Home Colunas Veredito Cinéfilo #19.3 | Os 100 Melhores Filmes da Década – Parte 3

Veredito Cinéfilo #19.3 | Os 100 Melhores Filmes da Década – Parte 3

por Luiz Santiago
648 views (a partir de agosto de 2020)

Acharam que a gente tinha parado de caçar briga com as listas do final do ano passado? Pois acharam errado! Listas, briga sobre listas, passar mal fazendo lista, passar nervoso comparando lista e gastar energia psíquica com quem não entende o princípio e o caráter pessoal de se fazer listas é praticamente a nossa vida nesse site obscuro e de nicho  😉

Mas antes de entrarmos na lista oficial (composta pelas indicações pessoais de Luiz Santiago, Ritter Fan, Iann JelielMichel Gutwilen, Rodrigo Pereira, Fernando Annunziata e Fernando Campos), vamos comentar sobre uma coisinha numérica, uma coisinha específica sobre datas, sobre início e sobre o fim de um certo período de tempo…
.

.

TENS O NECESSÁRIO PARA ESMAGARES A MINHA DÉCADA?

Cara Legião dos Beremiz Samir,

É internacionalmente conhecido o esforço que vossas senhorias empregam para tornar o mundo um lugar teoricamente perfeito, onde todos os habitantes usam termos e expressões de diversas áreas corretamente, tendo vocês, ó sábios e científicos, como os grandes corretores e denunciadores daqueles que usam termos errados. Há exatas 666 Luas, presenciamos a belíssima Jornada Internacional Pelo Uso Correto dos Termos “Tóxico” e “Venenoso” que vocês fizeram em Tonga, assim como o Cisma Pela Compreensão do Que São “Lei, Hipótese e Teoria”, o Referendum Sobre a Noção Humana do que é “Meteoro, Meteorito e Asteroide”, as 95 Teses Pelo Uso Correto de “Anos-Luz”, a Missão Planetária Pela Definição Precisa da Palavra “Fascismo” e agora, a Manifestação Internauta Para a Lembrança de Quando Começa e Quando Termina Uma Década, ou, como a gente diz lá em Paulo Afonso, “ai, que bicho chato da gota!“.

Através desta cartinha, afirmamos que nós temos pleno conhecimento de que uma década (e também os séculos e os milênios, com seus respectivos acréscimos de zero) sempre começam no 1 e sempre terminam no 0. Ou seja, nós sabemos que 2020 é o matemático fim da década de 2010 e que a década de 2020 começa apenas em 2021. Gostaríamos porém, de pedir licença a vós, ó preciosos, para que usemos “DÉCADA” aqui no senso comum, no sentido de “ANOS TAL” (nesse caso, anos 2010). Nós temos plena noção do que estamos fazendo. A propósito, o ISO 8601 mandou saudações respeitosas. E aquele vídeo em má qualidade de vocês preocupados com o bug do milênio de 1999 para 2000… também.

.

NOSSO SITE, NOSSAS REGRAS

  1. São elegíveis apenas os filmes que estrearam entre janeiro de 2010 e dezembro de 2019.
  2. Não são elegíveis filmes feitos para a TV.
  3. São elegíveis filmes que estrearam em plataformas de streaming.

.

ADVERTÊNCIA

Se você ficou muito triste porque o seu filme favorito da década não está na lista, considere primeiro se ele se encaixa nas regras expostas acima, mas independente de qualquer coisa, peço que use e abuse do espaço de comentários nessa postagem para você mesmo criar a sua versão dos melhores! Não adianta chorar, espernear, xingar ou dizer que “parei de ler quando…” porque a nossa lista não mostra exatamente o que você queria que ela mostrasse — e na colocação que você sempre sonhou. Entre também na brincadeira, componha seu próprio ranking e aí vamos falar sobre nossas escolhas, sobre concordâncias e discordâncias diante delas, sobre os filmes da década como um todo. Lista é opinião, e como qualquer concordância e discordância de opinião, você precisa apresentar algo em troca. Apenas chorar pitangas, lamentar ausências e sufocar-se por colocações diferentes da sua não vai adiantar em nada. Liste também! E vamos falar de cinema!

.

OS 100 MELHORES FILMES DA DÉCADA (2010 – 2019) – PARTE 3

.

Fernando Annunziata: Esta década está repleta de filmes maravilhosos. O interessante é que cada um se destaca por algum elemento único: alguns se sobressaem por relembrar o terror tradicional, outros por conter pautas inovadoras, outros por CGI muito bem desenvolvido etc. No entanto, o que mais me chamou a atenção nessa década foi a grande presença do gênero terror psicológico, na qual desenvolvi um grande apreço e que tem se mostrado cada vez mais presente em obras cinematográficas.

Fico muito feliz em poder listar obras de diferentes gêneros. Isso mostra que o cinema ainda não tem uma fórmula de sucesso (com exceção da “jornada do herói”) . Assim, diferentes pautas podem se mostrar eficientes caso bem produzidas, como acontece em Annabelle 2 que, por mais que seja banal, não deixa de aparecer no ranking. Da década passada para essa, percebemos um grande avanço, não só tecnológico, mas também narrativo. Os roteiros passaram a se preocupar mais com causas sociais modernas, mesmo quando o filme não pretendia conter qualquer tipo de crítica social. Vivemos, enfim, a verdadeira face do cinema crítico. E as expectativas para os próximos anos é que isso aumente.

Infelizmente, o cinema crítico se sobressai apenas nos roteiros. Muitos dos filmes citados na lista não são valorizados ou sequer conhecidos pelo público. E deixo aqui, neste ponto, a minha crítica aos espectadores (e não ao cinema!) nesta década: enquanto brilhantes filmes não têm os aplausos merecidos, a maior bilheteria do cinema contém um roteiro defasado e cheio de furos. Então, qual o sentido de cobrarmos bons filmes? Na próxima década passaremos a ao menos criticar o que nos é mostrado, mesmo quando diante do “filme mais esperado do ano?” Até quando a “jornada do herói” será o inimigo do cinema?
.

Ritter Fan: Os anos 2010 marcaram minha transição de metido a crítico para crítico metido quando fui convocado pelo Luiz Santiago a fazer parte do Plano Crítico. Então, o que era apenas uma brincadeira iniciada ainda em 2003 somente para amigos, tornou-se uma obsessão: escrever sobre filmes. E eu nunca mais os vi com o olhar inocente e puro de apenas um espectador, para o mal e para o bem.

Mas, independentemente disso, a década foi realmente incrível cinematograficamente, com a revelação de novos grandes diretores, a oferta farta de obras das mais diversas nacionalidades, o avanço da tecnologia e grandes e clássicos diretores seguindo em frente com suas invejáveis carreiras. Claro que o mercado foi inegavelmente afetado pela consolidação de estúdios e a onipresença especialmente dos produtos Disney, que, sem dúvida alguma, tornaram mais difícil que espaços fossem abertos para o risco. Mas a ousadia continuou e continua existindo e, mais importante ainda, novos espaços cinematográficos foram criados com o avanço impressionante dos serviços de streaming, algo que vejo com aquele inevitável gostinho agridoce, mas que parece ser mesmo o futuro. Que venham os próximos 10 anos!

.

50º Lugar: Honeyland

Honeyland — 🇲🇰 2019 / Direção: Tamara Kotevska, Ljubomir Stefanov

O mais sensacional nas artes é como determinadas obras conseguem capturar nossa atenção e nossos sentimentos de maneira tão completa sem que esperemos ou sequer consigamos racionalizar o porquê. Honeyland é uma dessas raridades audiovisuais que está acima de classificações ou definições, algo que certamente tentarei fazer ao longo da presente crítica, mas que o leitor faria melhor em simplesmente parar por aqui e, antes de ler meus comentários, conferir essa obra-prima macedônia que a Academia, sabiamente, colocou como concorrente não só à estatueta de Melhor Filme Estrangeiro, como também à de Melhor Documentário, algo sem precedentes e que mostra a importância de premiações como o Oscar em divulgar obras que, de outra maneira, seriam quase que completamente ignoradas.

.

49º Lugar: História de um Casamento

Marriage Story — 🇬🇧🇺🇸 2019 / Direção: Noah Baumbach

Sensível até no meio de toda a burocracia, Histórias de um Casamento é facilmente um dos melhores, se não o melhor trabalho de Noah Baumbach, arriscando explorar um dos episódios mais delicados de qualquer relacionamento, sem deixar de lado a importância do afeto e da empatia quando lidamos de assuntos como esse.

marriage-story-história de um casamento plano crítico

.

48º Lugar: O Regresso

The Revenant — 🇺🇸🇭🇰🇹🇼 2015 / Direção: Alejandro G. Iñárritu

Em O Regresso, Alejandro González Iñarritu tenta alçar seu filme nesse status de experiência transcendental. Como em praticamente todas essas obras voltadas para esse nicho de reflexão, O Regresso é um filme que divide opiniões, em sua maioria, entre ame ou odeie graças à sua subjetividade. Por sorte, fiquei no meio termo desses opostos, mas também não tive a catarse tão almejada pelo cineasta.

.

47º Lugar: Infiltrado na Klan

BlacKkKlansman — 🇺🇸 2018 / Direção: Spike Lee

Sua comédia, seu texto inteligente, as excelentes atuações, a direção que sabe expandir horizontes, fazer o elenco atravessar a tela com uma impressionante fluidez e a própria história central da investigação são momentos impagáveis da fita. Uma comédia política, histórica e real para incomodar ou falar pela voz de muita gente. Todo o poder para todos os povos!

infiltrado na klan plano critico 42 mostra sp

.

46º Lugar: A Origem

Inception — 🇺🇸🇬🇧 2010 / Direção: Christopher Nolan

Ao criar A Origem, o diretor elevou sua carreira a outro patamar bem distinto. Afinal, são poucos os filmes de qualidade em hollywood que te fazem mesmo pensar se tudo aquilo ali visto é real ou não. Bom, sim, é uma ficção. Mas, somente em A Origem que surge essa indagação em relação a realidade apresentada e a ficção dentro da ficção. Cobb ao deixar seu peão girando e a câmera cortar a cena pontua que tudo não passou de um sonho ou o peão estava de fato caindo?

PLANO CRÍTICO A ORIGEM 2010 INCEPTION

.

45º Lugar: Incêndios

Incendies — 🇫🇷🇨🇦 2010 / Direção: Denis Villeneuve

Mas o filme não é o seu final. Não estou falando aqui de tramas cuidadosamente construídas apenas para a grande revelação final como nos filmes de M. Night ShyamalanIncêndios é um primor de roteiro, de direção e de fotografia e o momento final é apenas a cereja no bolo, uma espécie de coroação da complexidade do Líbano, onde mudanças de aliança, mortes, perdas e guerra foram constantes durante muitas décadas.

.

44º Lugar: Holy Motors

Holy Motors — 🇫🇷🇩🇪 2012 / Direção: Leos Carax

Mas o que fica são as imagens hipnóticas. Racionalizar cada momento é perda de tempo. O que importa é ver como Carax, com domínio completo do movimento de câmera, evoca imagens de sonho e pesadelo, modernas e antigas, violentas e gentis.

plano crítico holy motors filme

.

43º Lugar: Sob a Pele

Under The Skin — 🇨🇭🇬🇧🇺🇸 2013 / Direção: Jonathan Glazer

Sob a Pele é um longa sobre o puro sentir. É uma obra desconfortante que nos leva a infinitas indagações e contemplações. Um filme conduzido inteiramente pelos contrastes, dos mais simples aos mais complexos do ser humano e da sociedade como um todo. Precisa ser visto no completo desconhecimento e, sobretudo, na sala de cinema, aonde facilmente nos perderemos em sua profunda e perturbadora escuridão.

.

42º Lugar: Ela

Her — 🇺🇸 2013 / Direção: Spike Jonze

Ela é um trabalho formidável sobre as relações que construímos em nossa vidas, tenham elas origens reais ou cibernéticas. No fundo, todos estamos prontos a, supostamente, amar alguém e sofrer por isso, por mais resistentes que possamos ser. Sem ingenuidades, Jonze disseca este tema de forma agrabilíssima, leve, mas também com certa amargura devido ao duro realismo do que vemos na tela.

her ela

.

41º Lugar: O Conto da Princesa Kaguya

Kaguyahime no Monogatari — 🇯🇵 2013 / Direção: Isao Takahata

Assim como os príncipes e homens do reino que viam em Kaguya apenas um objeto, um prêmio, uma conquista amorosa, o pai dela também seguiu um caminho que o deixou cego para os sentimentos da filha, que, mesmo revestida de belas roupas e rodeada por riquezas, não tinha aquilo que realmente a fizesse feliz.

.

40º Lugar: A Caça

Jagten — 🇩🇰🇸🇪 2012 / Direção: Thomas Vintenberg

E ainda vale dizer que o elenco de A Caça é simplesmente fantástico, mas o destaque mesmo vai para Mads Mikkelsen, que interpreta Lucas. O ator faz um trabalho louvável, contido na maior parte do tempo, mas bastante expressivo. Ele foi premiado em Cannes pelo  trabalho realizado neste filme. Vale ainda ressaltar que também em 2012, o ator personificou com eficácia o doutor Johann Friedrich Struensee em O Amante da Rainha, uma outra personagem de peso.

.

39º Lugar: Assunto de Família

Manbiki Kazoku — 🇯🇵 2018 / Direção: Hirokazu Koreeda

Assunto de Família constrói, desconstrói e depois constrói novamente o conceito da família e, com imagens evocativas de um lirismo emocionante, nos faz a pergunta: o que é mesmo uma família? Mas, apesar de posar a pergunta e deixá-la flutuando ao longo da narrativa, apenas flertando com textos expositivos ao final, Koreeda felizmente nos deixa sem resposta. Aliás, sem resposta não. Ele nos deixa com a munição necessária para chegarmos às nossas próprias conclusões, mas provavelmente não sem que estejamos dispostos a sacrificar convenções.

.

38º Lugar: Garota Exemplar

Gone Girl — 🇺🇸 2014 / Direção: David Fincher

Quando li, há bastante tempo, que a própria autora do romance Garota Exemplar escreveria o roteiro do filme para David Fincher dirigir, tremi nas bases. Afinal, em minha mente preconceituosa, imaginei que não só uma autora de obras literárias não teria o domínio sobre a arte de escrever roteiros, como ela estaria tão próxima de seu trabalho que não saberia transpor o essencial para uma nova mídia. Engano meu. E que engano!

.

37º Lugar: Visages, Villages

Visages, Villages — 🇫🇷 2017 / Direção: JR, Agnès Varda

Filmado antes do aniversário de 89 anos da mãe da Nouvelle Vague, Agnès Varda, Visages, Villages (2017) reúne a diretora e o fotógrafo francês JR em uma jornada por vilas de diversos lugares da França, onde tiram fotografias gigantes de pessoas, paisagens, coisas e animais e as exibem em lugares públicos homenageando moradores antigos e destacando pessoas por suas diferentes belezas, fazendo da fotografia um instrumento de quebra do marasmo cotidiano. Assim, eles convidam a olhar com outros olhos para o mundo e a pensar sobre o significado das alterações que fazem no espaço.

visages villages plano cririco jr agnes varda mostra sp

.

36º Lugar: Elle

Elle — 🇧🇪🇫🇷🇩🇪 2017 / Direção: Paul Verhoeven

Quando alguém diz para um cinéfilo: “você nunca viu um filme assim antes“, por mais confiança que se tenha na pessoa, uma semente de dúvida nasce. “Será mesmo?“. A dúvida é legítima e ajuda a aceitar a provocação, a ver o filme como um desafio. Em Elle (2016), é como se Paul Verhoeven tivesse aceitado ele mesmo o desafio de fazer um filme diferente, em todos os sentidos, sobre um dos temas mais polêmicos e complexos — por muitos motivos — de se retratar em qualquer arte: o estupro.

elle-paul-verhoeven

.

35º Lugar: Dunkirk

Dunkirk — 🇬🇧🇳🇱🇫🇷🇺🇸 2017 / Direção: Christopher Nolan

Soldados aliados da Bélgica, Império Britânico e França são cercados pelo exército alemão e evacuados durante uma feroz batalha na Segunda Guerra Mundial.

.

34º Lugar: Inside Llewyn Davis: Balada de um Homem Comum

Inside Llewyn Davis — 🇺🇸🇫🇷 2013 / Direção: Ethan e Joel Coen

Some-se a isso um conjunto de interpretações fabuloso, a começar pelo protagonista, uma convincente atuação de Oscar Issac, que sem dúvidas teve sua primeira grande oportunidade com este filme. Dentre os coadjuvantes, o destaque fica para as presenças muito especiais de F. Murray Abraham e John Goodman. Este domínio do elenco como um todo é um sinal da maturidade como diretores dos irmãos Coen, que mesmo deixando sua indelével assinatura  souberam dosar com maestria as peculiaridades de seu estilo na condução do filme.

.

33º Lugar: O Artista

The Artist — 🇫🇷🇧🇪 2011 / Direção: Michel Hazanavicius

O Artista é daqueles filmes que despertam a personalidade bipolar do espectador, transmitindo uma gama de sentimentos e sensações em menos de duas horas de duração. Se não fosse esteticamente espetacular e bem dirigido, o filme ainda valeria pela ousadia, não a ousadia desmedida e despropositada, mas uma ousadia crítica, que propõe uma viagem, uma discussão e uma dança com a Sétima Arte, no melhor estilo do cinéfilo que gosta de brincar de dissecar o cinema.

.

32º Lugar: Boyhood: Da Infância à Juventude

Boyhood — 🇺🇸 2014 / Direção: Richard Linklater

Uma verdadeira experiência cinematográfica, Boyhood: Da Infância à Juventude é um filme que precisa ser assistido no cinema. Tocante, divertido, dramático e imersivo, trata-se de uma narrativa que não terá problemas em nos prender, evocando nossas mais diversas memórias da juventude. Com precisão cirúrgica Richard Linklater nos traz o que certamente se configura como um dos melhores filmes do ano.

.

31º Lugar: Mommy

Mommy — 🇨🇦 2014 / Direção: Xavier Dolan

É nisso que Mommy se destaca, na maneira intrínseca como abusa das possibilidades estéticas e cria intensidades que eletrificam o espectador. É impossível desviar o olhar. A caixinha desenhada na tela te proíbe de buscar fôlego, que só chega quando o personagem Steve permite. A interpretação do ator revelação de Cannes, Antoine-olivier Pilon, é emocionante e sensitiva. Ele é Steve. Doce e carinhoso, o rapaz sofre com TDAH mas nem isso ou os acessos de fúria o impedem de sonhar em estudar na Julliard.

.

30º Lugar: A Criada

Ah-ga-ssi — 🇰🇷 2016 / Direção: Chan-wook Park

A sociedade nipônico-coreana dos anos 30 e as liberdades individuais são inseridas em um jogo de gato e rato cheio de detalhes nos figurinos, com uma trilha sonora intensa e a sábia decisão do diretor em explorar silêncios, sons do ambiente ou o mínimo de música possível em situações emotivas, de dor, contemplação ou gozo. The Handmaiden é uma poesia erótica e violenta onde todos manipulam todos e onde a moral, a ética e as normais sociais são mais alguns acessórios nas mãos de quem sabe brincar com elas e, embora não pareça, usá-las a seu favor.

handmaiden-plano-critico

.

29º Lugar: O Ato de Matar

The Act of Killing — 🇩🇰🇳🇴🇬🇧 2012 / Direção: Joshua Oppenheimer, Christine Cynn, Anônimo

Com esse surpreendente final, O Ato de Matar quase consegue completa absolvição por seus pecados técnicos. Apesar de ser difícil de assistir e mais difícil ainda escrever sobre o documentário, ele é essencial, obrigatório, assim como é A Imagem de Falta.

o ato de matar plano crítico

.

28º Lugar: Era uma Vez… em Hollywood

Once Upon a Time in… Hollywood — 🇺🇸🇬🇧🇨🇳 2019 / Direção: Quentin Tarantino

Reescrever a História, na ficção, é uma tarefa árdua, porque o que você vai entregar no lugar não pode bater o martelo apenas pela mudança de um grande ato. E o Tarantino faz a mudança abrindo possibilidades e juntando todas as pontas de uma forma que a gente toma fôlego e acorda, como se um conto de fadas realmente tivesse acabado, fazendo valer o título de duas formas: pelo que ele conta (conteúdo nostálgico, marcando uma era) e também pelo estilo de contar essa história (forma épica), piscando para o Sergio Leone… É um filme maduro demais, com alguns tropeços no caminho que não dá para ignorar, mas com um baita resultado final.

.

27º Lugar: Moonrise Kingdom

Moonrise Kingdom — 🇺🇸 2012 / Direção: Wes Anderson

O grande problema de Moonrise Kingdom é que ele acaba. Mas, como tudo que é bom, deixa um delicioso gosto na boca e uma vontade de assistir tudo novamente.

moonrise-kingdom-international-poster plano critico

.

26º Lugar: O Farol

The Lighthouse — 🇺🇸🇧🇷 2019 / Direção: Robert Eggers

Por isso que a ideia geral de proteção e guia que simbolicamente atribuímos a um farol se corrompe nesse Universo. Ou melhor, é mostrada em uma outra camada de intenções, afinal, alguém iluminado, mesmo que não queira, pode atrair os mais variados horrores para o seu meio. E não é de hoje que sabemos que o mal também pode morar na luz.

the-lighthouse-2019-o farol plano crítico

.

Melhores Filmes da Década – Parte 4

(lista será postada dia 29/01)

Você Também pode curtir

178 comentários

Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 06:33

Não vi Machete nas listas anteriores e meio confuso/desnorteado, dei-me conta: Caramba, meu, esses caras são supremos mesmo. Vão colocar Machete no top 25!!

Responder
Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 12:43

hahahahahahah, Machete entraria numa lista de favoritos, mas não de melhores.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 22 de maio de 2020 - 12:50

ALELUIA GLÓRIA A DEUS!!! MAIS ALGUÉM QUE SABE FAZER ESSA DIFERENÇA LOGO DE CARA!!!

AAAAAAAAAAAAAAAA VEM CÁ DÁ UM ABRAÇO!!!

Responder
Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 13:08

hahahahahah, vi as discussões de 4 meses atrás!!! Aliás, a ultima parte sairá ano que vem, é? 29/01/2021???????????????????????????????????

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 22 de maio de 2020 - 14:32

Como assim?

Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 18:26

Caramba… que vacilada…. não tinha percebido que já tinha a lista dos 25 primeiros, hahahaha… vou tomar banho e jantar para degustar bem essa lista.. medooooo, hahaha

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 22 de maio de 2020 - 18:48

HAUHAUHAUAHUAHUHAUAHAUHAUAUHAUAH esses surtos acontecem! Quer ver o que tu achou d parte final!

Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 04:08

Durkinkzzzzz e o Desartizzzzzzzta…. uma decepção nolana (filme tecnicamente impecável e notadamente vazio de alma) e uma decepção oscariana (aliás, se você não se decepcionar com o oscar, o errado é você, hehehe)

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 22 de maio de 2020 - 10:41

HAHHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHHA #MORTO

Responder
Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 03:49

“Os anos 2010 marcaram minha transição de metido a crítico para crítico metido quando fui convocado pelo Luiz Santiago a fazer parte do Plano Crítico.”

Uia, o Luiz é o chefinho??? E eu pensava que era o Riter, hahaa

(Não me venham com “Ainnn, somos uma equipe, não temos chefinho”.. eu só quero saber quem o cabeção de muita massa ence-fálica cizenta que pensou e formatou essa ótima bagaça, hahahahaha).

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 22 de maio de 2020 - 10:41

Na verdade, nós dois somos os chefes dessa bagaça! A fundação dessa versão do site, ocorrida em 2013, foi feita por nós depois, meses depois desse convite que o Gandalf cita no textinho dele!

Responder
Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 13:02

Massa… Riter tem muita postura egocêntrica de mandão, por isso achei ele fosse o chefinho supremo, hahahaha

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 22 de maio de 2020 - 14:32

É porque ele tem 67 trilhões de anos!

Responder
Marcos Vinícius 29 de janeiro de 2020 - 19:34

A Origem, O Regresso pra mim foi os melhores filmes que o Leonardo DiCaprio fez, espero que tenha algum do Quentin Tarantino na parte 4.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 29 de janeiro de 2020 - 19:34

Será que tem? Hehehehehe

Responder
Alexandre Silva 29 de janeiro de 2020 - 02:08

Filmes como CA: Soldado Invernal, Guerra infinita, Star Wars o despertar da força já deveriam ter aparecido na lista. Espero que a parte 4 tenha Parasita, Moonlight, A chegada, Drive e o excelente porém sempre esquecido Relatos Selvagens.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 29 de janeiro de 2020 - 02:18

Filminho de bonequinho só apareceu um! E filminho de espadinha brilhosinha nem entrou!

Parte quatro no ar, mate sua curiosidade! hehehehehe

Responder
Alexandre Silva 29 de janeiro de 2020 - 07:00

Mas colocar filminho de adolescente que demora 12.000 anos pra ser gravado também e sacanagem ein kkkk

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 29 de janeiro de 2020 - 10:49

Claro, bebê! A gente vai onde a qualidade está! 😀

Responder
adrianocesar21 28 de janeiro de 2020 - 15:49

chutes pro top 25: Lalaland, Cisne negro, Birdman,Parasita, Mad Max – estrada da fúria

Responder
adrianocesar21 28 de janeiro de 2020 - 15:49

impressão minha ou a filmografia completa do Adam Driver (exceto Star Wars) está toda na lista?? rs

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 28 de janeiro de 2020 - 15:49

HAHAHHAHAHAHHHAHAHAHHAAHAHAHAHAHHA

Responder
Daniel Nunes 28 de janeiro de 2020 - 15:30

Vocês avaliaram Dunkirk com 2,5 estrelas mas agora o colocam em 35º na década?!

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 28 de janeiro de 2020 - 15:49

Não.
O MARCELO avaliou Dunkirk com 2,5 estrelas.
E se você tivesse lido a intro, veria que ele nem esteve entre os votantes da lista.

Responder
JC 28 de janeiro de 2020 - 12:27

Acho que me divirto mais escrevendo minhas opiniões hahahaa
Lá vai de novo:

50. Não vi
49. Aliviando o espiríto primeiro, não aguento mais chorar vendo filme.
48. Ainda não vi
47. Ainda não vi
46. A origem: Aqui? Mas nossa, é meu top5 se bobear.
45. Ainda não vi
44. Não vi
43. Não vi
42. Ela: Filmão que tô pra re-ver até hoje!
41. Não vi
40. Não vi
39. Ainda não vi
38. Garota Exemplar: Deixaria aí mesmo, filmão
37. Não vi
36. Ainda não vi (comprei)
35. Dunkirk: Maravilhoso, top 15. Doido pra re-ver
34. Não vi
33. Não vi
32. Ainda não vi
31. Não vi
30. Não vi
29. Não vi
28. Era uma vez…: Tá num lugar bom
27. Moon Rise: Uau, esse filme aqui! Gosto bastante, um dos poucos que comprei importado.
26. O Farol: Nem entraria na minha lista, e olha que gosto de filmes assim…não bateu comigo.

Só uma curiosidade, ainda não vi = tá na fila, não vi= nem sabia que existia.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 28 de janeiro de 2020 - 13:44

Eu agora to impressionado com o fato de você não saber que alguns desses filmes sequer existiam heheheheheheh.

Responder
JC 28 de janeiro de 2020 - 14:24

Eu estou é impressionado que conheço até muito e tenho vida ahahaha
Andar de bike,trabalhar, ler, correr , academia ahahahahahah namorar

Rs

É difícil!

Nem vou falar de ouvir músicas…..

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 28 de janeiro de 2020 - 15:04

Mas você não citou o mais difícil de todos: Andar, falando no telefone com o mozão e olhando para a propagando de um livro num outdoor enquanto vê, pela visão periférica alguém correndo ao lado de uma pessoa na bike voltando do trabalho!

Responder
JC 29 de janeiro de 2020 - 03:19

ajahahahahahahah
e tô acordado essa hora vendo +1 de Halt and Catch Fire.
oDEIO ocêis tudo.

Thiago Paz 27 de janeiro de 2020 - 12:33

Até agora 11 dos meus 20 melhores apareceram. Mas Elle é top 10 da década.

Responder
Elton Miranda 26 de janeiro de 2020 - 20:41

A origem merecia top 25, paz

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 26 de janeiro de 2020 - 21:18

Misericórdia.

Responder
Bernardo Barroso Neto 26 de janeiro de 2020 - 10:27

Mad max, O irlandês, Parasita, Django livre, O lobo de wall street, Os oito odiados, Até o ultimo homem, Interestelar, A rede social, Moonlight.

Responder
Anônimo 25 de janeiro de 2020 - 22:41
Responder
planocritico 26 de janeiro de 2020 - 01:16

Ao contrário, o que mais vejo é Era Uma Vez receber comentários e avaliações como a sua. Particularmente, achei mais um grande acerto do Tarantino.

Abs,
Ritter.

Responder
Lucas Rodrigo 25 de janeiro de 2020 - 19:33

A pergunta que não quer calar: Vai ter o ranking dos piores?

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 19:33

Não.

Responder
Lucas Rodrigo 25 de janeiro de 2020 - 19:58

Entendo, deve ter sido bem desgastante com os 100 melhores…

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 20:03

Exato. E depois que, pelo menos para mim, perdeu a graça fazer lista de piores…

Responder
andre99249 . 25 de janeiro de 2020 - 17:59

Feliz por ver “Incêndios”, “A Caça”, “Elle” “A Criada” e “Mommy” nessa lista, “Sob a Pele” tão alto assim me surpreendeu já que nem entraria no meu. Top 25 tem que ter “A Chegada” (apesar de que eu não teria problema nenhum se entrasse todos os outros do Villeneuve que faltam tirando “Sicário”), “Cisne Negro”, “Lobo de Wall Street”, “O Irlandês”, “Trama Fantasma” e “Melancolia” considerando que eu acho que ainda não apareceram na lista.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 18:06

Daria pra entrar tranquilamente tudo do Villeneuve!

Responder
Sabrina 25 de janeiro de 2020 - 16:20

incêndios está no meu top 10 da vida

Responder
Victor Martins 25 de janeiro de 2020 - 13:56

Moonrise Kingdom é vida. Sofrência pura. Wes e Taika são os melhores diretores de comédia triste do século 21
“Was he a good dog ?”
“Who’s to say ? But he didn’t deserve to die”

Destaco também O Farol, Incêndios e Ela. Incêndios é basicamente Édipo Rei.

Obviamente minha maior discordância é o Era uma Vez em Hollywood.

Melancholia não apareceu até agora, será que não vai entrar ? Justamente o único filme do Incel Von Trier que eu gosto.

Se não tiver Whiplash ou Personal Shopper no TOP 25 é GOLPE.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 14:15

Petra, corre aqui!!!

Responder
Rodrigo Rocha Vaz 25 de janeiro de 2020 - 12:58

Certo que teremos mais Denis Villeneuve. Prisioners é meu filme favorito da década.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 13:01

Tã tã tã tã

Responder
Rodrigo Rocha Vaz 25 de janeiro de 2020 - 13:49

Hahahaha

Responder
Flavio Batista Dos Santos 25 de janeiro de 2020 - 12:54

Moonrise Kingdom, Her e A caça. Q filmes!
A caça eu chorei largado do começo ao fim pq tava passando uma barra longe dos meus filhos…

Responder
Joly81 25 de janeiro de 2020 - 12:03

Lembrei agora de Trama Fantasma. Nao pode ficar de fora.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:05

Filmaço maravilhoso!

Responder
Gabriel Carvalho 25 de janeiro de 2020 - 12:39

Uma pena que parece que “Vício Inerente” não terá lugar nessa lista.

Responder
nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 14:51

Esqueci deste também, e nem sei como, já que adoro Pynchon, Paul T. Anderson e Joaquin Phoenix. Mas acho que não merece o top 25.

Responder
Joly81 25 de janeiro de 2020 - 12:03

Colocaria entre os 25 certamente o Irlandês. E se por acaso algum filme da Marvel entrar, jamais colocaria Vingadores Ultimato, um filme superestimado.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:05

Nossa jornada com filminho de bonequinho acabou no 100º lugar! hehehehehe

Responder
Elessar 25 de janeiro de 2020 - 16:56

E por mais que eu goste de filmes de bonecos não da pra mais que isso mesmo.

Responder
Elessar 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Acredito que “A Chegada” estará neste top 25. Pelo menos eu colocaria e pelo que o Ritter escreveu na crítica acredito que ele tb. Mas veremos!!!

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:26

Hehehehehe

Responder
Elessar 25 de janeiro de 2020 - 14:15

Que risada mais enigmática!
Aliás, quero ver a posição de Sharknado nesse ranking tb.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 14:20

Era bem essa a intenção. Eu to muito ansioso para ver a reação de vocês na última lista. 😀

Sharknado é um filme grandioso demais para “listas da década”. Certamente estará na lista de Melhor do Século.

Responder
WW3 Cartman 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Achei a lista anterior melhor kkk

Dessa os destaques é O Farol e Monrise Kingdom. E o melhor de todos esses é a Criada, esse filme é bom em tudo.

E uma outra coisa bem pessoal eu acho as melhores séries melhores q os melhores filmes.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:26

Quais os filmes dessa nossa terceira lista que você não gosta?

Responder
WW3 Cartman 25 de janeiro de 2020 - 11:33

Alguns, Sob a Pele, esse dos Coen, O Artista, por exemplo.

Mas Dunkirk, Boyhood, Ele, sao filmes q eu gosto, mas bem menos q filmes de listas passadas como Blade Runner, Ex Machina e o Abutre.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:03

É a primeira vez que converso com alguém que não gostou de Inside Llewyn Davis!

Responder
WW3 Cartman 25 de janeiro de 2020 - 12:28

Acho esse filme um porre de chato, bem filmado e tal, mas chatissimo.

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:28

Eita. Uma pena…

ana 27 de janeiro de 2020 - 09:32

Não vi muitos (nem Dunkirk vi). Dos que vi, não incluiria Regresso nem Artista. Numa lista com Farol, Moonrise…, A Caça, Assunto de Família, não consigo nem imaginar os dois filmes que citei.

Responder
Ana 27 de janeiro de 2020 - 09:32

Ah, e concordo com quem lembrou Trama Fantasma.

Responder
ana 27 de janeiro de 2020 - 10:02

Respondi no lugar errado: Trama Fantasma era para a lista que mandei para o Ritter.

Responder
Matheus Felipe 25 de janeiro de 2020 - 10:35

Esse foi o top que mais me identifiquei, meu top 10 dessa lista.
1 – Era Uma Vez Em Hollywood – Eu sempre vou falar que este filme tem três cenas que posso dizer que entra facilmente num top 10 ou 15 de melhores cenas em filmes do tarantino. Concordo, que ele é um pouco longo d+.
2 – A Origem – Esse aqui é um espetáculo.
3 – O Farol – muito tenso, uns dos meus preferidos deste ano.
4- A Criada – Nem vou falar desse pq o site resumiu bem.
5 – Dunkirk- Gosto desse filme por ele ser ums dos mais fiéis em narrar um acontecimento da segunda guerra. Aqui ninguém conhece ninguém, os personagens preferem salvar a si próprio diante dos horrores vivenciados. Acho um filme bem ousado.
6- A Caça – Quando terminei de assistir esse filme, sai com ódio no coração kkk
7- Garota Exemplar- top 5 do fincher.
8- O Regresso – Ótimas atuações e bastante imersivo.
9- Infiltrado na Klan – Só não gosto do final ter se resolvido tão rápido.
10- História de Um Casamento- Não gosto tanto, mas é realmente bom, adam driver tá impecável mesmo.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Comenta aí quais são as 3 cenas de Era Uma Vez Em Hollywood que tu colocaria como melhores de um filme do diretor!

Responder
Matheus Felipe 25 de janeiro de 2020 - 11:50

É mais um conjunto de cenas…
1- O final é intrigante d+, é incrível o que acontece nos últimos dez minutos e aquele suposto final indicando que ainda aconteceria o triste ocorrido com exato 5 pessoas na casa da atriz.
2- Cliff Booth – Entrando num ninho de Hippies e os ensinando o que significa propriedade privada, eu voltei essa cena umas 3 a 4 vezes. E não quis mais ver esse filme sozinho kkk.
3- Rick Dalton fazendo o filme faroeste ao lado da menina- Os momentos de atuação do Leonardo Di Caprio nesses minutos são muito gratificantes, engraçados e até tristes. Ver ele se menosprezando se sentindo no fundo do poço, diálogo emocionante com a menina, dizendo mil palavrões após esquecer diversas falas , depois só vem maestria. Eu, particularmente, considero esse filme com a melhor atuação do di caprio, melhor até que o lobo de wall street.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:03

Baitas cenas maravilhosas!

Responder
nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 13:43

Brad Pitt está incrível, acharia justo ele levar o Oscar.

Também gostei muito da interpretação de Di Cáprio.

Responder
Diário de Rorschach 25 de janeiro de 2020 - 09:50

26. Moonlight
27. A Favorita
28. A Qualquer Custo
29. Jogador N 1
30. Spotlight
31. Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge
32. As Viúvas
33. Planeta dos Macacos – A Guerra
34. Divertida Mente
35. Rango
36. 007 – Operação Skyfall
37. Rush – No Limite da Emoção
38. Deadpool
39. Guardiões da Galáxia
40. Invocação do Mal
41. Zootopia
42. Rua Cloverfield, 10
43. Dunkirk
44. Drive
45. Bravura Indômita
46. O Regresso
47. A Origem
48. A Bruxa
49. Blade Runner 2049
50. Os Suspeitos

Bom fim de semana, camarada

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Bom fim de semana pra você também!
Caramba, Guardiões entrou na tua penúltima lista!

Responder
Diário de Rorschach 27 de janeiro de 2020 - 08:54

Melhor filme da Marvel fácil

Responder
Fernando Annunziata 25 de janeiro de 2020 - 13:49

Meu Deus! A gente precisa ser amigxs, Diário de Rorschach (que nome KSKSJSJ).

Alguém que valoriza A Bruxa e Invocação do Mal com certeza tem muito mais credibilidade que CERTOS CRÍTICOS DE NICHO QUE RECLAMAM DO FINAL DE A BRUXA.

Paz

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 14:15

EU VOU ATRÁS DE VOCÊ, @fernandoannunziataramos:disqus!!! VOU PINTAR SUA CASA!!!

Responder
Fernando Annunziata 25 de janeiro de 2020 - 20:03

Aparece aqui nas minhas regiões pra você ver o que eu não faço com você! Vou te encher de cabeçadas na canela no auge dos meus 1,60 KSHDKSJS

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 20:22

A batalha do século!!!

Diário de Rorschach 27 de janeiro de 2020 - 08:54

Hahaha, quem em sã consciência crítica A Bruxa? Tenha dó, filmaço

Responder
ABC 25 de janeiro de 2020 - 08:47

Falta Ilha dos cachorros e Grande Hotel Budapeste para completar os 100. Uma lista sem todos os filmes do Wes Anderson não tem credibilidade alguma.

Ainda estão faltando A chegada, Terra Selvagem/A qualquer custo e A mula.

Saudações.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Sendo Wes Anderson um dos meus diretores favoritos, meu lado fanboy bate palmas para esse comentário.

Responder
O Homem do QI200 25 de janeiro de 2020 - 08:37

Mano, aí tem uns filmes que não acho nem sequer mediano, como O Regresso, O Artista e principalmente Dunkirk, que fiz força pra não dormir. Sob a Pele achei bem mediano. Já dos que eu gostei mais na lista foram: Origem, A Criada, Boyhood, Incendios, Balada de Um Homem Comum, Princesa Kaguya, O Ato de Matar, Garota Exemplar, Elle e Ela.

Agora tentar adivinhar qual filme estará no top25 vai ser ossada, pois nem lembro das listas anteriores, mas acho que tenha Mad Max, O Mestre, O Voo, Três Anúncios para Um Crime, First Reformed, A Chegada, Os Oito Odiados, O Irlandes, Klaus e Parasita.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Estamos chegando na reta final!

Responder
Here's Johnny 25 de janeiro de 2020 - 05:23

Satisfação em ver Dunkirk na lista, é meu filme de guerra favorito da década, a tensão crescente, cada detalhe sonoro e de cinematografia cautelosamente pensado para trazer apreensão, a trilha sonora, a sofisticação narrativa de fazer um filme de guerra sobre personagens nada heroicos e que não estão cumprindo qualquer missão honrosa, muito pelo contrário, são apenas gente comum, com frio, fome, sede e um sentimento de derrota, querendo desesperadamente sobreviver. A crueldade narrativa necessária de dar um fim cruel para os personagens com atitudes heroicas no filme, abordando ainda mais todos os piores lados da guerra, a falta de reconhecimento (Collins), o sacrifício (Farrier), as casualidades (George e o francês). Enfim, uma reflexão imersiva sobre a guerra e a sobrevivência e de quebra uma linda mensagem sobre união e ajudar as pessoas. Já deu pra perceber que eu realmente gosto do filme, né?

Outra satisfação, Incêndios, mais um filme genial, o cúmulo da tragicidade no cinema da década, um filme tão pesado, que aborda os efeitos da maldade de forma tão devastadora que eu demorei uma semana pra me recuperar após vê-lo, e desde então não tive coragem de assistir de novo.

Aliás, primeira parte da lista onde vi todos os 25 filmes hehehe e todos são dignos.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Olha só! Que satisfação, aspira!

E Dunkirk é MESMO um filme fodástico, adorei teu comentário sobre ele.

Responder
CynthiaMontroy32 25 de janeiro de 2020 - 12:54

Hey! I am a very sweet and loving woman. I love to smile, spoil my partner and also be quite spoiled. I love to hear the sweet words of the man of my life and know that he feels proud to have me as his woman because if I have decided that he is my man he will always listen from me the best things that I see in him. I am a woman who loves to learn, because for me every day brings a new learning and that is what life is about, growing and forming unique beings. God is the pillar of my life and that is why I also love nature itself because it is what he gives us. Come to my profile.

Responder
Vinicius Maestá 25 de janeiro de 2020 - 02:16

1° – Inception estar onde está é um crime; devia estar no top 5 PELO MENOS
2° – Sinto um cheirinho de A Rede Social em primeiro;
3° – Vamos à minha lista (finalmente a parte que eu de fato gosto):

50 – O Grande Hotel Budapeste
49 – Assunto de Família
48 – As Vantagens de Ser Invisível
47 – Os Oito Odiados
46 – Buscando…
45 – Vingadores: Guerra Infinita
44 – Us
43 – Django Livre
42 – Moonrise Kingdom
41 – A Forma da Água
40 – Capitão Fantástico
39 – A Favorita
38 – Capitão América: Guerra Civil
37 – Coringa
36 – Vingadores: Ultimato
35 – Birdman
34 – Blade Runner 2049
33 – Missão Impossível: Efeito Fallout
32 – It: A Coisa
31 – Homem-Aranha no Aranhaverso
30 – O Irlândes
29 – Era Uma Vez Em… Hollywood
28 – A Invenção de Hugo Cabret
27 – Guardiões da Galáxia
26 – Star Wars: O Despertar da Força

Responder
AshleyMiranda34 25 de janeiro de 2020 - 15:38

Hello. Looking for someone with a sense of humor. He should be honest and be responsible. Love family and love to smile. Someone who is looking to travel the world and being active person. Check my profile.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Eu to me tremendo todinho vendo Ultimato na lista; até começou a nascer umas bolotas no braço, to indo no pronto socorro, volto depois de passar o choque, abração! 😀

Responder
Vinicius Maestá 25 de janeiro de 2020 - 11:38

Ah mister Santiago, deixe de ser o senhor cult e admita que esse filme é extremamente divertido e arrepia até os cabelos do…

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:03

Ah, mas divertido ele é! Imensamente divertido e emocionante também! Isso é inegável! E eu gosto do filme! Mas não a ponto de colocá-lo na minha lista de melhores da década, entende? Beeeeeeeeeeeem longe disso.

Responder
Vinicius Maestá 25 de janeiro de 2020 - 12:58

Claro. Sei dos defeitos dele, mas acho q esse filme é um grande marco para o cinema. Mas gosto é gosto né?! Dos filmes de heróis vcs colocaram, o Pantera Negra, acho q ele tá longe da qualidade de vários outros dessa tematica.

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 13:07

Eu até cheguei a comentar na outra lista para um leitor aqui. Ultimato é, pelo bem pelo mal, um marco histórico para o cinema.

Agora um argumento geral sobre esse papo. Como crítico, eu tenho que separar as nuances. Embora toda crítica seja marcada por elementos pessoais/íntimos, ela é majoritariamente analítica. Por isso que às vezes eu, como espectador, posso achar o filme absurdamente divertido (As Branquelas é um exemplo clássico para mim) e quando critico a obra, posso vê-la com olhos críticos bem negativos. Um filme divertido, emocionante ou engraçado não necessariamente é um bom filme (criticamente falando, como produto cinematográfico). São coisas diferentes: a experiência pessoal pura e a experiência pessoal + uma análise crítica a respeito da obra. Concordo totalmente com a ideia de que gosto é gosto, mas nesse caso há uma leitura além do gosto envolvida.

De qualquer forma, é bom deixar claro que eu gosto de TODOS os filmes da Marvel, mas na minha lista pessoal, só Pantera Negra entrou mesmo. E ainda bem que foi o que mais apareceu nas listas dos colegas votantes aqui do PC, embora Ultimato tenha aparecido algumas vezes também.

Vinicius Maestá 25 de janeiro de 2020 - 13:43

Então, eu sei que essa a lista de melhores, mas eu a vejo, na hora de montar a minha, como a lista de favoritos. Analisando friamente eu sei que os filmes do Wes Anderson são melhores que o Ultimato, mas quem me causou uma sensação mais impactante foi o filme da Marvel. Na verdade eu tento mesclar analise crítica com a sensação na hora de posicionar os filmes no ranking, mas não é uma tarefa fácil. Sei lá, não adianta nada, por exemplo, achar Laranja Mecânica um filme perfeito ao mesmo tempo que ele me influi muito pouco emocionalmente (meu caso). Enfim, eu não sei, só sei que foi assim.

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 14:14

AHUAHUAHAUAHAUAHUAHAU mas aí tudo fica claro. Agora entendi teu ponto! Porque o peso e argumentos que utilizamos para listas de MELHORES e listas de FAVORITOS mudam totalmente. Filmes FAVORITOS não necessariamente precisam ser um produto bom. Não caberiam guilty pleasures em lista de MELHORES, por exemplo. Mas certamente caberiam em listas de FAVORITOS, poque esse tipo de lista é a tua vontade/emoção/experiência pura, sem precisar recorrer a olhares mais cuidadosos de crítico arrombado bosta lixo prepotente do caralho, como esses aí de um tal site obscuro e de nicho chamado Plano Injustiça Crítico. hehehehehhehehehehe

A propósito, logo logo teremos uma série de listas de FAVORITOS aqui no PC!

Vinicius Maestá 25 de janeiro de 2020 - 15:18

Porra, se eu soubesse que vcs iam fazer uma lista de favoritos, eu teria colocado aki a lista dos melhores msm, para depois colocar a dos favoritos hahahhahah
Agora fiquei chateado

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 15:28

Acho que me expressei errado.
Serão listas de favoritos DA VIDA/DE TODOS OS TEMPOS. E apenas TOP 10, começando por Diretores. Não da década, entende?

Vinicius Maestá 25 de janeiro de 2020 - 16:20

Ah sim, de qualquer maneira, estarei lá participando tb hehehe
Abraço!

Luan Sousa Santos 27 de janeiro de 2020 - 14:45

Luiz, você não acha que o primeiro Vingadores é um marco histórico mais importante para os cinemas que Ultimato? Entendo que o fenômeno das salas lotadas é grande, mas o primeiro Vingadores mudou a indústria blockbuster, tanto que hoje a moda dos cinemas é cada um ter seu universo compartilhado. Ouso dizer que se não fosse pelo filme de 2012 ter feito sucesso não teríamos Liga da Justiça, Godzilla vs Kong ou derivados de Velozes e Furiosos hoje em dia.

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 27 de janeiro de 2020 - 15:14

No sentido de formação de um certo padrão industrial, com certeza! Porque Ultimato nem seria possível se não fosse o primeiro Vingadores. E pra falar a verdade eu, como espetador, gosto bem mais e fiquei bem mais feliz e empolgado com o primeiro do que com o último…

Fernando Annunziata 25 de janeiro de 2020 - 02:05

AI MEU DEUS EU TO FICANDO NERVOSO
A Bruxa não apareceu até agora, será se enfim reconheceram o ícone que esse filme é? VOCES ESTAO ME DEIXANDO ANSIOSO
E Mad Max, hein? HEEEEEEEEEEIN?

Responder
CarrieMoore35 25 de janeiro de 2020 - 15:56

Hello❤ I want to find a friend. if you’re a nice person, please write if interested I would love to hear from you. I am shy at times and it is hard to meet men in this area. Check my profile.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

A Bruxa? Esse filme nunca passou sequer perto do meu cérebro de um dia cogitar, no mais distante dos distantes sonhos, de colocá-lo numa lista de Melhores da Década. Talvez numa lista de FILMES COM PIORES FINAIS DA DÉCADA. Aí sim. Talvez até estivesse no Top 25, hein! HAUAHUAHAUHAUHAUAHUAHAUHAUAHUAHAUAHAUHUAHAU

Responder
Fernando Annunziata 25 de janeiro de 2020 - 13:49

AH NAO LUIZ
Se considere cancelado

Responder
Gabriel Carvalho 25 de janeiro de 2020 - 12:29

“A Bruxa” é do cacete mesmo.

Responder
Cahê Gündel 🇦🇹 25 de janeiro de 2020 - 01:37

Melhor parte da lista, sinto que a primeira será perfeita. O único que realmente não gosto é Mommy, que acho um porre. Meus preferidos aqui são Sob a Pele, A Criada, Elle, Assunto de Família, Incêndios e Inside Llewyn Davis.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 01:41

Mommy é absurdo de MARAVILHOSO hehehehe.
Bora ver se a próxima supera o número de filmes que combinam com tua lista pessoal…

Responder
KelliWalker33 25 de janeiro de 2020 - 16:33

Hello❤ Ready for us to connect in person? i’m sure you’re bold at heart, so go ahead and make it happen. Come to site on my profile.

Responder
LauraLeidall24 25 de janeiro de 2020 - 16:38

Hi! I would like to meet a strong, caring, purposeful, intelligent, and fair man with a good sense of humor. Please contact me.

Responder
planocritico 25 de janeiro de 2020 - 00:42

Agora que três listas já saíram, quais são suas apostas para os 25 primeiros lugares?

Abs,
Ritter.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 01:25

Posso participar também?

Responder
MaggieJones36 25 de janeiro de 2020 - 16:38

Hello!! I want to have some fun today! See my profile.

Responder
Fernando Annunziata 25 de janeiro de 2020 - 02:16

Se o primeiro lugar não for pra Cats a gente pode declarar essa lista como comprada

Responder
MagalyGarcia22 25 de janeiro de 2020 - 15:49

Hey!!! I want a man who wants to be with a girl who shows his emotions, that is sometimes affectionate and crazy. I love an intelligent, proactive man, who likes to laugh. I want a man who does what he likes to do regardless of whether he is a pilot, musician, administrator, etc. and is passionate about great and small things that give value to life. He has a positive attitude at all times, that of course I accept myself and my son because we are one. I am looking for a man from whom I can learn and who can contribute something new to my life. Come into my profile.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Cats vai ter um TOP 100 só pra ele!

Responder
Gabriel Carvalho 25 de janeiro de 2020 - 02:21

Lá vai minha aposta, mas sem uma ordem exata:
1. Mad Max: Estrada da Fúria
2. Toy Story 3
3. O Irlandês
4. Parasita
5. Moonlight: Sob a Luz do Luar
6. O Mestre
7. Trama Fantasma
8. Cisne Negro
9. O Grande Hotel Budapeste
10. Divertida Mente
11. O Lobo de Wall Street
12. Silêncio
13. Bravura Indômita
14. Os Oito Odiados
15. Django Livre
16. A Bruxa
17. A Qualquer Custo
18. A Rede Social
19. Whiplash
20. A Chegada
21. Os Suspeitos
22. Ilha do Medo
23. A Invenção de Hugo Cabret
24. A Separação
25. Melancolia

Eu joguei no seguro nessas apostas e tenho alguma ideia do gosto e opiniões dos votantes, o que ajuda.

Mas aqui vão alguns palpites arriscados: Jauja, La Havre, A Grande Beleza, Retrato de Uma Jovem em Chamas, A Pele Que Habito, Colette, Amour, Dragged Across Concrete, A Ghost Story, Manchester à Beira-Mar e Drive.

OBS: caso eu tenha repetido algum filme que já apareceu, foi mal.

Responder
nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 12:03

Toy Story 3 pensei que era da década passada. Voto nele também.

Responder
Gabriel Carvalho 25 de janeiro de 2020 - 12:29

Há outras animações da década que prefiro, como “O Conto da Princesa Kaguya” citado aqui e “Crianças Lobo”, que tem na Netflix, mas certamente é TOP 5 de filmes animados.

Responder
Fernando Annunziata 25 de janeiro de 2020 - 14:15

PUTS
Eu esqueci de colocar Cisne Negro na minha lista. E eu enchi o saco de todo mundo pra assistir isso e simplesmente esqueci KSJSJSK. Os suspeitos também é MUITO bom.

Nice lista!

Responder
Gabriel Carvalho 25 de janeiro de 2020 - 16:56

Não sou o maior fã de “Os Suspeitos” não. Mas curto bastante “Cisne Negro”.

Responder
Gabriel Filipe 1 de março de 2020 - 13:55

A Ghost Story é muito bom

Responder
nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 03:18

Melancholia
Whiplash
Birdman
Mad Max
Parasita
The Ides of March
Django Livre
Gravidade
Expresso do Amanhã
Jim & Andy
Amour (Haneke)
The Duke of Burgundy
Valerian e a Cidade dos Mil Planetas (eu amei e ponto final).
Mother!
Ex Machina
Homem-Formiga (por favooor??!!!)
Grande Hotel Budapest

Tem outros mas não consigo lembrar e a maioria dos meus favoritos já saíram nas listas anteriores.

Ainda não assisti, mas é certo que O Irlandês estará na lista.

Não gostei de Os Oito Odiados mas acredito que estará na lista.

Eu queria que La La Land estivesse no Top 100, e não tenho fé que estará entre os 25. Eu amo filmes fofos e românticos, e gosto bastante de Ryan Gosling.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Homem-Formiga é verdade mesmo na tua lista ou foi uma tiradinha de sarro?

Responder
nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 11:38

É o meu preferido da Marvel, sérião. Filme ingênuo, bobão, com o melhor coadjuvante de todo o MCU.

Outros filmes:

Cisne Negro, O Mestre, Moonlight, Divertida Mente, Aniquilação, Drive.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:03

TOU EN XÓK! Eu achei o filme “bom”, mas só isso. Nem me diverti tanto assim com ele. Ler que é o seu preferido da Marvel é uma surpresa pra mim. Nunca vi ninguém falar isso antes.

nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 12:05

Eu só assisti os filmes da Marvel por causa de minha ex-namorada.

Soldado Invernal é bom. Guardiões da Galáxia Vol 1 é ótimo. Homem-Formiga mexeu com meu coração.

O resto…

Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:10

Eu assisti com muita voracidade e amor nos primeiros anos depois perdi o ânimo, mas nunca saí do cinema achando um filme deles RUIM ou mesmo indiferente em relação ao que vi. Gosto de todos, em níveis diferentes, mas exceto Pantera Negra, que até entrou no 100º lugar da nossa lista, nenhum deles consta na minha lista pessoal da década.

Gabriel Carvalho 25 de janeiro de 2020 - 12:39

Para ser sincero, eu só colocaria em um TOP 200 da década um dos Guardiões da Galáxia…

Mas dito isso, gosto dos Homens-Formigas. Tenho certeza que serão dois dos filmes que menos diminuirão no meu olhar com revisões. Já “Era de Ultron”, se você procurar a crítica aqui, ela é minha e é positiva, e eu já não gosto nenhum pouco do filme.

Here's Johnny 25 de janeiro de 2020 - 13:29

Melancolia, rapaz, como eu esqueci de citar esse? é espetacular, tem que estar na lista com certeza.

E não acredito que deixariam la la land de fora, é o grande musical da década.

Responder
JocelynGriego34 25 de janeiro de 2020 - 14:33

Hi!!! I’m looking for my second half. A man who will discover my inner beauty and will love it with all his heart. And my love to him will be a huge gift of destiny. I want my future man to have a true wish to build a happy family and his family values should be strong. I want him to desire to give and to receive love. I want him to appreciate my feelings to him. He has to be a true man in everything! Come and see my profile.

Responder
ABC 25 de janeiro de 2020 - 21:08

Ex Machina já apareceu.

Eu gosto do primeiro terço de Valerian (especialmente a abertura e a “Monocelhavigne” de biquini), mas do meio pro final eu já estava de saco cheio do filme.

Acho que tem um critico no site que não suporta a Kirsten Dunst, vamos ver se ele foi capaz de abstrair isso para melancolia chegar entre os 25.

Saudações.

Responder
Here's Johnny 25 de janeiro de 2020 - 06:17

Opa, o que eu creio que estará:
Cisne Negro
O Irlandês
Parasita
O Grande Hotel Budapeste
Gravidade
O Lobo de Wall Street
Django Livre
A Separação
Divertida Mente
A Chegada
Trama Fantasma
O Mestre
Mad Max: Estrada Da Fúria
Whiplash
La La Land
Moonlight (Talvez até mandem um “Desculpa, La La Land, mas na verdade é Moonlight que está na lista, é isso mesmo Moonlight, você está na lista.)
Birdman (Ou o filme do Keaton de cueca na times square)
A Rede Social

Algumas esperanças:
Aranhaverso
Três Anúncios Para Um Crime
As vantagens de ser Invisível/Quase 18 (Os dois grandes filmes de adolescência da década na minha opinião)
Que Horas Ela Volta?
Os Suspeitos
Temporário 12
A Ghost Story

Alguns medos:
Sicario
Interestelar
Os Oito Odiados

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Não tenha medo da obra-prima Os Oito Odiados!

Responder
Here's Johnny 25 de janeiro de 2020 - 13:25

Rapaz, eu nem acho um filme ruim, mas queria gostar muito mais dele do que gosto, tirando a estética, as atuações e alguns diálogos, pouca coisa é acima da média, a maior decepção é como o Tarantino trabalhou mal o suspense e exagerou nas suas tarantinices ficando quase caricato.

Se eu fosse colocar um western de suspense na neve nessa lista eu colocaria Terra Selvagem, esse é tematicamente relevante, e muito bem feito.

Responder
ABC 25 de janeiro de 2020 - 21:07

Terra selvagem é espetacular, muito melhor que Oito Odiados.

Esse é um dos filmes que sempre que eu vejo na grade de programação eu paro para assistir.

Aquela cena do “Gavião” mandando o cara andar na neve descalço é antológica.

Além de ser um dos poucos filmes em que a irmã Olsen não está com cara de Kirsten Dunst.

Saudações.

planocritico 26 de janeiro de 2020 - 01:19

Em comparação com Os Oito Odiados, Terra Selvagem é como um fanfilm feito por um cara talentoso que parece que tem futuro…

E tenho dito.

Abs,
Ritter.

Matheus Felipe 25 de janeiro de 2020 - 22:12

Eu tô ficando velho, me pergunto como alguém não gosta de Os Oito Odiados, seria como estar nos anos 90 e não gostar de Pulp Fiction.

Luiz e outros redatores responsáveis pelo top, se Os Oito Odiados estiver em primeiro só quero ver o circo pegar fogo pro lado de vcs kkkkk.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 22:35

A COBRA VAI FUMAR!!!

nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 12:03

hauhauha

Também não gostei desses que você tem medo.

Mas de todos os filmes muito estimados pela crítica, A Rede Social é o que me faz pensar: What the fuck?!

Eu devo ter algum problema, pois acho bem sessão da tarde.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:05

Sério MESMO? AAAAAAAAAAAAAAAAAAAA HELP!

Responder
Gabriel Carvalho 25 de janeiro de 2020 - 12:29

Que isso!!! David Fincher na sua maturidade. Bom demais.

Responder
nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 14:51

Então, eu não consigo ver algo especial no filme e isto acontece com outros do Fincher: Zodíaco, Benjamin Button, Seven… Eu gosto mais do livro Clube da Luta do que do filme e apesar de achar Gone Girl bom, não estaria no meu top 100.

E destes filmes, Zodíaco e A Rede Social são os que menos me agradaram. E eu diria que o roteiro, por vezes bem didático, é o que me incomoda.

Here's Johnny 25 de janeiro de 2020 - 13:25

Ah, não colocaria tão alto na minha lista, mas é um dos poucos filmes biográficos que eu gosto.

Responder
DanaSanders20 25 de janeiro de 2020 - 12:10

Hi. I want to find a mature, considerate, responsible and romantic man here. If you are the one I am looking for, contact me with no hesitation please! Come to site on my profile.

Responder
ABC 25 de janeiro de 2020 - 08:47

Grande hotel Budapeste, A Chegada, Fury Road, Kung Fury e algum Fast and Furious.

Saudações.

Responder
Matheus Felipe 25 de janeiro de 2020 - 11:12

Mad Max, Os Oito Odiados, Parasite, Django Livre, Interestelar, O irlândes, Cisne Negro, Mãe!, A Rede Social, Corra!, O Lobo de Wall Street, Whiplash, talvez A Chegada, La la land, O Grande Hotel Budapeste, Até o Último Homem, As Aventuras de Pi, Os Suspeitos, Guardiões Da Galáxia acredito que ainda apareça. E em primeiríssimo lugar – Tartarugas Ninjas 2 – como esquecer a atuação de Stephen Amell que mudou o mundo com sua performance gloriosa.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 11:26

Acertou em cheio o primeiro lugar! Empatado com CATS!

Responder
Matheus Felipe 25 de janeiro de 2020 - 11:33

Nós dois erramos nessa. Eu disse que Stephen Amell mudou o mundou em sua atuação. Já Cats é o manjar dos deuses feito por mentes incompreensíveis que só queriam trazer um pouco de felicidade a nós humildes, tristes e insignificantes mortais. Isso é atingir oto patamar kkk.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 12:03

AMÉM!!!

NatealovelifeJones28 25 de janeiro de 2020 - 17:27

Hey! Looking for a nice guy, a gentleman who is caring and loving. Go to my profile.

Responder
Victor Martins 25 de janeiro de 2020 - 14:08

O Irlandês
Parasita
Os Suspeitos
Sicario
O Grande Hotel Budapeste
Ilha de Cachorros
Divertida Mente
Mad Max: Estrada da Fúria
Whiplash
Personal Shopper
A Favorita
A Forma da Água
Três Anúncios Para um Crime
La La Land (eca)
Birdman
O Lagosta
Toni Errdmann
Uma Mulher Fantástica
Os Oito Odiados
Django Livre
O Lobo de Wall Street
A Chegada
Moonlight
Manchester à Beira Mar
Retrato de Uma Jovem em Chamas

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 14:15

Você quis dizer “La La Lobby”?

Responder
Elessar 25 de janeiro de 2020 - 16:56

Passou-se o tempo e a perseguição do Luiz a La La Land continua!

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 16:56

HAHAAHHAHHAHAHAHAHA eu sou um INIMIGO PARA A VIDA! 😀

Ana 27 de janeiro de 2020 - 09:13

Na minha lista, os que logo me ocorrem são A fita branca e Amor (os dois primeiros lugares), e todos os outros de M Haneke.
Mais Fatih Akin com Soul Kitchen, Do outro lado, Em pedaços.
Também Em trânsito de C Petzold (que não entrará na de vcs, sei que Santiago não gosta tanto e pelo motivo que mais me faz gostar. Acontece, como diz.) Aliás, gosto de todos os que vi dele.
Gosto muito dos filmes de Atom Egoyan ( mas tenho de pesquisar datas de estréia)
Paterson (que já foi citado, mas lá atrás, e acho que com Culpa, dois filmes excepcionais para mim) e fortíssimo Parasita com certeza.
Acho que são desses que senti falta nas listas anteriores.
Se me ocorrer mais um… envio nova msg.

Responder
Nellio Vinicius 25 de janeiro de 2020 - 00:27

Muitos filmes recentes, será o efeito ancoragem sobre os nossos críticos?
Dessa leva, Regresso foi o filme que fez meus pais nunca mais irem comigo ao cinema, como era o filme que daria o Oscar ao Di Caprio, os convenci a ir, depois dele nunca mais, acharam as cenas viscerais demais.
Dunkirk é o filme que eu não botaria nem nos 100, ok, tecnicamente é lindo, mas esquecível, depois de 1 semana, quem assistiu não lembra, coisa diferente da Origem, que até hoje a galera comenta.
No decorrer das listas, estou notando poucos filmes de ação, ok, teve missão impossível e de volta ao jogo( ação pura), aí eu pergunto o spoiler, vocês lembraram de Mad Max? e de talvez o melhor filme de ação pura, porrada da década, Operação Invasão?

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 01:01

Se houvesse efeito ancoragem, as listas só teriam filmes de um único ano, dois no máximo, considerando a amostragem de 10 anos… O que não é nem de longe a verdade, então está descartado o focalismo.

No caso dos poucos filmes de ação, simples: não consideramos tantos filmes de ação bons o bastante para entrarem nas 3 listas até agora publicadas. Fique de olho na próxima para ver se haverá algum! E claro, sinta-se à vontade para fazer aqui a sua própria lista e elencar os seus filmes favoritos da década!

Responder
JillNichols32 25 de janeiro de 2020 - 17:21

Hey!!! I want to meet a reliable, loving, strong and caring man. See my profile.

Responder
planocritico 25 de janeiro de 2020 - 01:07

Muitos filmes recentes como assim? Mais da metade desses 25 aqui são de 2010 a 2014, ou seja, da primeira metade da década sendo analisada…

E se tem uma coisa que Dunkirk não é, é esquecível.

Abs,
Ritter.

Responder
Cahê Gündel 🇦🇹 25 de janeiro de 2020 - 01:37

Mad Max é top 25, se bobear top 5, se bobear de novo número 1 (como na lista da Cahiers)

Responder
Cahê Gündel 🇦🇹 25 de janeiro de 2020 - 02:36

HAHAHAHAHAHA sempre salvo teus memes

Responder
JohnnaHernandez39 25 de janeiro de 2020 - 16:33

Hello. I like to communicate with interesting people. I’m a young and interesting woman who would like to commit to handling a serious relationship. You can check my profile.

Responder
nuwgott 25 de janeiro de 2020 - 02:47

Ah, eu gostei muito de Dunkirk. Não acho que o filme seja apenas um primor técnico. Ao meu ver, Dunkirk conseguiu ser uma experiência muito mais imersiva e emocional do que 1917, que para todos os efeitos, tinha como fim tais predicativos. A experiência que tive foi claustrofóbica e demasiadamente ansiosa. Eu queria sair daquela praia tal como os britânicos queriam.

O que eu não curti muito do filme foi o Kenneth Branagh (não suporto este ator desde que assisti Hamlet, criei ojeriza) e o que de certa forma ele acaba representando: aquele humanismo britânico um tanto apelativo em detrimento de uma frança relutante. Talvez tenha sido assim, mas achei um nacionalismo um tanto desnecessário, mas direito dele, né?

Agora, mesmo que eu não tivesse gostado do filme e sua proposta, ainda assim não o esqueceria, pois aquela trilha sonora fabulosa não deixaria. Até hoje escuto The Mole. Muita gente gosta do trabalho de Hans Zimmer em Interestellar, mas eu acho que foi em Dunkirk que ele entregou uma obra-prima.

Responder
LisaHulligan33 25 de janeiro de 2020 - 15:10

Hey❤ I want to find my man, the one I can trust and depend on, who will support and just love me for who I am. And he will get all of me in return. I am looking for a feeling of love and happiness. If I meet such man in real life I will love him forever. Come into my profile.

Responder
AnnBoucher37 25 de janeiro de 2020 - 17:45

Hello! I want a man who is serious and sweet and can surprise me with anything as long as it shows that he appreciates me as his partner. I like a chubby man too. I yearn for someone who I can start a family with so I can fulfill my duty as a loving partner. I look forward to the day where I can feel that I finally found someone who is willing to take care of me as much as I am willing to take care of him. I love the idea of being able to travel with my partner. I basically want to enjoy life together with him. If given the chance, I will make sure to shower him with endless love and care for the rest of my life. Come and see my profile.

Responder
Ferdinando Rios 22 de maio de 2020 - 04:33

“Dunkirk é o filme que eu não botaria nem nos 100, ok, tecnicamente é lindo, mas esquecível, depois de 1 semana, quem assistiu não lembra, coisa diferente da Origem, que até hoje a galera comenta.”

É isso!! Eu já chorei vendo os 50 minutos iniciais de A Origem.. e isso na reassistida. Lógico que na terceira vez o impacto não foi o mesmo, mas é filme de top 10 para mim… Já Durkinzzzzzzzzzzk acho que nunca reassistirei.

Responder
Ruqui 25 de janeiro de 2020 - 00:22

Sabemos que gostam muito do Nolan, mas creditar ele como diretor de Incêndios já é demais.

#SomosTodosVilleneuve

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 00:49

Aquele bicho preguiçoso que copia o modelo da posição anterior e não muda todos os termos para a nova posição.

Tem que expulsar esse tal de Luiz Santiago do PC!!! Bicho não presta pra nada!

Responder
planocritico 25 de janeiro de 2020 - 01:07

Sabia que não ia dar certo largar essa responsabilidade no colo desse sujeito…

Abs,
Ritter, o Desapontado.

Responder
Luiz Santiago 🌮😈🐂½ 25 de janeiro de 2020 - 01:07

Eu tava muito ansioso pensando na nova Ilha que a Marvel ia comprar pra gente falar bem dos filmes deles…

Responder
RachelWilliams37 25 de janeiro de 2020 - 16:56

Hello❤ Looking for someone willing to be with me for a lifetime commitment. A man has an attitude of humbleness, genuine, loving and down-to-earth. I want him to be with me for the rest of his life. For more info come to my profile.

JamieCarter33 25 de janeiro de 2020 - 17:08

Hello❤ I’m simple and gorgeous. I’m the kind of lady who’s trustworthy, honest, responsible, and happy. I never doubt about true love and marriage. I always believe I will find my own happiness. I work hard for my family because I want to support them the best way I can. I’m strong enough in facing whatever consequences that life may bring. Please contact me.

Responder
AndreaHoward20 25 de janeiro de 2020 - 17:21

Hey! I am passionate, sexy and I want you to explore more about me. I want to open up to you. For more info come to my profile.

Responder

Escreva um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais