Home TVEpisódio Crítica | Westworld – 3X06: Decoherence

Crítica | Westworld – 3X06: Decoherence

por Luiz Santiago
9 views (a partir de agosto de 2020)
O avanço e as ameaças ao sistema de Serac mostrados de forma mais intensa em Genre certamente teriam um revés notável, e eis aqui as coisas se tornando ainda mais caóticas em Decoherence. De cara, gostaria de tirar de cena o único ponto de que não gostei e seguir adiante trabalhando os elementos do restante do episódio.

  • Há SPOILERS do episódio e da série. Leia, aquias críticas dos outros episódios.

O avanço e as ameaças ao sistema de Serac mostrados de forma mais intensa em Genre certamente teriam um revés notável, e eis aqui as coisas se tornando ainda mais caóticas em Decoherence. De cara, gostaria de tirar de cena o único ponto de que não gostei e seguir adiante trabalhando os elementos do restante do episódio.

Aqui, nós lidamos diretamente com consequências, partindo de um fato específico para depois vermos a sua criação. Isso se dá em todos os blocos, mas o que menos funcionou para mim foi no início do retorno de Maeve. Achei o pequeno retorno para o War World desnecessário, embora consiga entender por que as roteiristas escolheram esse lugar como espaço de passagem. A luta de Maeve com os soldados é mal colocada, entrecortada por cenas que quebram a fluidez do bloco e tornam o momento o menos interessante do episódio. A partir do ponto em que ela e Lee Sizemore vão para o bar, as coisas começam a melhorar vertiginosamente e então esse lado da narrativa encontra seu objetivo e se equipara ao restante dos atos.

Charlotte é posta sob forte vigilância e enfim descoberta por Serac. Por um momento eu achei que a ofensiva seria muito maior do que a ensaiada, mas o passo à frente que Dolores tem aqui garantiu um menor impacto negativo frente aos planos de luta contra a extinção. Tanto aqui quanto no bloco de Maeve temos um maior detalhamento dos objetivos de Dolores, embora a gente saiba que o fator de dominação da humanidade, numa leitura das atitudes dela até agora, não está fora de cogitação. No entanto, impedir que os hosts sejam destruídos e que tenham garantidas as suas vidas me parece aqui a principal intenção. Como a própria Dolores deixou Bernard no jogo e agora com William voltando à cena (o que também me parece algo previamente pensado por ela, em termos de reação em cadeia), acredito que o final da temporada trabalhará intensamente com um dilema moral de garantia da vida de uma espécie frente a segmentos distintos de visão dos personagens.

O processo de terapia de Will foi uma grande surpresa para mim, e Ed HarrisPeter Mullan simplesmente dominam cada segundo que aparecem em cena, tendo ambos as melhores performances do episódio. O retorno para o passado do Homem de Preto me pareceu inicialmente questionável, mas a ligação que o texto faz, no final, como uma conclusão das ações do personagem justificam esse retorno, que na verdade é parte de um enorme confronto. A maneira inteligente como a sequência foi filmada, seu conteúdo, as atuações e o link que esse momento tem com a realidade são as melhores coisas de Decoherence, que termina numa nota grave, daquelas de deixar a gente com o queixo caído e ainda lançar um olhar embasbacado para a Charlotte-Dolores-Terminator saindo da explosão. Agora ela e Maeve têm um impulso passional bem mais forte que outros ideais pelo que lutar. Se a junção desse princípio com o tema da temporada não se render ao lado demasiadamente íntimo da questão, estou topando. Logo mais saberemos!

Westworld – 3X06: Decoherence (EUA, 19 de abril de 2020)
Direção: Jennifer Getzinger
Roteiro: Suzanne Wrubel, Lisa Joy
Elenco: Evan Rachel Wood, Thandie Newton, Jeffrey Wright, Tessa Thompson, Luke Hemsworth, Simon Quarterman, Vincent Cassel, Ed Harris, Rodrigo Santoro, Jimmi Simpson, Peter Mullan, Katja Herbers, Michael Ealy, Jonathan Tucker, Jaxon Thomas Williams, Russell Wong
Duração: 62 min.

Você Também pode curtir

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais