Lista | Universo Cinematográfico Marvel: Os Filmes Ranqueados (Edição 2019)

Bem-vindos à terceira edição de nosso ranking dos filmes do Universo Cinematográfico Marvel!

Em 2016 fizemos a nossa primeira, quando ainda eram “apenas” 12 filmes. Em 2018, foi a vez da segunda lista, já com 19 filmes. Agora, com a Fase 3 completa, 23 filmes ao longo de 11 anos e a Saga do Infinito encerrada, é a hora de nossa terceira lista.

Seis de nossos críticos participaram dessa vez – Ritter “Homem de Ferro 3 Forever” Fan, que escreveu também todos os comentários, Gabriel “Mantis” Carvalho, Rodrigo “Ultimato Infinito” Pereira, Fernando “Thor Hater” Campos, Giba “Primeiro Vingador” Hoffman e Roberto “Ego” Honorato – preparando cada um uma lista de 1 a 23 com todos os filmes do UCM lançados até hoje. Cada filme, então, ganhou pontos na ordem inversa, ou seja, o 1º levou 23 e o último apenas 1. Empates foram decididos primeiro pela nota mais baixa que cada filme recebeu, e, depois, se necessário (e foi, mas apenas uma vez), na comparação nota a nota.

Mas chega de papo, pois está na hora do pau! E mandem seus comentários esperneantes, xingantes, talvez concordantes e, principalmente, com suas próprias listas para debatermos!

23º Lugar:
Thor: O Mundo Sombrio
(13 pontos)

Não tem muito jeito. Thor 2 fica pela segunda vez em último lugar em um ranking nosso do UCM e, dessa vez, nada menos do que 11 pontos atrás do penúltimo colocado. O Deus do Trovão não teve ainda muita sorte em um filme solo, ainda que Ragnarok, que muita gente não gosta, tenha sido uma redenção parcial. Seja como for, em filmes de grupo, especialmente Guerra Infinita e Ultimato, ele tenha sido peça chave!

22º Lugar:
O Incrível Hulk
(24 pontos)

O Gigante Esmeralda normalmente sofre em listas como essa provavelmente muito mais por ele ser filho único de mãe solteira e, poderia apostar, um dos menos revistos filmes de todos os 23. Muita gente pegou implicância com ele e pronto, não dá outra chance. Curiosamente, ele ficou em penúltimo lugar também na lista anterior.

21º Lugar:
Thor
(24 pontos)

Como disse, o Deus do Trovão, coitado, não é lá muito digno em seus filmes solo. Particularmente, acho esse ainda pior que o segundo, mas ele fica mesmo, de toda forma, lá no final de praticamente qualquer lista do UCM. Hulk e Thor, que iriam lutar em Ragnarok, também tiveram que luta aqui nessa lista, mas o loiro de cabelo comprido levou a melhor pelo primeiro critério de desempate, enraivecendo seu colega gladiatorial.

20º Lugar:
Homem de Ferro 2
(30 pontos)

Fechando a Trinca da Vergonha, eis que temos Homem de Ferro 2, basicamente um trailer do primeiro Vingadores e que tem como único ponto positivo apresentar a Viúva Negra ao UCM. Pessoalmente, eu o colocaria facilmente na lanterna.

19º Lugar:
Vingadores: A Era de Ultron
(42 pontos)

Ultron era um vilão maravilhoso dos quadrinhos e que visualmente, ficou excelente na telona, especialmente com a voz debochada de James Spader. Mas o filme é desconjuntado, estranho, mesmo que interessante e particularmente importante para o UCM como um todo.

18º Lugar:
Homem-Aranha: Longe de Casa
(45 pontos)

O mais novo filme do UCM não teve muita sorte aqui. É a prova que ter um monte de uniformes diferentes e Tom Holland muito simpático por trás da máscara não é garantia de posição avantajada na lista. Na minha ordem pessoal, ele fica acima de De Volta ao Lar, mas, aqui, com a democracia sendo aplicada doa a quem doer, o Aranha não teve muita tração…

17º Lugar:
Homem-Formiga e a Vespa
(53 pontos)

O segundo filme do Homem-Formiga, agora fazendo dupla com a Vespa, que estreia aqui, é uma das obras mais “meh” de todo o UCM. Não é ruim, mas também não consegue chegar a ser bom o suficiente para ser memorável.

16º Lugar:
Capitão América: O Primeiro Vingador
(57 pontos)

Outro filme que sofre um pouco de falta de revisitas. Não é nenhuma maravilha, mas só a coragem da Marvel de respeitar a origem do Bandeiroso lá na Segunda Guerra Mundial já mereceria aplausos. E aquela metade inicial, até ele resgatar o Comanda Selvagem, é boa demais!

15º Lugar:
Doutor Estranho
(57 pontos)

O Capitão e o Doutor tiveram que passar por um processo de desempate, com a magia ganhando da ciência. Mas não faz mal. Doutor Estranho é um filme visualmente impecável, mas ele ainda fica lá na categoria dos apenas legais do vasto UCM.

14º Lugar:
Capitã Marvel
(60 pontos)

Aqui, uma surpresa. Capitã Marvel, a mais recente heroína do UCM e a primeira a ganhar um filme solo já entra na lista mostrando poder, em 14º lugar. Será que foi a pegada noventista que encantou os votantes? Ou será que foi Brie Larson no papel principal ou Samuel L. Jackson como a versão light de Nick Fury? A resposta certa, porém, é uma só: a presença inesquecível do flerken Gus!

13º Lugar:
Thor: Ragnarok
(61 pontos)

Gostei de ver Ragnarok por aqui. Esse é um dos filmes mais subestimados do UCM com base em reclamações científicas como “Thor não é engraçado” ou “é muito colorido” e coisas do gênero. Essa homenagem ao mestre Jack Kirby é uma diversão só e tenho dito!

12º Lugar:
Homem-Aranha: De Volta ao Lar
(67 pontos)

Se foi alvissareiro ver Thor 3 por aqui, já não posso dizer o mesmo de De Volta ao Lar. Sei que muita gente adora o Tom Holland como o Aranha e ele é mesmo muito bom no papel, mas a única coisa realmente boa nesse filme é o Abutre de Michael Keaton.

11º Lugar:
Homem de Ferro 3
(68 pontos)

Aos poucos aquilo que eu sempre defendi vai ficando mais claro: Homem de Ferro 3 é uma obra-prima completamente subestimada do UCM. Essa foi a melhor colocação do filme até agora nas listas que fizemos e não cansarei até ele figurar no Top 5. E porque? Por que ele é justamente a antítese da tal Fórmula Marvel que tantos dizem que o UCM segue. E sim, a reviravolta do Mandarim é espetacular.

10º Lugar:
Homem-Formiga
(74 pontos)

Diferente de sua continuação, o primeiro Homem-Formiga trouxe frescor ao filmes da Marvel com uma obra leve e muito engraçada que não é muito mais do que um “filme de assalto” altamente tecnológico e super-heróico com o ótimo Paul Rudd carregando tudo nas costas. E isso sem contar com o muito bem feito retcon que insere o Homem-Formiga e a Vespa originais no passado do UCM, além de um tal de Reino Quântico particularmente importante para derrotar titãs.

9º Lugar:
Capitão América: Guerra Civil
(97 pontos)

Quem não gosta de Guerra Civil diz que a luta no aeroporto é ridícula, com meia dúzia de super-heróis. Quem gosta de Guerra Civil diz que a luta é justamente o ponto alto do filme. Os dois grupos em guerra estão errados. O melhor do filme é a trama interessantíssima que divide o UCM e o insidioso vilão low profile que leva à fantástica pancadaria entre o Homem de Ferro (que estava errado) e o Capitão América (que estava certo) em um bunker na Rússia. E, de quebra, temos a introdução do Pantera Negra e do Homem-Aranha!

8º Lugar:
Capitão América: O Soldado Invernal
(101 pontos)

Chegamos à elite dos filmes com mais de 100 pontos!

E o primeiro deles é Soldado Invernal, obra com interessante trajetória nas litas aqui do site. Na primeira, ele ficou em 4º lugar. Na segunda, ficou em 1º. Agora, ele caiu para a 8ª posição. Mas creio que não é exatamente porque houve uma queda verdadeira, mas sim pela introdução recente de filmes que talvez sejam realmente melhores do que ele. Particularmente, ele ainda fica no meu Top 3, mas quem sou eu para dizer alguma coisa, não é mesmo?

7º Lugar:
Pantera Negra
(105 pontos)

Esse é o filme que tomou o mundo de assalto, com a introdução da fantástica Wakanda e pelo Marvel Studios ter feito uma obra absolutamente inclusiva, escalando um elenco quase integralmente afro-descendente, mantendo grande parte da ação na África e sem medir esforços para entregar uma das melhores filmes do UCM que figurou – merecidamente ou não, pouco importa – entre os indicados ao Oscar de Melhor Filme.

6º Lugar:
Vingadores: Ultimato
(111 pontos)

É interessante notar como, a partir desse ponto, só há filmes de grupo com apenas uma honrosa e merecida exceção que, vale dizer, ficou empatado em pontos com Ultimato, pelo que tive que aplicar o primeiro método de desempate. A culminação da Saga do Infinito, como Kevin Feige batizou os primeiros 23 filmes, não poderia ser melhor, com uma obra explosiva, ambiciosa, de fundir a cuca e que, principalmente, homenageia todos os 11 anos desse incrível universo compartilhado.

5º Lugar:
Homem de Ferro
(111 pontos)

E aqui está o único filme solo dos seis primeiros colocados e o primeiro filme do UCM: Homem de Ferro. Ainda diria mais: é um dos melhores filmes de super-heróis já feitos. Origem redondinha, efeitos especiais de primeira, Robert Downey Jr. arrebentando e muito AC/DC!

4º Lugar:
Guardiões da Galáxia, Vol. 2
(113 pontos)

Não que eu não goste de Guardiões 2, mas eu discordo fortemente de sua presença no Top 5. Seja como for, fui derrotado pela democracia e o segundo filme do grupo que eu jamais esperaria um dia ver nas telonas do cinema está aqui em cima, junto dos melhores dos melhores.

3º Lugar:
Vingadores: Guerra Infinita
(114 pontos)

Guerra Infinita é o grande filme dos Vingadores no meu livro. Ao focar em Thanos, o vilão que ficou, por 20 filmes, nos bastidores do UCM, o Marvel Studios quebrou o molde e entregou uma obra perfeita até o último estalar de dedos.

2º Lugar:
Os Vingadores
(114 pontos)

Vou repetir o que já disse em nossa primeira lista: “Esse filme, apesar de longe de ser fraco, só está em primeiro lugar porque os críticos aqui desse site, com honrosas exceções (e todas as exceções ganharam sardinhas, como focas treinadas que são), agiram como crianças surtadas vendo seus “bonequinhos” lutando junto na telona do cinema. Só por isso. Mais nada. Certamente muito bacana, mas também certamente longe de ser merecedor do primeiro segundo lugar.”

1º Lugar:
Guardiões da Galáxia
(115 pontos)

Ooga-chaka Ooga-Ooga
Ooga-chaka Ooga-Ooga
Ooga-chaka Ooga-Ooga
Ooga-chaka Ooga-Ooga

XXXXXXXX

E então, galera, o que acharam? Discordam? Concordam? Muito pelo contrário? Mandem para cá suas listas e vamos debater!

RITTER FAN. . . . Aprendi a fazer cara feia com Marion Cobretti, a dar cano nas pessoas com John Matrix e me apaixonei por Stephanie Zinone, ainda que Emmeline Lestrange e Lisa tenham sido fortes concorrentes. Comecei a lutar inspirado em Daniel-San e a pilotar aviões de cabeça para baixo com Maverick. Vim pelado do futuro para matar Sarah Connor, alimento Gizmo religiosamente antes da meia-noite e volta e meia tenho que ir ao Bairro Proibido para livrá-lo de demônios. Sou ex-tira, ex-blade-runner, ex-assassino, mas, às vezes, volto às minhas antigas atividades, mando um "yippe ki-yay m@th&rf%ck&r" e pego a Ferrari do pai do Cameron ou o V8 Interceptor do louco do Max para dar uma volta por Ridgemont High com Jessica Rabbit.