isso. O erro não é da série, acho que ela cumpre exatamente aquilo ao que ela se propõe. É uma série teenager, pra um público que ela espera que não exija demais dela (não menosprezando esse público). Mas a gente fica esperando que algo mais sério ocorra e a galera fica brincando com a gente, fazendo de trouxa. Bicho, tem coisa muito tosca, tipo: quem demônios colocou um rastreador no Zoom pra eles acompanharem numa telinha os dois correndo? Onde enfiaram o tal rastreador que quando Zoom foge ninguém acha ele? Mas enfim, o erro é da gente que fica se iludindo, achando que vai melhorar. Ao que parece, a série tá fazendo sucesso e gerando grana. Espero que eles se atentem para corrigir todos esses furos.

Responder
Jackson Roberto 22 de abril de 2016 - 01:38

Cara, eu ia dizer exatamente isso. O erro não é da série, acho que ela cumpre exatamente aquilo ao que ela se propõe. É uma série teenager, pra um público que ela espera que não exija demais dela (não menosprezando esse público). Mas a gente fica esperando que algo mais sério ocorra e a galera fica brincando com a gente, fazendo de trouxa. Bicho, tem coisa muito tosca, tipo: quem demônios colocou um rastreador no Zoom pra eles acompanharem numa telinha os dois correndo? Onde enfiaram o tal rastreador que quando Zoom foge ninguém acha ele? Mas enfim, o erro é da gente que fica se iludindo, achando que vai melhorar. Ao que parece, a série tá fazendo sucesso e gerando grana. Espero que eles se atentem para corrigir todos esses furos.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 01:43

Este é um ponto realmente importante de se ver. Mas mesmo nesses casos, mesmo tendo esse público-alvo, os produtores não tem o direito de fazer um produto ruim e incoerente… existem séries com este mesmo público que são excelentes. Então, uma parte é nossa mesmo, mas não tem como tirar o peso (a maior parte para ser sincero) dos showrunners.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 01:43

Este é um ponto realmente importante de se ver. Mas mesmo nesses casos, mesmo tendo esse público-alvo, os produtores não tem o direito de fazer um produto ruim e incoerente… existem séries com este mesmo público que são excelentes. Então, uma parte é nossa mesmo, mas não tem como tirar o peso (a maior parte para ser sincero) dos showrunners.

Responder
Nicolas Dias 22 de abril de 2016 - 14:22

Eu já acompanhei séries teens que eram minimamente descentes, era isso que eu esperava de Flash, nada genial mas bem feito, com um roteiro minimamente coerente e bem desenvolvido, mas a essa altura do campeonato já deveria ter notado que isso não irá acontecer. É bem o que você disse, a série está fazendo sucesso e seu público alvo não é exigente, objetivo de lucrar está sendo alcançando logo os produtores devem estar satisfeitos.

Responder
Nicolas Dias 22 de abril de 2016 - 14:22

Eu já acompanhei séries teens que eram minimamente descentes, era isso que eu esperava de Flash, nada genial mas bem feito, com um roteiro minimamente coerente e bem desenvolvido, mas a essa altura do campeonato já deveria ter notado que isso não irá acontecer. É bem o que você disse, a série está fazendo sucesso e seu público alvo não é exigente, objetivo de lucrar está sendo alcançando logo os produtores devem estar satisfeitos.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 16:11

E no final, quem se ferra é a gente, que fica cobrando roteiros feitos para níveis de inteligência superiores ao de uma palmeira…

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 16:11

E no final, quem se ferra é a gente, que fica cobrando roteiros feitos para níveis de inteligência superiores ao de uma palmeira…

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 01:07

@ni_forlan:disqus, acredite, eu já cheguei nesse nível de impaciência que você chegou com essa série. É bizarro o quanto a gente espera que algo mais maduro e mais interessante seja construído e demora quase uma temporada inteira para vir algo bom e mesmo assim… cheio de coisa bizarra no meio.

Respira fundo, porque parece que vem mais do mesmo por aí… e olha que ainda nem revelaram Wally como velocista. Imagina só quando isso acontecer…

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 01:07

@ni_forlan:disqus, acredite, eu já cheguei nesse nível de impaciência que você chegou com essa série. É bizarro o quanto a gente espera que algo mais maduro e mais interessante seja construído e demora quase uma temporada inteira para vir algo bom e mesmo assim… cheio de coisa bizarra no meio.

Respira fundo, porque parece que vem mais do mesmo por aí… e olha que ainda nem revelaram Wally como velocista. Imagina só quando isso acontecer…

Responder
Nicolas Dias 22 de abril de 2016 - 14:25

E esse ator que interpreta o Wally tem o carisma de uma porta diga-se de passagem. Olha que eu tenho uma paciência enorme, mas esse Zoom que é um serial killer mas tem humanidade para se comover com o choro da Caitlin me tirou do sério.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 16:12

Não faz sentido algum. Só falta no próximo episódio os caras fazerem uma remissão moral pra ele. Aí vai ser fim de carreira mesmo.

Responder
Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 16:12

Não faz sentido algum. Só falta no próximo episódio os caras fazerem uma remissão moral pra ele. Aí vai ser fim de carreira mesmo.

Responder
Nicolas Dias 22 de abril de 2016 - 14:25

E esse ator que interpreta o Wally tem o carisma de uma porta diga-se de passagem. Olha que eu tenho uma paciência enorme, mas esse Zoom que é um serial killer mas tem humanidade para se comover com o choro da Caitlin me tirou do sério.

Responder
Nicolas Dias 22 de abril de 2016 - 00:48

Cheguei a conclusão que eu não tenho o direito de criticar o quão patética essa série é, eu deveria criticar eu mesmo por continuar fazendo papel de trouxa ao continuar assistindo. O grande vilão da temporada não feriu o Barry por causa do discurso choroso da Caitlin? Sério? Ele entregou o Wally e ainda sim o Barry continuou com o acordo, ele realmente entregou sua velocidade sem bolar nenhuma armadilha!?

Acho que os produtores sabem onde querem chegar, mas não sabem como chegar lá, são incapazes de desenvolver a narrativa com inteligência e coerência. Queriam criar o desafio de perder a velocidade para o Barry, só não sabiam como, o resultado foi essa idiotice do Barry entregando seus poderes, mas como eu disse não tenho o direito de criticar, a culpa é minha, devo tomar vergonha na cara e desapegar dessas séries mais rasas que poça d’água em dia de sol.

Responder
Stella 21 de abril de 2016 - 18:26

Sinceramente você foi muito bondoso tirando os efeitos especiais de poucas cenas e a trilha sonora que estava boa. Esse episodio foi muito ruim para mim , teve diálogos ala novela mexicana maria do bairro de Caitilin, sobre existir humanidade ainda nele wtf (ele é serial killer criatura kkk),e aquele bate papo do Barry ridículo depois mais outro bate papo amigável no laboratório dele explicando as coisas ?kkkkk so faltou um chá naquela cena.Seria melhor ter se focado apenas no passado dele , inclusive matando as pessoas para que ele se tornasse mais detestável .Já que o ator é muito limitado,do que insinuar que teria um grande embate com Flash.

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 20:09

@disqus_9KZLz8G0wg:disqus talvez eu tenha sido mesmo, viu. Mas é que eu já aprendi a deixar a exigência no nível “QI DE SAMAMBAIA” toda vez que vou ver uma série da CW, assim eu não me decepciono taaaaaaanto como no começo. Mas se comparado aos outros capítulos, este aqui até que deu pro gasto.

Responder
Stella 21 de abril de 2016 - 20:48

Me desculpe nao queria ser chata kkkkk acontece.Sei que não é fácil fazer as criticas.Te entendo completamente.

Responder
Stella 21 de abril de 2016 - 20:48

Me desculpe nao queria ser chata kkkkk acontece.Sei que não é fácil fazer as criticas.Te entendo completamente.

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 23:46

Imagine, não foi chata não! Mas é que a comparação com os outros episódios faz esse aqui ser… bom! Hahhahaha. É estranho, porque em outras ocasiões acho que minha visão seria outra, mas depois de tanto tempo vendo essa série, não dá pra manter esperanças tão altas, né.

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 23:46

Imagine, não foi chata não! Mas é que a comparação com os outros episódios faz esse aqui ser… bom! Hahhahaha. É estranho, porque em outras ocasiões acho que minha visão seria outra, mas depois de tanto tempo vendo essa série, não dá pra manter esperanças tão altas, né.

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 20:09

@disqus_9KZLz8G0wg:disqus talvez eu tenha sido mesmo, viu. Mas é que eu já aprendi a deixar a exigência no nível “QI DE SAMAMBAIA” toda vez que vou ver uma série da CW, assim eu não me decepciono taaaaaaanto como no começo. Mas se comparado aos outros capítulos, este aqui até que deu pro gasto.

Responder
Stella 21 de abril de 2016 - 18:26

Sinceramente você foi muito bondoso tirando os efeitos especiais de poucas cenas e a trilha sonora que estava boa. Esse episodio foi muito ruim para mim , teve diálogos ala novela mexicana maria do bairro de Caitilin, sobre existir humanidade ainda nele wtf (ele é serial killer criatura kkk),e aquele bate papo do Barry ridículo depois mais outro bate papo amigável no laboratório dele explicando as coisas ?kkkkk so faltou um chá naquela cena.Seria melhor ter se focado apenas no passado dele , inclusive matando as pessoas para que ele se tornasse mais detestável .Já que o ator é muito limitado,do que insinuar que teria um grande embate com Flash.

Responder
Yuri 21 de abril de 2016 - 19:08

Essa segunda temporada pra mim está sendo uma decepção bem grande… O que eu não esperava, pois eu gostei muito da primeira. Por outro lado, Gotham ocorreu ao contrário ,a segunda temporada superou e está superando e muito as minhas expectativas.

Responder
Yuri 21 de abril de 2016 - 19:08

Essa segunda temporada pra mim está sendo uma decepção bem grande… O que eu não esperava, pois eu gostei muito da primeira. Por outro lado, Gotham ocorreu ao contrário ,a segunda temporada superou e está superando e muito as minhas expectativas.

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 20:06

Eu já não tinha gostado da primeira — só fiquei empolgado no começo — e chegou nesta segunda foi, como eu costumo dizer… decepção / atrás / de / decepção.

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 20:06

Eu já não tinha gostado da primeira — só fiquei empolgado no começo — e chegou nesta segunda foi, como eu costumo dizer… decepção / atrás / de / decepção.

Responder
Kaiodn 21 de abril de 2016 - 20:18

Concordo as séries de quadrinho estão em baixa. TWD graças a Deus já larguei faz tempo, arrow finalmente acabei após a morte mais recente que aconteceu. Flash é a única que remasnce na minha lista, mas nao sei por quanto tempo. Ainda sim, acho ela a menos pior das três…

Responder
Kaiodn 21 de abril de 2016 - 20:18

Concordo as séries de quadrinho estão em baixa. TWD graças a Deus já larguei faz tempo, arrow finalmente acabei após a morte mais recente que aconteceu. Flash é a única que remasnce na minha lista, mas nao sei por quanto tempo. Ainda sim, acho ela a menos pior das três…

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 23:45

EU não vejo TWD, parei na terceira temporada. Mas Arrow é famosa por ser podre. Eu vi o piloto e simplesmente odiei. Não dá, simplesmente não dá.

Responder
Kaiodn 22 de abril de 2016 - 00:29

TWD só teve a primeira temporada boa, e falo isso tendo assistido essa série até metade da 5 temporada. Arrow teve uma primeira temporada ok, uma segunda temporada boa, no entanto a terceira foi ruim e a quarta temporada está ainda pior.

Kaiodn 22 de abril de 2016 - 00:29

TWD só teve a primeira temporada boa, e falo isso tendo assistido essa série até metade da 5 temporada. Arrow teve uma primeira temporada ok, uma segunda temporada boa, no entanto a terceira foi ruim e a quarta temporada está ainda pior.

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:45

Caramba, imagino que acompanhar essa “ladeira abaixo” de Arrow deve ter sido um tormento. TOMARA JAH que isso não aconteça (ainda mais) com as séries que eu faço crítica por episódio…

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:45

Caramba, imagino que acompanhar essa “ladeira abaixo” de Arrow deve ter sido um tormento. TOMARA JAH que isso não aconteça (ainda mais) com as séries que eu faço crítica por episódio…

planocritico 22 de abril de 2016 - 13:02

@luizsantiago:disqus, outra sugestão de quadrinhos e, por incrível que pareça, da CW: iZombie. Boa demais!

Abs,
Ritter.

planocritico 22 de abril de 2016 - 13:02

@luizsantiago:disqus, outra sugestão de quadrinhos e, por incrível que pareça, da CW: iZombie. Boa demais!

Abs,
Ritter.

Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 23:45

EU não vejo TWD, parei na terceira temporada. Mas Arrow é famosa por ser podre. Eu vi o piloto e simplesmente odiei. Não dá, simplesmente não dá.

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 11:26

Nem todas.. Demolidor, e Jessica Jones são muito boas..

Responder
Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 11:26

Nem todas.. Demolidor, e Jessica Jones são muito boas..

Responder
Kaiodn 22 de abril de 2016 - 12:47

Bem, Demolidor eu vi apenas o piloto e larguei mão. Jessica Jones está na lista de pilotos para ver.

Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 13:06

Isso de uma chance, não irá se decepcionar (se é que curti séries de quadrinhos).

Yuri Lucas 22 de abril de 2016 - 13:06

Isso de uma chance, não irá se decepcionar (se é que curti séries de quadrinhos).

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:09

Depois do terceiro episódio acho que @kaiodn:disqus vai se convencer…

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:09

Depois do terceiro episódio acho que @kaiodn:disqus vai se convencer…

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:55

Dê uma chance ao Demolidor. Sério.

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:55

Dê uma chance ao Demolidor. Sério.

Kaiodn 22 de abril de 2016 - 13:06

Já acompanho muitas series, mas no summer com poucos episódios semanais vou se assisto mais alguns episódios de Demolidor pra ver se a série me prende ou não…

Kaiodn 22 de abril de 2016 - 13:06

Já acompanho muitas series, mas no summer com poucos episódios semanais vou se assisto mais alguns episódios de Demolidor pra ver se a série me prende ou não…

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:10

Depois volte aqui para dizer o que achou!

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 14:10

Depois volte aqui para dizer o que achou!

Kaiodn 22 de abril de 2016 - 12:47

Bem, Demolidor eu vi apenas o piloto e larguei mão. Jessica Jones está na lista de pilotos para ver.

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:44

Eu particularmente gosto muito das séries da Marvel. Só vi a 1ª Temporada de AoS e gostie muito. O Ritter tem adorado as temporadas posteriores, a tirar pelas críticas dele aqui. Amo Demolidor e gostei de JJ. Fora da corrente principal, estou pirando com Lucifer. Mas fora essas, as séries baseadas em quadrinhos me parecem… bem… dispensáveis, no mínimo. Ah, lembrando: eu não vejo TWD, parei na 3ª Temporada, então estou igual Glória Pires: não sou capaz de opinar.

Luiz Santiago 22 de abril de 2016 - 12:44

Eu particularmente gosto muito das séries da Marvel. Só vi a 1ª Temporada de AoS e gostie muito. O Ritter tem adorado as temporadas posteriores, a tirar pelas críticas dele aqui. Amo Demolidor e gostei de JJ. Fora da corrente principal, estou pirando com Lucifer. Mas fora essas, as séries baseadas em quadrinhos me parecem… bem… dispensáveis, no mínimo. Ah, lembrando: eu não vejo TWD, parei na 3ª Temporada, então estou igual Glória Pires: não sou capaz de opinar.

jcesarfe 21 de abril de 2016 - 19:02

Cada episódio sinto que os produtores vão se perdendo, não que este episódio seja ruim, mas o sentimento de que algo esta errado não saí da cabeça.

Responder
jcesarfe 21 de abril de 2016 - 19:02

Cada episódio sinto que os produtores vão se perdendo, não que este episódio seja ruim, mas o sentimento de que algo esta errado não saí da cabeça.

Responder
Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 20:07

A impressão é que eles escreveram inúmeros roteiros horríveis e depois de já terem filmado metade tentaram mudar algo e tornar a coisa menos ridícula, mas não deu certo.

Responder
jcesarfe 23 de abril de 2016 - 01:55

Se perderam totalmente na 2ª parte da temporada atual, acho que não conseguiram lidar bem com os multi universos. Mas o pior é a falta de lógica interna, neste episódio por exemplo temos a desculpa para vermos Zoom dizer que não morreu de verdade é que ele convenceu ele na versão do passado para morrer (e todo aquele papo do Flash Reverso sumindo por Eddie ter morrido?).
Outra coisa, Flash não viajou para o Universo da Supergirl, por qual razão não disse a ninguém e não tentou fazer o mesmo para ir para Terra-2?
Para piorar, como disse na crítica, temos aquela história de todo mundo ficar olhando o cara mal ficar invencível como se isso fosse uma ideia de gênio (sem contar que ele parecia incapaz de viajar entre os Universos, mas não sentiu nada incomodado de raptar o rapaz, ir para seu covil e depois retornar a Terra-1).
Tudo isso é o mais ridículo em apenas 1 episódio, imagine 17 outros com coisas mais idiotas e sem lógica. A série que tinha tudo para ser muito melhor que as outras se meteu em um caminho para lá de péssimo.

Responder
jcesarfe 23 de abril de 2016 - 01:55

Se perderam totalmente na 2ª parte da temporada atual, acho que não conseguiram lidar bem com os multi universos. Mas o pior é a falta de lógica interna, neste episódio por exemplo temos a desculpa para vermos Zoom dizer que não morreu de verdade é que ele convenceu ele na versão do passado para morrer (e todo aquele papo do Flash Reverso sumindo por Eddie ter morrido?).
Outra coisa, Flash não viajou para o Universo da Supergirl, por qual razão não disse a ninguém e não tentou fazer o mesmo para ir para Terra-2?
Para piorar, como disse na crítica, temos aquela história de todo mundo ficar olhando o cara mal ficar invencível como se isso fosse uma ideia de gênio (sem contar que ele parecia incapaz de viajar entre os Universos, mas não sentiu nada incomodado de raptar o rapaz, ir para seu covil e depois retornar a Terra-1).
Tudo isso é o mais ridículo em apenas 1 episódio, imagine 17 outros com coisas mais idiotas e sem lógica. A série que tinha tudo para ser muito melhor que as outras se meteu em um caminho para lá de péssimo.

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 11:51

Agora essa eternidade de 5 episódios para terminar a temporada. Simplesmente torturante… á perdi as esperanças de isso dar certo, mesmo que no finalzinho… Um episódio, nivelando por baixo, bom ou muito bom não vai mudar em nada mais.

Responder
Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 11:51

Agora essa eternidade de 5 episódios para terminar a temporada. Simplesmente torturante… á perdi as esperanças de isso dar certo, mesmo que no finalzinho… Um episódio, nivelando por baixo, bom ou muito bom não vai mudar em nada mais.

Responder
jcesarfe 23 de abril de 2016 - 20:58

Mas não vai acabar no episódio 20 como a super garota?

Luiz Santiago 23 de abril de 2016 - 22:50

Cara, no IMDB tá mostrando 23 episódios, infelizmente…

jcesarfe 24 de abril de 2016 - 17:05

Valeu a informação, mas quanta besteira vão inventar até lá?

jcesarfe 24 de abril de 2016 - 17:05

Valeu a informação, mas quanta besteira vão inventar até lá?

Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 17:13

Eles com certeza tem um arsenal infinito de besteiras. Com certeza vem mais algumas por aí.

Luiz Santiago 24 de abril de 2016 - 17:13

Eles com certeza tem um arsenal infinito de besteiras. Com certeza vem mais algumas por aí.

jcesarfe 23 de abril de 2016 - 20:58

Mas não vai acabar no episódio 20 como a super garota?

H-Alves 23 de abril de 2016 - 14:08

Tbm estranhei isso. Ele leva o Wally pro covil dele, ou seja deixaram a fenda aberta tempo suficiente pra ele ir e voltar. E outra, não é muita coincidência que o zoom estava bem no mesmo local de onde a fenda abriu?
A explicação da ida dele pra terra da supergirl foi muito porca, todo mundo queria saber como ia ser e eles não fizeram nada, nem uma menção ao acontecimento. E como foi que ninguém percebeu que ele sumiu ? Os aparelhos que a Caitlin e o Cisco monitoram na roupa dele continuaram funcionando normalmente mesmo que pareça que ele foi e voltou no mesmo segundo.

Responder
H-Alves 23 de abril de 2016 - 14:08

Tbm estranhei isso. Ele leva o Wally pro covil dele, ou seja deixaram a fenda aberta tempo suficiente pra ele ir e voltar. E outra, não é muita coincidência que o zoom estava bem no mesmo local de onde a fenda abriu?
A explicação da ida dele pra terra da supergirl foi muito porca, todo mundo queria saber como ia ser e eles não fizeram nada, nem uma menção ao acontecimento. E como foi que ninguém percebeu que ele sumiu ? Os aparelhos que a Caitlin e o Cisco monitoram na roupa dele continuaram funcionando normalmente mesmo que pareça que ele foi e voltou no mesmo segundo.

Responder
jcesarfe 23 de abril de 2016 - 20:57

O pior é que isso foi só um episódio, na maioria dos episódios da segunda temporada a coisa vai daí para pior.

jcesarfe 23 de abril de 2016 - 20:57

O pior é que isso foi só um episódio, na maioria dos episódios da segunda temporada a coisa vai daí para pior.

Luiz Santiago 21 de abril de 2016 - 20:07

A impressão é que eles escreveram inúmeros roteiros horríveis e depois de já terem filmado metade tentaram mudar algo e tornar a coisa menos ridícula, mas não deu certo.

Responder

Escreva um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais