Home Colunas Fora de Plano #71 | Nossa Experiência na 44ª Mostra SP (2020)

Fora de Plano #71 | Nossa Experiência na 44ª Mostra SP (2020)

por Luiz Santiago
468 views (a partir de agosto de 2020)

O propósito deste Fora de Plano é reunir em um único lugar os depoimentos de parte da equipe do Plano Crítico que esteve diretamente envolvida na cobertura da 44ª Mostra SP, que no ano de 2020 foi majoritariamente online (também ocorreram sessões no Belas Artes Drive-in e no Cinesesc Drivein), entre os dias 22 de outubro e 4 de novembro. Logo após os depoimentos, uma lista com os melhores filmes que cada um assistiu nessa edição do evento.

  • Veja aqui a nossa cobertura completa para a 44ª Mostra SP.

.

LUIZ SANTIAGO

Minha história com a Mostra SP já vem de algum tempo. A primeira edição do evento em que participei foi a 30ª, que ocorreu em 2006, com o cartaz desenhado pelo cineasta português Manoel de Oliveira, na época com 98 anos. De lá para cá, eu tenho participado da Mostra sem falta, mesmo nos anos mais atribulados. O mínimo de filmes que já vi em uma edição, até hoje, foi sete. E vale destacar que desde 2012 (a 36ª edição, com cartaz composto por fotografias de Andrei Tarkóvski) eu acompanho o evento como crítico.

É o período do ano em que mergulho em uma das loucuras que mais gosto: correr de uma sala de cinema para outra, enfrentar um sol escaldante e entrar no metrô e depois numa sala congelando, eventualmente pegar algum resfriado ou enfrentar as chuvas de meio e fim de tarde que normalmente caem em outubro em São Paulo (quando não é ano de estiagem). Encontrar amigos sazonais, fazer amizades na fila de um filme muito falado, discutir com alguém fim das sessões. Morrer de ansiedade se vou conseguir trocar ingresso para um determinado filme ou não. Ficar puto por ter que mudar a programação no balcão, às pressas, fazendo contas de horários para ver se um filme não interferiria no começo de outro (até hoje lembro do perrengue que passei para ver A Favorita) e tudo isso sem contar o festival de má alimentação que a gente tem nesses dias e o esforço físico e mental para ver e escrever sobre todos esses filmes diariamente.

Não é fácil, mas como disse, é uma loucura que eu gosto muito de mergulhar. Este ano, porém, devido à pandemia, tudo foi diferente. A Mostra teve a sua edição online e mesmo eu não podendo curtir todo o período por conta de questões de saúde, consegui sentir algum sabor do evento que amo tanto participar. Foram 21 críticas em 14 dias e muitas discussões com os colegas do site e com alguns leitores também. Confesso que ainda prefiro a loucura do evento presencial, pelo calor humano e tudo o que isso traz de surpresas (vocês não têm noção o que foi participar da Mostra em 2014 e 2018), mas a experiência em casa não foi ruim não. Aliás, a maioria dos filmes que peguei este ano foram de bons para cima e, de decepção, decepção mesmo, só tive Dias, do Tsai Ming-Liang, sobre o qual nem cheguei a escrever. Ano que vem, com todo mundo vacinado (assim espero) estaremos de volta às salas, em mais um ano de correrias, loucura e descobertas da Mostra SP.

Os Melhores Filmes Que eu vi Nesta Edição

10º Lugar:  Apenas Mortais

9º Lugar:  Mate-o e Deixe Esta Cidade

8º Lugar: Isso Não É um Enterro, É uma Ressurreição

7º Lugar:  O Nariz ou a Conspiração dos Dissidentes

6º Lugar:  Glauber, Claro

5º Lugar:  Sibéria

4º Lugar:  Bem Vindo à Chechênia

3º Lugar:  A Saída dos Trens

2º Lugar: Another Round (Druk)

1º Lugar:  Nariz Sangrando, Bolsos Vazios

.

KEVIN RICK

Sendo minha primeira vez acompanhando a Mostra SP, eu não tinha exatamente ideia do que esperar. O que mais me surpreendeu foi a diversidade dos filmes escolhidos pelo evento. Tanto pelo gênero, quanto pelas equipes criativas por trás. Sempre fui apaixonado por cinema, mas como estudante recente da sétima arte, ainda me aventurei pouco no cinema mundial, fora do nacional e de Hollywood. Ter a oportunidade de ver tantos trabalhos de cineastas estrangeiros que desconhecia foi espetacular.

Outro fato interessante da minha experiência foi a inesperada nova paixão por documentários. Tive pouco contato com o gênero no decorrer da minha vida, e tinha a impressão que era um estilo de cinema um tanto limitado, que seguia sempre os mesmos conformes. Ah, como estava errado. A Mostra SP é uma experiência que todo cinéfilo brasileiro deveria ter. Para mim, é um evento que reúne o amor por cinema, e que te ensina tanto sobre essa maravilhosa arte.

Os Melhores Filmes Que eu vi Nesta Edição

5º Lugar:  As Veias do Mundo

4º Lugar:  Contos da Prisão

3º Lugar:  499

2º Lugar:  Cracolândia

1º Lugar:  Prefeitura (City Hall

.

RITTER FAN

Já participei de muitos festivais e mostras cinematográficas tanto no Brasil quanto no exterior, especialmente, claro, o Festival do Rio, convenientemente na cidade onde moro. No entanto, tendo em vista a proximidade de datas do Festival com a Mostra SP, além da coincidência de muitos filmes, nunca participei do evento de São Paulo e a versão online de 2020 foi minha primeira vez.

Depois de assistir ao primeiro longa dos que dividimos entre nós, minha reação foi a mais egoísta possível: todo o divertimento que era transitar entre salas de cinema pela cidade, além de conviver com outros cinéfilos, alguns extremamente organizados e capazes de assistir uma infinidade de filmes por dia no que eu só posso imaginar que seja algum tipo de obsessão cafeinada (além de turbinada por algum tipo de teletransporte), havia se perdido. Qual era afinal a graça de participar remotamente de um festival de cinema, mesmo usufruindo da tecnologia e conectando o computador na televisão grande de minha sala?

Mas, na medida em eu fui vendo mais filmes, notei que a versão online da Mostra SP não só estava bem organizada, como o streaming dos filmes era realmente bom, de qualidade, com pouquíssimos problemas de congelamento. Considerando o nível da internet que temos aqui no Brasil e a usual desorganização dos festivais “ao vivo”, isso foi uma surpresa considerável, realmente de se tirar o chapéu. 

Além disso, comecei a perceber o óbvio ululante: um festival online alcançaria MUITO mais gente por todo o Brasil que dificilmente teria essa oportunidade. E esse sentimento deixou-me feliz ao notar um ponto altamente positivo em uma pandemia dessas proporções. Os grandes festivais de cinema do Brasil estão concentrados em algumas poucas capitais e a versão online da Mostra veio para quebrar esse paradigma com o que considero a tempestade perfeita: preço acessível, excelente variedade de conteúdo nacional e estrangeiro e, como disse acima, um ótimo sistema de streaming.

A conclusão que tiro da experiência é que, ainda que, lá no fundo, eu realmente prefira a “confusão” dos festivais ao vivo, o Cinema deveria alcançar o maior número possível de pessoas e um modelo híbrido para todas as mostras futuras – seja de SP, do RJ, de Curitiba, não interessa – deveria ser implantado, permitindo que a população cinéfila de um país de proporções continentais como o nosso seja alcançada sem as tradicionais barreiras geográficas.  

Os Melhores Filmes Que eu vi Nesta Edição

5º Lugar:  O Charlatão

4º Lugar:  Coronation

3º Lugar:  Aranha

2º Lugar: Caminhando Contra o Vento

1º Lugar: Entre Mortes

.

RODRIGO PEREIRA

Com a realização da Mostra de São Paulo 2020 de forma online, por conta da pandemia, pude ajudar na cobertura desse grande evento do cinema no Brasil. Como não moro na capital paulista, foi a primeira oportunidade que tive de participar da Mostra e, ainda que diferente, foi uma grande experiência que levarei para vida. Tive meu primeiro contato com vários diretores e diretoras, com obras majoritariamente de muita qualidade e algumas das melhores que vi no ano, um resultado final bastante positivo. Farei o possível para voltar nas edições futuras e recomendo o mesmo a quem goste da sétima arte.

Os Melhores Filmes Que eu vi Nesta Edição

5º Lugar:  Josep

4º Lugar:  Kubrick por Kubrick

3º Lugar:  Glauber, Claro

2º Lugar: Suor

1º Lugar: Mulher Oceano

Você Também pode curtir

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumimos que esteja de acordo com a prática, mas você poderá eleger não permitir esse uso. Aceito Leia Mais