Plano Gallifrey #13 | The Rosemariners

Equipe: 2º Doutor, Jamie, Zoe
Vilão: Comandante Rugosa, Rosemariners
Espaço: Estação terráquea 454 na Galáxia de Antares
Tempo: Século 114

O Doutor, Jamie e Zoe, encontram-se em um laboratório espacial quase deserto. A Estação Terráquea 454 foi fechada, dedetizada e os funcionários alocados em outros postos. Seis anos de cooperação e pesquisa chegaram ao fim e apenas o renomado xenobotânico professor Arnold Biggs permanece à bordo. O que há por trás de todo o mistério envolvendo os Rosemariners e a estação espacial?

The Rosemariners é episódio 8 da 3ª Temporada de The Lost Stories, um sensacional projeto da Big Finish. O roteiro, nunca realizado na TV, foi escrito por Donald Tosh em 1966, para a 6ª Temporada Clássica de Doctor Who.

Os eventos de The Rosemariners se localizam entre The Invasion e The Krotons.

Duração: 40 minutos

Assine na iTunes Store
Feed do Plano Gallifrey

Ficha Técnica

The Rosemariners – The Lost Stories (3X08) – Reino Unido, 2012
Direção: Lisa Bowerman
Roteiro: Donald Tosh
Elenco: Frazer Hines, Wendy Padbury, David Warner, Clive Wood
Duração: 120 min. (divididos em 4 episódios)


Plano Gallifrey #13
Catalogação: 
1ª Temporada (1X13)
Tema: The Rosemariners (The Lost Stories — 3ª Temporada)
Apresentação: Luiz, the Time Meddler
Comentários: Yoana Dvoratrelundar
Edição e comentários: Guilherme Wilfred

LUIZ SANTIAGO (OFCS) . . . . Após recusar o ingresso em Hogwarts e ser portador do Incal, fui abduzido pela Presença. Fugi com a ajuda de Hari Seldon e me escondi primeiro em Twin Peaks, depois em Astro City. Acordei muitas manhãs com Dylan Dog e Druuna, almocei com Tom Strong e tive alguns jantares com Júlia Kendall. Em Edena, assisti aulas de Poirot e Holmes sobre técnicas de investigação. Conheci Constantine e Diana no mesmo período, e nos esbaldamos em Asgard. Trabalhei com o Dr. Manhattan e vi, no futuro, os horrores de Cthulhu. Hoje, costumo andar disfarçado de Mestre Jedi e traduzo línguas alienígenas para Torchwood e também para a Liga Extraordinária. Paralelamente, atuo como Sandman e, em anos bissextos, trabalho para a Agência Alfa. Nas horas vagas, espero a Enterprise abordar minha TARDIS, então poderei revelar a verdade a todos e fazer com que os humanos passem para o Arquivo da Felicidade, numa biblioteca de Westworld.