Home TVEpisódio Crítica | Titãs – 2X09: Atonement

Crítica | Titãs – 2X09: Atonement

por Gabriel Carvalho
200 views (a partir de agosto de 2020)

“Operação: Salve os Titãs. Dia Alfa.”

Contém spoilers.

É uma sorte o episódio nove da segunda temporada da série dos Titãs possuir a presença de Gar (Ryan Potter) e Superboy (Joshua Orpin), resgatando alguma alma de uma obra que muitas vezes parece ser produzida nas coxas. Dentre os vários núcleos digeridos em quarenta e cinco minutos, o deles é o único que soa realmente verdadeiro. Esses personagens, consequentemente, são os únicos que soam reais em meio a uma estrutura problemática em que problemas artificiais são propostos e pela mesmíssima artificialidade são resolvidos. Depois do péssimo encerramento do capítulo passado – que já antecipava a inoperância dos dramas aqui postos -, Dick Grayson (Brenton Thwaites) conta para todos os Titãs acerca da verdade sobre Jericó, morto para o salvar. Lá, uma montagem e encenação dramática questionáveis eram incapazes de transmitir a tragédia do personagem, enquanto aqui os realizadores da série não vão muito além. Chega a ser cômico que basicamente todos os Titãs terminem abandonando Dick após a revelação – e coitada de Rose Wilson (Chelsea Zang), de longe a personagem com as razões mais críveis para se enfurecer com Grayson. É exagerado, é excessivo, é dramalhão. De resto, esvazia-se potenciais dramáticos para se construir uma caricatura da revolta dos Titãs contra o seu membro mais importante – Hank (Alan Ritchson) agredindo Dick é mais cômico que emotivo, no caso. E agora? Quem irá salvar os Titãs?

Curiosamente, é por possuir momentos mais despretensiosos que o episódio consegue não ser um desastre por completo. Mas o extraordinário não é a recorrência de erros na série – isso já é um costume. Pelo contrário, um dos seus maiores equívocos vira o seu único respiro em meio a um episódio desencontrado. Gar nunca foi aproveitado completamente e, nessa segunda temporada, a sua participação diminuiu ainda mais, beirando à figuração. Nesse episódio, no entanto, o garoto transforma-se em um jovem esperançoso, tentando reunir, para se usar uma metáfora, seus pais divorciados. A ingenuidade que se exala das cenas protagonizadas pelo personagem, sozinho na Torre dos Titãs à espera de que Conner acorde, garante aquilo que outros momentos do capítulo não transmitem: verdade. Pois Gar soa como um personagem verossímil, assim como Superboy, realizando ações que se justificam dentro das suas personalidades apresentadas. Na outra ponta de uma faca de dois gumes, contudo, Rachel (Teagan Croft) revolta-se de maneiras abruptas, indo embora com Donna (Conor Leslie) e depois deixando Donna para trás, nunca parecendo com uma personagem crível – e esse impasse não parte apenas do episódio por si, contudo, também da construção equivocada da temporada como um todo. Enquanto demais séries enrolam os seus arcos, essa prefere nem mesmo os desenvolvê-los bem, errando nos seus fundamentos, já de vez.

Dentre todos estes casos pouco verdadeiros, porém, a crise entre Hank e Dawn (Minka Kelly) é o mais sintomático deles, começando com a presença de uma terceira personagem – para início de conversa, má-escalada. Depois de ficarmos a par de um personagem sem qualquer envolvimento conosco, morto pelo Doutor Luz no início da temporada, justo sua irmã surge para culpar os dois pombinhos pelo assassinato do garoto. Beira o inacreditável, no mais, a péssima cena da dupla cantando no karaokê, por meio de uma edição de som vergonhosa. Eram os próprios Ritchson e Kelly cantando naquele momento? Pois não parecia, mediante vozes claramente artificiais, que retiram qualquer intimidade da cena para a reduzi-la a um espetáculo de autotune – a péssima apresentação anterior a deles era bem mais convincente e emotiva. No mais, o encontro de Dick Grayson com Slade Wilson (Esai Morales) é inesperado, porém, também termina soterrado por uma direção incapaz de encenar drama e por um texto pouco perspicaz na hora de explorar as dinâmicas vigentes – soa como uma aberração aquela conversa entre Dick e Jason no terraço, portanto. Existia, entretanto, um excelente potencial neste segmento para ser aproveitado, em relação a pessoas antagonistas precisando se confrontar em um ambiente não-violento. Contudo, a execução prioriza uma banalidade não só situacional, mas também sentimental – e anti-climática.

Caso as pedras no caminho para os Titãs não tenham se mostrado preocupantes, o núcleo de Kory Anders (Anna Diop) é a cereja neste bolo. Por conta de razões orçamentárias, os realizadores da série precisam transportar grandiosas tramas espaciais para um terreno mundano, o que é bem compreensível. Contudo, não é precipitado de nossa parte adiantar os empecilhos que surgem no caminho de roteiristas que não têm noção de como retrabalhar certos núcleos. A contextualização tenebrosa por parte de Faddei (Robbie Jones) acerca do que está acontecendo no planeta-natal de Kory é uma atrocidade, extremamente expositiva e sem o menor apelo dramático, sem instigar. O pior, porém, vem na conclusão. Faddei acaba de morrer e, na próxima cena, Kory já se recuperou completamente da perda do seu amante. É quase impossível de acreditar no que é visto: um exemplo claro de uma dramatização porca, que antes de ser qualquer outra coisa maior, é simplesmente ruim. O corte incomoda, e a interpretação de Diop não ajuda, nem nessa situação e nem em anteriores, nas quais a atriz encontra-se apática. O problema não é as estradas pensadas para a série, ainda que algumas sejam criticáveis, mas principalmente como elas são executadas. Gar quer unir os Titãs novamente, mas parece que o único jeito para o super-grupo não mora exatamente na dimensão narrativa, contudo, nos bastidores, reinventando-se a sua equipe criativa.

Titãs – 02X09: Atonement – EUA, 1 de novembro de 2019
Criação: Akiva Goldsman, Geoff Johns, Greg Berlanti
Direção: Boris Mojsovski
Roteiro: Jeffrey David Thomas
Elenco: Brenton Thwaites, Anna Diop, Teagan Croft, Ryan Potter, Minka Kelly, Alan Ritchson, Conor Leslie, Joshua Orpin, Esai Morales, Robbie Jones, Chelsea Zang, Damaris Lewis
Duração: 45 min.

Você Também pode curtir

107 comentários

Claudio Oliveira 5 de novembro de 2019 - 13:40

Excelente texto, partilho da opinião exposta. Acrescento que a coreografia – especialmente no caso Robin vs Exterminador em flashback – foi triste.
05/11/19

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Valeu, Ciborgue. Não sou muito crítico às coreografias, porque, se há problemas, enxergo-os nos planos, nos enquadramento, não necessariamente nas poses feitas pelos atores.

Responder
Anônimo 5 de novembro de 2019 - 13:40
Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Eu nem sei mais o que significa alto orçamento para esses caras… O negócio não precisa ser realista, sabe, pode ser meio caricato, mas que seja bem feitinho, com alguma identidade.

Mesmo assim, quem me dera os problemas da série fossem só esses…. É falta de criatividade mesmo, mandaram fazer essa segunda temporada sem nenhuma ideia boa pensada!

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:26

A série dos Lanternas vai ser feita por outra equipe, eu acho

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 21:54

Que bom!

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 21:54

Que bom!

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 21:54

Que bom!

Responder
Daniel G. de Souza 5 de novembro de 2019 - 13:28

Ainda to tentando entender o q Hank e Dawn estão fazendo nessa história.

Responder
Layla 10 de novembro de 2019 - 00:19

Criei ranço por esse casal. As partes deles são um chute

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Uma pena, pois eles eram personagens muito legais quando apresentados.

Responder
Matheus Jornalista 5 de novembro de 2019 - 11:34

Esse episódio foi ruim, Gar e Conner salvaram. A Rachel está sendo a personagem mais subutilizada do núcleo, ela some depois de deixar a Donna e o episódio nem se preocupa em mostrar o que acontece com ela. A subtrama da Kory é uma vergonha alheia também, honestamente acho que fazer uma série dos Titãs não foi tão boa ideia assim, pois faz-se necessário um grande orçamento para uma série de questões e essa série obviamente não os têm. Desde a primeira temporada eles usam “roteirismos” para tentar “disfarçar” que eles não tem dinheiro para investir em tramas que exigem uma escala maior.

Responder
Amigo do Bucky 5 de novembro de 2019 - 12:44

Ou como um camarada gosta de falar… “Nolarizaram” os personagens kkkk

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:26

Tá mais pra Snyderizaram

Responder
Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 03:54

Tá mais para Arrownizaram os personagens.

Responder
Gabriel Filipe 17 de janeiro de 2020 - 05:32

Nn, aql é o estilo do Snyder o Arrowverse ia colocar trama amorosa no meio e ia colocar eles se lamentando de td de ruim q aconteceu na vida deles

Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Não acho que precisa de grande orçamento… precisa de bons contadores de histórias. O elenco é barato, bando de jovem sem muita reputação… Se tivessem efeitos horríveis, mas pelo menos uma boa história, bem contada, eu já acharia bom o bastante.

Responder
Stella 5 de novembro de 2019 - 03:25

Pior episodio disparado, não adianta Titãs vive numa montanha russa de qualidade, uma hora pode ter um episodio bom, uma hora vai ser coisa nivel CW.

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Não consigo nem comparar com CW, que é ruim, mas é um ruim mais jocoso consigo mesmo, sem esperar muitas coisas. Titãs sofre mais, ao meu ver, por causa disso. É mais lamentável.

Responder
Stella 10 de novembro de 2019 - 10:05

Arrow oitava temporada ta ficando melhor, o que já espanta kkkk

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 22:10

Melhor? Retirando o terceiro ep foi tudo ruim

Responder
Stella 11 de novembro de 2019 - 00:22

comparada a titãs achei sim. Nao tem nada haver com outras séries do genero.

Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 03:54

Arrow é ruim até não poder mais. Parece que o cérebro vai escorrendo pelos ouvidos assistindo aquilo. E eles se levam a sério sim.

Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:26

O primeiro dessa temporada ainda é pior pra mim

Responder
Amigo do Bucky 4 de novembro de 2019 - 22:46

Tanto potencial desperdiçado, é um grupo com histórias tão boas que é “difícil” vc errar em uma adaptação com eles kkkkk. Espero que Stargirl venha para tirar o gosto ruim de alguns eps de Titans.

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Estou extremamente descrente com essa, Amigo do Bucky…

Responder
Lucas Santos 4 de novembro de 2019 - 22:12

2° temporada nível Punho de Ferro.

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Quase lá…

Responder
Lucas Santos 10 de novembro de 2019 - 20:09

Eu já não achei a 1° temporada lá essas coisas(Doom Patrol e Monstro do Pântano são beeeeem melhores), mas essa temporada tá perdida,nem o Kripto tá salvando.

Responder
Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 03:54

Final do Doom Patrol também foi fraco.

Responder
Pt Andrade 4 de novembro de 2019 - 21:22

esqueci de que gostei de algo no ep. a bundinha do connor

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 4 de novembro de 2019 - 22:46

Se tem comentário tem vídeo…

Responder
CrazyDany 4 de novembro de 2019 - 23:20

Rsrsrs eita

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 5 de novembro de 2019 - 00:07

😈

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Nossa senhora.

Edson A. de Araújo 4 de novembro de 2019 - 18:32

Essa série tá caminhando pra superar The Flash quando se trata de desperdício de potencial. Os roteiristas estão investindo num drama ruim, forçado e pouco convincente. (sim, a redundância é necessária)

Responder
CrazyDany 4 de novembro de 2019 - 23:20

Verdade. Uma pena mesmo. Mas ainda sim “dá pra ver” rsrsrs diferente de flash…

Responder
Stella 5 de novembro de 2019 - 03:25

ta mesmo, sério.

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Drama ruim, porco, problemático, mal-feito, mal-executado, sem-graça, genérico, sem-sal, gratuito, aleatório, artificial, fraco…

Responder
Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 03:54

Flash e Arrow são insuperáveis em ruindade.

Responder
Pt Andrade 4 de novembro de 2019 - 17:28

parece até que o slade não fez nada , o dick é ”culpado” de tudo, como se o slade n tivesse matado o filho, e o idiota do dick se coloca na prisão enquanto o assasino está sentado num sofá, santa burrice robin

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Eu acho que essa trama do Dick na prisão vai ser a pior coisa da temporada.

Responder
Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 03:54

Foi nível Arrow.

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:26

O Slade matou acidentalmente diga-se de passagem

Responder
Pt Andrade 10 de novembro de 2019 - 21:19

ele começou tudo mantando o aqualad e depois ainda matou a mentora da donna, ps titãs deviam aceitar queitinhos ne?

Responder
Ítalo Gabriel 4 de novembro de 2019 - 15:17

Eu desisto, não vou mais perder meu tempo… Sabe pq? Eu não terminei séries fodas como Monstro do Pântano, Fargo, Black Sails, etc. Não comecei um monte de série elogiada tipo: Better Call Saul, Doom Patrol, Maravilhosa Sra. Maisel, Sex Education e uma outra porrada dessas. Quer saber, meu tempo é pouco e eu prefiro não gastar ele com séries abaixo do “muito bom”, vou me concentrar no que presta, não numa série em que os roteiristas subestimam a inteligência do público, to fora. 🙂

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Vai terminar essas séries aí, Ítalo, pelo amor de Deus.

Responder
Peter 4 de novembro de 2019 - 15:04

Falando sério, até certo ponto eu estava achando essa segunda temporada o mesmo nível da primeira, ai vieram episódios como ”Conner” e ”Bruce Wayne” o que me fez achar que no fim seria ligeiramente melhor. Agora está voltando a ser medíocre, até mais bagunçado que a primeira temporada.

Sério, se for pra continuar assim, cancela. Essa série não chega aos pés de Doom Patrol.

Responder
Jonathan Oliver 4 de novembro de 2019 - 21:58

Doom Patrol é um lixo, Titans é muito melhor

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:48

Luiz kkkkkkkkkkkk. Só eu que estou ansioso pela volta das loucas de plantão da Dc, Doom Patrol e Legends of Tomorrow? Legends eu tô com medo de ser flop, mas Doom Patrol ❤️❤️❤️

Responder
Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 04:09

Legends é ruim.

Gabriel Filipe 17 de janeiro de 2020 - 05:32

Era, na primeira temporada

CrazyDany 4 de novembro de 2019 - 23:21

Talvez em alguma linha de tempo paralela isso seja verdade, não nessa…

Responder
Jonathan Oliver 5 de novembro de 2019 - 12:44

Sua opinião.

Responder
Stella 5 de novembro de 2019 - 03:25

Mas oq?kkkkkkkkk é cada doido na internet. Patrulha é tão ruim, que foi só essa que a HBO quis pro seu catalogo e vai aumentar a qualidade da série que ja era boa kkkk Enquanto Titãs ela deu as costas.

Responder
Jonathan Oliver 5 de novembro de 2019 - 12:44

Doom Patrol é uma série depravada, a cada 10 falas, 50 são palavrões…não sou obrigado a gostar de um lixo desses. Titans é mais decente.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 5 de novembro de 2019 - 13:41

AHUAHAUHAUAHUAHUAHAUHUAHUAHUAHAUHUAHUAHUHAUHAUHAUAHAUAHUAHAUHAUAHAUH

Peter 5 de novembro de 2019 - 14:53

Agora eu sei que você tá zoando dhasudihasdu

Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Que pena que não gosta de palavrões. Seu direito.

Johnny.DC. 11 de novembro de 2019 - 19:36

Olha, não gosto mesmo…e sabe a notícia que saiu hoje? Titans foi RENOVADA para a Season 3, então que chorem os fanboys de Doom Lixo

Sr. DC 11 de novembro de 2019 - 19:36

Olha, não gosto mesmo…e sabe a notícia que saiu hoje? Titans foi RENOVADA para a Season 3, então que chorem os fanboys de Doom Lixo

Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 04:09

Decente? Todos os heróis decentes foram mortos, ficando os assassinos de policiais, devoradores de gente, foragidos da polícia e manipuladores de crianças.

Gabriel Cabral 5 de novembro de 2019 - 03:57

Como diria o meme: “Patrulha do Destino bota Titãs pra mamar”

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Parece que não é a mesma série que fez um excelente episódio chamado “Jason Todd”. Vou até rever para ter certeza que não foi delírio meu.

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 22:10

Com certeza não foi, aquele episódio era realmente sensacional

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:47

Eu cheguei a conclusão q exigir o nível da irmã Doom Patrol pra Titãs é impossível, eles chegaram a um ponto q 1 ep é retcon do outro kkkk. Doom Patrol é tão melhor, é bem roteirizado, tem ótimos diretores trabalhando, o elenco é incrível, não q o de Titãs seja ruim, mas o de Doom Patrol é mt melhor, e ainda por cima aquela série tem coração, sabe trabalhar os dramas indivíduais de cada personagem calmamente e quando necessário com cuidado, como no SENSACIONAL Jane Patroll

Responder
Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 04:09

Aquele final de Doow Patrol foi bem ruinzinho.

Responder
Gabriel Filipe 17 de janeiro de 2020 - 05:32

Eu nn achei. Achei um bom final, pra mim nn atrapalhou em nd a temporada no geral.

Responder
Henrique Braga 4 de novembro de 2019 - 14:16

De longe pior EP da série, O que acontece com a DC mesmo ? 1S foi tão boa (Teve seus deslizes) mas no geral achei uma pegada realista, ótimas referências. Fui na fé dessa 2S, é até agora ? nada de nada. O DC me ajuda ate ajudar !

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Eu não sou o maior fã da primeira, especialmente pela péssima forma como termina, mas achei que nessa segunda temporada iam acerta a mão… Me enganei.

Responder
Joelson Lima de Oliveira Olive 16 de janeiro de 2020 - 04:09

Como se as series da Marvel também não fossem péssimas.

Responder
Ramon Vitor 4 de novembro de 2019 - 11:13

Que episódio de gente doente, eu não aguento mais essa série. Se não fosse o Superboy e o Mutano, eu não me daria mais nem ao trabalho. Esse drama com traumas do passado, meu Deus, já chega, gente. Não aguento mais esse ai ai ai.

Responder
Peter 4 de novembro de 2019 - 14:52

Volta Doom Patrol.

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Volta Monstro do Pantano.

Responder
Gabriel Carvalho 10 de novembro de 2019 - 07:24

Excelente definição! “episódio de gente doente”… vou colocar na próxima crítica.

Responder
Peter 4 de novembro de 2019 - 11:13

Sobre a cena do Karaokê: Alan Ritchson é realmente um cantor, já participou até do American idol anos atrás. Mas a voz foi claramente pré gravada.

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Que sacanagem com o cara… A voz ficou ridícula no karaokê. Cena poser para criar carisma com o público.

Responder
Hope_FX 4 de novembro de 2019 - 09:41

Esse grupo tá precisando de uma terapia urgente (alô Therapy Patrol). Chegamos mais da metade da temporada e ainda continuam na mesmice de brigas e conflitos, cada um indo embora (novamente) e isso tá ficando maçante e chato. Ao menos temos a dupla maravilhosa composta por Gar e Conner, já começo a me perguntar que deve estar no contrato do Joshua todo episódio mostrar o corpo (e não reclamo, acho ótimo).

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Incrível como “Titãs” consegue ser tão apressada em alguns pontos e tão estafante em outros… Pelo menos temos o Conner…

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:48

Não é? Eles não perceber até agr q os melhores episódios da série são episódios como Jason Todd e Bruce Wayne q não são nenhum dos 2?

Responder
Beatrix Kiddo 4 de novembro de 2019 - 00:10

A unica coisa boa do episodio foi o gar e connor (kkkkk) , o que eu não entendi foi a trama da estelar, mal finalizaram o exterminador e já quer colocar outra vilã?
Mds Dc Do Céu!!! Já que entulhar mais vilão para dar um ”final” corrido e frustante?
Os antigo titans são um bando de hipócritas jogaram TODA a culpa no dick, eles eram um time e TODOS apoiaram no ”SEJA O BATMAN” e agem como um bando de virgens maria… Patético!!
Achei ótimo o casal de pombinhos terem terminado só espero que a dawn não volte com o dick GOD PLEASE NOO jo!!!

Responder
Gabriel Filipe 4 de novembro de 2019 - 06:06

Foi mt hipocrisia aql, a única deles (titãs antigos) qm pdia ficar puta lá é Dawn pq o Dick prometeu pra ela q não ia mais usar o Jericó. A Donna sempre apoiou isso. O Hank eu nem entendo pq o personagem tá na série. Mas o pior de tudo foi a Rachel, pq ELA ia fugir do cara q cuidou dela 1 ano inteiro e foi o mais próximo de uma figura paterna que ela teve

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Coitada da Blackfire e da trama do planeta-natal da Estelar… péssimo. Mas, sim, eu acho todo o dramalhão ali tenebroso nesse nível, pouco convincente. Não é realista. É pior que drama teen.

Responder
Junito Hartley 3 de novembro de 2019 - 23:10

Episodio ruim mesmo, concordo com tudo que vc falou, os caras focam muito no drama, nem parece um grupo de heróis, ate agora so foi mostrado eles salvando um onibus em chamas, e foi num flashback, o Gar falava pro superboy que eles eram titãs, um grupo de herois, mas ate agora eles salvaram quem?! E que puta amigo se mostrou o Gar hein, viu o amigo se fudendo e o que ele faz? Vaza a milhoes.

Nao entendi o porque da Rachel ir embora, logo ela tao apegada ao Dick, os outros que foram tudo bem, era compreensível, mas ela?! E dai logo depois ela abandona a Donna também. A cena do bar, patética, precisava mesmo daquilo? Cena da parente do cara morto, na hora pensei que era alguma alucinação, nem acreditei que era real, cena bem tosca. E no final a cena da Kory matando o amante dela, pqp kkkkkkk bem bipolar ela, na mesma hora que ta sofrendo por mata-lo ela so faltou pisar nas cinzas do cara como se ele fosse um nada e vai embora.

Responder
Beatrix Kiddo 4 de novembro de 2019 - 00:20

Eu não entendi porque a rach foi e não entendi porque ela foi justo com a dona..
A rachel ir embora sendo que a primeira temporada construiu um laço entre ela e dick foi muito incoerente com a trama e ir com justo com a dona troy foi a cereja da incoerência seria compreensivo ela ir com a dawn (e hank)… https://uploads.disquscdn.com/images/75366ef764b81a8539e6d53d2694615b6fe1278187090cc2c7a3004b443d81e7.gif

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Rachel é uma das piores personagens da temporada…

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 08:48

Né, até o Gar já fez alguma coisa e a Rachel não, se bobear tá pau a pau com o Hank e Kory q tão jogados na narrativa

Responder
Amigo do Bucky 4 de novembro de 2019 - 22:46

A Rachel ir deu um nó na minha mente, ela em específico era pra ter ficado.

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Junito, assino embaixo de tudo que você disse. Exatamente os pontos que mais detestei.

Por sinal, ótima pontuação acerca dos Titãs serem os heróis menos heróis de todos…

Responder
Mr.L 3 de novembro de 2019 - 22:51

Episódio simplesmente horrível, depois da péssima separação do grupo ,eu achava que o ep ia ser completamente (ou maioria) focado no mutano – que finalmente mostrou um pouco daquela personalidade cômica que eu tanto esperava,ele sendo um tiete do Batman e do super é hilário,sem contar que ele se mostrou um otaku de carteirinha (usando camisa da toei e com um action figure do Luffy). Mas quanto mais o episódio desenvolvia(leia-se tentava) outros plots,mais eu torcia pra que o episódio acabasse. Comparada com as outras séries de heróis que eu acompanhei esse ano (demolidor, patrulha do destino,Aos, the boys) e o Watchmen, Titans tá passando uma vergonha daquelas. Se continuar assim, é só tirar a violência e jogar na CW.

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Em comparação a essas séries, “Titãs” sofre mesmo, e olha que nem vi todas – “Watchmen” eu não estou acompanhando, no caso. Tem muito potencial e muito desperdício. Há conteúdo aqui para ótimas histórias, que nunca vingam, porém.

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 09:15

Sabe oq eu acho que deviam fazer? Dar uma de Flash e trocar os Showrunners, please tira o Berlanti, e botar agm que sabe fazer séries. Flash não era uma boa série com apenas a primeira temporada realmente boa, mas agr mesmo não sendo uma obra prima a sexta temporada está divertindo e aguardo ansioso pela volta do Gibba pra ver se ele volta a escrever as críticas. Sinceramente, eu citei Flash pq ela é a única série da Dc q tá consistentemente boa até agr (não vi Watchman), Arrow, nunca concordei tanto com o Ritter na minha vida, Batwoman, série q até agr não mostrou a que veio, com apenas um episódio bom q foi o 5 pq eles apostaram no melhor q a série tem q a vilã, Supergirl, sem comentários pra oq tá acontecendo com essa série e Titãs meus amigos só mandar pra Cw e colocar 23 eps q aí ela vai tá no lugar certo, ou seja, o lixão da Dc klkkkk

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 3 de novembro de 2019 - 22:11

Ao que veio, pois?

Responder
Gabriel Carvalho 3 de novembro de 2019 - 23:47

Ledo engano.

Responder
Arthur Morgan II 3 de novembro de 2019 - 22:11

Episódio bem ruim, junto ao 1 ep foram os piores, uma pena pq o ep 8 foi excelente, a temporada está boa, mesmo concordando com esse review, não posso deixar de falar que vc pesa muito a mão em relação a Titans, a serie claramente mostra uma boa evolução em comparação a mais ou menos primeira temporada, ja tivemos episódios que eram pra ter ganhado 4 estrelas fácil (Alo conner!!!), quando leio as reviews anteriores penso até que é de alguma serie da cw, mas felizmente ta muito longe de chegar a mediocridade dessas series

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Os dois piores mesmo, mas não acho a série grande coisa não, Arthur… Eu até venho dando notas boas para certos episódios, ao passo que o conjunto eu não acho, em oposição a você, mais que mediano. E eu gosto das séries animadas dos Titãs!!

3,5 eu dou para obras que acho boas, e 4 eu dou para obras que acho muito boas, ótimas. Infelizmente, não achei nada disso na temporada até o momento.

Responder
Stella 5 de novembro de 2019 - 03:25

Concordo 100%

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 09:52

Conner eu acho episódio mais superestimado da série, ele é bom, mas tanta gente exigindo 4/4,5/5 e pra mim 3,5 é a nota perfeita pra aquele episódio. Oq eu gostei mesmo foi Bruce Wayne q pra mim até agr é o melhor da temporada e sinalisava pra uma melhora apartir de lá, mas aí vem Jericó 😒 e agr esse, o 10 eu tô até com pregiça de ver

Responder
Stella 5 de novembro de 2019 - 03:25

Ta viajando Arthur a série ta fraquissima. Vc ta bondoso demais. Uma montanha russa de qualidade.

Responder
Arthur Morgan II 5 de novembro de 2019 - 06:58

Não tô viajando, é só minha opinião mesmo

Responder
Bernardo Barroso Neto 3 de novembro de 2019 - 21:49

Foi o episódio mais fraco dessa temporada junto com o primeiro. Muito bagunçado. Concordo com a crítica

Responder
Gabriel Carvalho 4 de novembro de 2019 - 22:12

Opa, que legal que concorda! Estava apanhando muito em episódios anteriores…

Responder
Gabriel Filipe 10 de novembro de 2019 - 09:15

Verdade kkkkk. Conner todo mundo começou a te criticar, sendo que o ep nem merecia o tanto q eles estavam exigindo

Responder
Gabriel Carvalho 3 de novembro de 2019 - 21:49

Eles: “Gabriel não gosta de animais. Gabriel odeia bicho.”

Única coisa que Gabriel realmente gosta no episódio: Krypto e super-herói que vira bicho.

Hmmm… KKKKK…. Bjs.

Espero que tenham ido bem no ENEM, pessoal!

Responder

Escreva um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais